Mulher Faz Cirurgia Bariátrica Mas Só Consegue Perder 68 kg Com Mudança de Hábitos

Christine Carter, de 28 anos, é detentora de uma história de sucesso de perda de peso, mas sua jornada para um peso feliz e saudável pode parecer um pouco diferente do caminho da maioria das pessoas. E ela não se sente mal por isso.

Em agosto de 2014, Carter foi submetida a uma cirurgia de banda gástrica por laparoscopia mas teve uma recaída. Somente com a mudança de hábitos, te tornando mais saudável, é que conseguiu perder 68 kg e manter o novo peso baixo.

O choque e o momento da mudança…

O momento em que Christine Carter percebeu que precisava levar a sério a perda de peso aconteceu em julho de 2014, quando ela participou de uma reunião de família. Ela não aparecia nas reuniões havia vários anos, e por isso estava ansiosa para se reencontrar com a família.

“Eu vi meu tio favorito do outro lado da sala”, contou Carter. “Quando ele se aproximou de mim, ele simplesmente continuou andando. Ele não me reconheceu porque eu pesava 125 kg… Eu praticamente tive que me apresentar à minha própria família, me senti como se tivesse atingido o fundo do poço”, recordou.

Na época, Carter tinha substituído o seu hábito de fumar pelo vício em comida. Ela conta que vivia estressada e estava gastando pelo menos U$ 2.000 por mês comendo fora em restaurantes de luxo em Dallas.

“A falta controle de porções era o meu problema. Eu comia três vezes a quantidade de comida que deveria”, explicou Carter. “Eu tomava dez medicamentos por dia e ia constantemente em consultórios médicos. Mal podia me mover ou subir um lance de escadas, e eu tinha apenas 26 anos!”

A cirurgia

A cirurgia de banda gástrica diminui o tamanho do estômago, o que ajuda as pessoas a perderem peso, comendo menos e sentindo-se satisfeito mais rápido. A cirurgia remove mais de metade do seu estômago e é uma mudança permanente.

Estudos recentes descobriram que as cirurgias bariátricas ajudam a reduzir o peso e índice de massa corporal seis anos pós-cirurgia. Um estudo constatou recentemente que esta cirurgia pode levar a uma enorme perda de peso e ganhos de saúde que podem durar pelo menos três anos.

A recaída

Inicialmente, Carter (que fez a cirurgia aos 26 anos de idade) perdeu 28 kg após a cirurgia, mas ela ainda comia alimentos não saudáveis, mesmo que em menor quantidade. Após a perda de peso inicial, seu peso começou a rastejar de volta para cima novamente. Ela ganhou 4,5 kg de volta em um mês.

“Eu percebi que ia falhar novamente se não corrigisse a minha mentalidade”, disse Carter. “Eu percebi que a cirurgia era apenas uma ferramenta e você ainda pode se sabotar”.

Vida saudável

Em maio de 2015, Carter contratou um personal trainer, identificado seus maus hábitos alimentares e padrões e começou de uma vez por todas a alterar seu tratamento com a própria saúde.

“Eu não faltei a um único treino e não tinha uma única refeição lixo, e perdi mais 40 kg em novembro,” Carter contou.

Carter trabalhou todos os dias durante uma hora, fazendo principalmente aeróbicos, musculação e exercícios leves. Já que Carter não cozinhava, ela começou a procurar refeições saudáveis pré-prontas em lojas e limitou o consumo de doces até que alcançou sua meta de perda de peso.

Em novembro de 2015, depois de ter perdido 68 kg, ela programou uma abdominoplastia e uma mamoplastia para lidar com o excesso de pele em seu corpo.

“Eu ganhei muito peso no abdômen, e trabalhei muito duro para economizar dinheiro para a cirurgia”, explicou Carter. “Eu sou jovem e queria ser como eu era antes.”

carter2

“O maior peso que tirei foi de cima meus ombros”, disse Carter. “Tudo era um problema antes: eu estava insegura e tinha maus hábitos, Eu me sinto como uma nuvem levantada, estou confiante na vida, é diferente agora…”

Hoje, Carter está usando sua conta do Instagram para inspirar seus 128.000 seguidores a ficarem saudáveis também.

“Lembro-me de como as imagens de transformação me deram esperança, e eu queria inspirar outras pessoas. Eu comecei com 50 seguidores e esse número tem crescido rapidamente”, disse Carter. “Minha maior alegria vem agora de ajudar os outros a se transformarem, da maneira que eu fiz.”

Você conhece alguém que acabou não tendo sucesso com a cirurgia de redução do estômago? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (14 votos, média: 3,93 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*