O Que a Falta de Ômega 3 Pode Causar?

Especialista:
atualizado em 04/08/2020

Saber os sintomas da falta de ômega 3 é uma maneira de poder detectar se você está precisando consumir mais essa gordura essencial e evitar problemas de saúde. Veja agora quais são.

O corpo humano é capaz de produzir a maioria dos tipos de gorduras que ele precisa a partir de outras matérias primas ou gorduras, porém esse não é o caso do ômega 3.

Os ácidos graxos ômega 3 que também são chamados de n-3 são essenciais, porém o corpo não pode produzi-los a partir do zero e você deve obtê-las através dos alimentos ou suplementação.

Além de estar presente em vários alimentos, existem aqueles que são fontes muito ricas de ômega 3 que segundo especialista, são bem melhores que os suplementos e além de ser essencial para os adultos, o ômega 3 traz benefícios também para as crianças.

Os alimentos ricos em ômega 3 incluem peixes, óleos vegetais, castanhas (especialmente nozes), vegetais folhosos, óleo e semente de linhaça.

Por que o ômega 3 é tão importante

Esses ácidos graxos são parte integrante das membranas celulares presente em todo o corpo e afetam a função dos receptores celulares dessas membranas.

Eles fornecem o ponto de partida para a produção de hormônios que regulam a coagulação do sangue, a inflamação, contração e o relaxamento das paredes das artérias e também se ligam a receptores nas células que regulam a função genética.

Provavelmente, é devido a esses efeitos que eles demonstraram ajudar a prevenir doenças cardíacas e derrames.

Eles também ajudam a controlar o lúpus, o eczema e a artrite reumatoide e podem desempenhar papeis protetores no câncer e em outras condições.

Porém, um estudo recente sugeriu que a maioria das pessoas não consomem uma quantidade suficiente e provavelmente sofre com sintomas devido à falta de ômega 3.

Se você não atingir a sua corta diária desses ácidos graxos essenciais em sua dieta, isso pode causar vários problemas de saúde, incluindo sono ruim, condições de pele seca e até um risco maior de doença cardíaca.

A nutricionista Amy Morris compartilha os sete sinais mais comuns de falta de ômega 3.


Se algum desses sintomas lhe parecer familiar, não precisa entrar em pânico, na maioria dos casos as deficiências podem ser facilmente corrigidas ao fazer simples alterações em sua dieta e estilo de vida.

Sintomas da falta de ômega 3

Veja agora quais são os sintomas da falta de ômega 3.

Unhas quebradiças

Unhas descascadas, macias e quebradiças são sinais externos de que há algo errado em seu corpo, e isso pode ser uma deficiência de ômega-3.

Muitos estudos demonstraram que o ômega-3 proveniente de fontes animais, como os óleos de peixe, é mais fácil de ser absorvido pelo corpo do que os vegetais, portanto, se possível, incorpore os peixes gordurosos em sua dieta.

Se você é vegano ou vegetariano e acha que pode estar com deficiência de ômega-3, coma bastante castanhas e sementes, óleos vegetais, feijões, vegetais de folhas verdes, produtos de soja e considere tomar um suplemento de ômega-3.

Fadiga

Há várias condições que podem causar a fadiga, mas não há dúvida de que uma deficiência de ômega 3 poderia ser uma delas.

De acordo com o Centro Médico da Universidade de Maryland, Estados Unidos, a fadiga é um sintoma comum de uma deficiência subjacente de ômega 3 e por isso, aumentar suas doses diárias desses ácidos graxos pode ajudar a aumentar seus níveis de energia.

Pele ressecada

Um dos segredos para se manter a pele jovem e hidratada são as gorduras ômega-3 que como você pode ver anteriormente estão presentes naturalmente na estrutura da parede celular.

Porém, quanto maior for a sua falta de ômega 3, mais seca a sua pele será.

Esse ácido graxo também ajuda a pele a absorver nutrientes saudáveis e a expulsar resíduos que são prejudiciais, resultando em uma pele com aparência brilhante e saudável.

Má concentração

Se os peixes gordurosos não estão sempre presentes em sua dieta ou você não toma suplementos de ômega 3, há boas chances de que você tenha problemas com a falta de concentração.

Muitas pessoas experimentaram melhorias significativas em sua concentração, simplesmente consumindo uma dose diária de ômega-3.


A nutricionista Amy Morris recomenda um suplemento de ômega 3 de alta qualidade que combine esse ácido graxo com a vitamina B.

Dores nas articulações

Os ácidos graxos ômega 3 derivados dos óleos de peixe são poderosos agentes anti-inflamatórios, e é isso que os torna tão importantes para as pessoas que sofrem com dores nas articulações.

Garantir a ingestão suficiente de ômega-3 pode interromper o processo que destrói os tecidos e as articulações causando uma inflamação.

Cabelos sem vida

O mesmo ômega-3 que está presente nas células da pele também pode ser encontrado nos folículos capilares, tornando-o um nutriente importante para manter os cabelos brilhantes e saudáveis.

Essas gorduras nutrem os cabelos, ajudam os fios a ficarem mais espessos e também reduzem a inflamação do couro cabeludo que pode levar à perda de cabelo.

Insônia

Um estudo realizado na Universidade de Oxford na Inglaterra descobriu que as pessoas com níveis mais altos de ômega-3 experimentaram um sono de melhor qualidade.

No entanto, a nutricionista aconselha as pessoas a tomares suplementos de ômega-3 pela manhã e não durante à noite, pois isso pode te manter acordado se tomado muito perto da hora de dormir.

Os sintomas de deficiência de ômega 3 mudam com a idade

Crianças e adultos jovens geralmente apresentam sintomas de pele e concentração, porém, com a idade você pode começar a notar sintomas relacionados ao sono e à energia.

Sintomas articulares e cognitivos são comumente observados em pessoas de meia idade e idosos.

Se você estiver sofrendo com alguns desses sintomas relacionados a falta de ômega 3 um médico poderá fazer um exame para saber seus níveis desse ácido graxo.

Sua falta pode ser devido a fatores de estilo de vida que podem afetar o metabolismo das gorduras, como por exemplo fumar cigarros, estresse, consumir bebidas alcoólicas, diabetes, genética ou problemas no sistema imunológico.

Para superar a falta de ômega 3, é importante ingerir alimentos que aumentem os níveis de ácidos graxos em seu corpo bem como para complementar a sua dieta com um suplemento dietético de ômega 3.

Esse ácido graxo apresenta vários benefícios para a saúde, é muito importante para o seu corpo e por isso você deve prestar atenção nos sintomas para saber se está com falta de ômega 3.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já sabia o que a falta de omega 3 pode causar? Já passou por isso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário

1 comentário em “O Que a Falta de Ômega 3 Pode Causar?”

  1. Ola, gente, tudo bem? Sou uma pessoa que há muito tempo, consumo Ômega 3 da Nutrilute, da Empresa AMWAY, são os melhores. Vale a pena investir neles. Os, importados são os melhores. Consumo muito peixe (salmão/ sardinha), e muitas sementes que contém esse óleo graxo.. Sou vegetariano. Pratico atividades fisicas e atletismo todos os dias. Atualmente, estou com 72 anos.(com aparencia de 50 (dizem) kkkkk. Abraços