Prancha lateral com elevação de perna – Como fazer e erros comuns

Especialista da área:
atualizado em 16/02/2022

A prancha lateral com elevação de perna é um exercício que você pode fazer para fortalecer os músculos laterais do abdômen.

Além disso, a prancha lateral ajuda a tonificar o braço e trabalha diversos músculos do corpo, como os glúteos, o quadrado lombar, os músculos oblíquos externos e o transverso abdominal, que aliás, é pouco usado em outros exercícios abdominais. Ao elevar as pernas, os músculos abdutores dos quadris também são exigidos durante a prancha. 

  Continua Depois da Publicidade  

Como se trata de um exercício de isometria, a prancha lateral com elevação de perna também fortalece o core e melhora a postura corporal.

Por fim, este exercício requer mais equilíbrio, coordenação motora e estabilidade do que a prancha lateral tradicional.

Benefícios do exercício

Os principais benefícios da prancha lateral com elevação de perna são:

  • Melhoria da postura, já que o exercício estabiliza e fortalece a coluna.
  • Aumento da consciência corporal, o que contribui para um melhor desempenho em outras atividades físicas.
  • Redução do risco de lesões nas articulações, pois a prancha fortalece desde o tornozelo até os membros superiores do corpo.

Como fazer prancha lateral com elevação de perna

prancha lateral com elevação de perna
Prancha lateral com elevação de perna

Deite-se do lado esquerdo do corpo e mantenha as pernas alinhadas e estendidas, uma acima da outra. O braço direito deve ficar descansando ao lado do corpo, apoiado no quadril.

Então, adote a posição de prancha alta lateral, mantendo apenas o pé e o antebraço esquerdo apoiado no chão. Para isso, apoie o antebraço esquerdo no chão, mantenha o cotovelo dobrado, contraia o abdômen puxando o umbigo para dentro e retire os quadris e os joelhos do chão.

  Continua Depois da Publicidade  

Mantenha seu corpo em uma linha reta, com o cuidado de alinhar a cabeça com a coluna.

Finalmente, mantendo o corpo estável, levante a perna direita até o alto e retorne para à posição de prancha lateral. Lembre-se de soltar o ar levantando a perna e inspire durante a descida. 

Repita o movimento de elevar e descer a perna entre 15 a 20 vezes ou então faça o máximo de repetições que conseguir durante 30 a 60 segundos.

Assim que terminar, volte com cuidado à posição inicial, vire para o outro lado, deite-se do lado direito do corpo e repita o exercício com a outra perna.

Ao fim de cada série, descanse por 1 minuto. Se achar o exercício muito difícil, comece com menos tempo ou menos repetições até se sentir mais confortável para permanecer mais tempo na posição de prancha elevando as pernas.

Erros comuns

Prancha lateral com elevação de perna
Existem alguns erros que precisam ser evitados durante a execução

A prancha lateral não é um exercício fácil, pois ele requer muita concentração, força e equilíbrio. Por isso, erros podem ser cometidos. Para evitá-los, confira abaixo os erros mais comuns.

  Continua Depois da Publicidade  

Desalinhar o corpo

É preciso ter força nos quadris para manter o corpo alinhado durante o exercício. 

Focar no equilíbrio também é importante para não curvar o corpo para frente ou para trás e prejudicar a eficácia da prancha lateral.

Focar no tempo de prancha e não na execução correta

Muitas vezes, as pessoas acham que ficar bastante tempo na posição de prancha é o que torna o exercício eficaz. Mas na verdade, forçar o corpo além do seu limite aumenta o risco de lesões.

Assim, se você não está mais conseguindo manter o corpo alinhado ou elevar a perna sem perder o equilíbrio, o ideal é fazer uma pausa para descanso e tentar novamente em seguida.

Fontes e referências adicionais

Você já consegue fazer a prancha lateral elevando as pernas? Ou ainda está treinando a prancha tradicional? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Francisco Santana

Francisco José Santana é Personal Trainer - CREF 1859 G/SE. Formado pela Univer Cidade RJ 2007, com certificação CORE360º treinamento funcional, Certificação Internacional FNS I e II em avaliação funcional, especializações em suplementação nutricional esportiva, Crosstraining - Scientific Sport, Cineantropometria aplicada, Primeiras ações em emergência, Prevenção de Doenças Laborais, Musculação, Ginástica Corretiva, Spinning (Johnny G), Técnica de Tecidos Moles - Miofacial, e Inteligência Emocional - ASICC

Deixe um comentário