Neutrofer Engorda? Para Que Serve e Posologia

Especialista:
atualizado em 30/04/2019

Neutrofer (glicinato férrico) é um medicamento que pode ser indicado pelo médico para o tratamento da anemia provocada pela deficiência de ferro. Ele é classificado como um antianêmico, que trata a doença e repõe o mineral nos quadros de deficiência para prevenir o surgimento de anemias em mulheres e crianças.

O seu uso é oral, adulto e pediátrico e a sua venda pode acontecer somente com a apresentação da prescrição médica. As informações são da bula de Neutrofer em flaconetes (espécie de tubinhos) ou gotas, disponibilizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

É verdade que Neutrofer engorda?

Agora que já sabemos para que serve o medicamento, podemos analisar se é verdade que o Neutrofer engorda ou não.

Para saber isso, resolvemos consultar a bula do medicamento em sua versão de flaconetes ou gotas. E, de acordo com o documento, não podemos afirmar que Neutrofer engorda, já que ele não menciona nenhum efeito colateral do remédio que possa provocar diretamente o aumento de peso.

Vale ressaltar que não é verdade que o Neutrofer engorda porque as vitaminas e os minerais (como o ferro do medicamento) não possuem calorias.

De qualquer maneira, se você perceber que engordou ao tomálo, procure o médico e informe-o a respeito do problema, para que o profissional possa verificar o que pode ter originado esse aumento de peso e indique o que você deve fazer para reverter o problema e ficar dentro de um peso considerado saudável para você.

Não interrompa o seu tratamento com Neutrofer sem comunicar e sem ser autorizado pelo médico para fazer isso porque isso pode ser prejudicial para a sua saúde e para o seu tratamento.

Efeitos colaterais de Neutrofer

De acordo com informações da bula do medicamento em flaconetes ou gotas, disponibilizada pela ANVISA, ele pode provocar os seguintes efeitos colaterais:

  • Escurecimento das fezes ou coloração mais intensa da urina, sem qualquer significado clínico;
  • Fenômenos gastrointestinais como sensação de plenitude, dores epigástricas, náuseas, constipação ou diarreia, ocasionalmente;
  • Manifestação de reações de hipersensibilidade (alergia) como sensação de calor, rubor, taquicardia e erupções cutâneas, extremamente rara, com ocorrência praticamente exclusiva em pacientes com alergia reconhecida aos sais de ferro.

Ao experimentar qualquer uma das reações adversas mencionadas acima ou algum outro tipo de efeito colateral, informe rapidamente ao médico a respeito do problema, ainda que o sintoma em questão não aparente ser grave.

Isso é necessário para verificar a seriedade da reação, receber o tratamento apropriado e saber como deve proceder em relação ao tratamento com o remédio.

Contraindicações e cuidados com Neutrofer

O medicamento não pode ser utilizado pelas seguintes pessoas:

  • Que têm alergias aos remédios à base de ferro;
  • Que sofrem com anemias não provocadas pela deficiência de ferro;
  • Que têm asma brônquica;
  • Que sofrem com a artrite reumatoide;
  • Que possuem doenças gastrointestinais;
  • Que têm doença de Chron;
  • Que possuem doenças hepáticas (do fígado) agudas.

Neutrofer deve ser utilizado com cautela nos seguintes casos:

  • Alcoolismo;
  • Hepatite;
  • Infecções agudas;
  • Estados inflamatórios do trato gastrointestinal – como enterite e colite ulcerativa;
  • Pancreatite;
  • Úlcera péptica.

Quando receber a indicação do médico para usar o remédio, o paciente deve informar ao profissional caso tenha recebido repetidas transfusões sanguíneas. É necessário ainda que a mulher avise ao médico caso esteja amamentando e se engravidar durante ou depois do tratamento com Neutrofer.

O uso do medicamento é permitido durante a gestação, porém, somente quando houver a prescrição do médico.

A ingestão de bebidas alcoólicas durante o tratamento com o remédio aumenta as chances de ocorrerem efeitos colaterais e tóxicos do ferro, nos casos em que o uso for prolongado.

Quem tomar algum tipo de medicamento, suplemento ou usar alguma planta medicinal deve informar ao médico para que o profissional verifique se não faz mal utilizar Neutrofer e a substância em questão. As informações são da bula de Neutrofer em flaconetes ou gotas, disponibilizada pela ANVISA.

Posologia de Neutrofer

Como acontece com qualquer medicamento, valer lembrar que a dosagem, os horários de uso do remédio e a duração do tratamento devem ser determinados pelo médico que prescreveu Neutrofer.

A própria bula do medicamento em sua versão de flaconetes ou gotas, disponibilizada pela ANVISA, alerta que para os bebês prematuros, os pequenos que ainda amamentam e as crianças com até quatro anos de idade, a dose diária total é definida de acordo com o peso corporal dos pacientes e o critério médico, levando em consideração a gravidade do caso, o que varia de pessoa para pessoa.

Para os adolescentes, adultos e mulheres grávidas, a dosagem também varia de acordo com a gravidade do quadro de cada paciente e o critério médico, completa a bula de Neutrofer flaconetes ou gotas.

O documento também orienta que o medicamento em flaconetes ou gotas deve ser administrado um pouco antes das refeições ou durante as refeições, que o remédio deve ser agitado antes de ser ingerido e informa que Neutrofer em gotas pode ser misturado em sucos de frutas, refrigerantes, leite, sopinhas, papinhas e alimentos em geral depois do seu preparo.

Para os pacientes portadores de próteses dentárias, é necessário lavar a boca e escovar as próteses imediatamente depois de utilizar Neutrofer para evitar que ocorra o escurecimento.

Atenção

Este artigo serve somente para informar e jamais pode substituir a prescrição e as orientações de um médico, assim como a leitura completa da bula. Portanto, sempre converse com o médico e leia a bula na íntegra antes de começar a usar um medicamento.

Você já tinha ouvido alguém falar que Neutrofer engorda? Teve receitado por um médico este medicamento para tratar anemia? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Felipe Santos e Dra. Patrícia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário