8 remédios caseiros para tendinite

Especialista da área:
atualizado em 19/07/2022

Remédios caseiros com propriedades anti-inflamatórias, analgésicas e cicatrizantes podem ajudar no tratamento da tendinite, uma inflamação que pode afetar os tendões de qualquer articulação do corpo. 

Geralmente, os locais mais afetados pela tendinite são as mãos, punhos, ombros, cotovelos, joelhos e tornozelos. A inflamação provocada pela tendinite causa dor, inchaço e vermelhidão no local. Dependendo da gravidade, ela também pode limitar a movimentação e a funcionalidade do membro inflamado.

  Continua Depois da Publicidade  

Muitos produtos naturais, como arnica, pimenta, babosa e gengibre apresentam substâncias capazes de bloquear o mecanismo biológico envolvido na inflamação. Mas, é fundamental que você continue com o tratamento prescrito pelo seu médico ou médica, caso tenha passado por uma consulta. 

Veja algumas opções de remédios caseiros que podem ser usados como complementares no tratamento da tendinite. 

Compressa de arnica

Arnica
A arnica pode ajudar por conter propriedades anti-inflamatórias e analgésicas

A arnica é uma erva medicinal da espécie Arnica montana, que possui flavonoides e compostos fenólicos que lhe conferem propriedades anti-inflamatórias e analgésicas. Por isso, essa planta pode ser usada como auxiliar no tratamento de problemas de saúde que afetam as articulações, incluindo os tendões, cartilagens e músculos. 

É possível utilizar a infusão de arnica para fazer uma compressa de uso tópico, porém é importante que você não beba o chá da planta, pois ela pode provocar efeitos colaterais como náuseas, vômitos e falta de ar. As grávidas, especialmente, devem ter cuidado com a arnica, pois ela pode ter ação abortiva. 

A arnica contém uma substância chamada lactona sesquiterpênica (helenalina), que age suprimindo a produção de prostaglandina, responsável pela inflamação que causa dor e inchaço na tendinite. 

  Continua Depois da Publicidade  

A compressa de arnica deve ser utilizada sobre a pele íntegra, ou seja, sem feridas ou cicatrizes abertas. 

Ingredientes:

  • 1 colher de chá de flores secas de arnica 
  • 250 mL de água fervente

Como preparar: 

Leve a água ao fogo e, quando levantar fervura, adicione as flores secas de arnica. Apague o fogo e deixe as flores em infusão, abafando o recipiente com uma tampa, durante 10 minutos. 

Depois disso, coe o chá e aplique uma compressa morna de arnica na região afetada pela tendinite, de 2 a 3 vezes ao dia. 

Pomada de pimenta caiena

A pimenta caiena tem um sabor picante devido a uma substância chamada capsaicina, que possui propriedades anti-inflamatórias úteis para diminuir a inflamação da tendinite, quando usada sobre o local afetado. 

  Continua Depois da Publicidade  

A pimenta caiena ativa a circulação no local afetado, promovendo um alívio mais rápido da dor e da inflamação.

Como toda substância aplicada sobre a pele, a pomada de pimenta caiena pode causar sensibilidade em algumas pessoas, por isso é fundamental fazer um teste em um pequeno local, para se certificar de que não terá uma reação alérgica de grande proporção.  

Ingredientes: 

  • ½ xícara, ou 100g, de cera de abelha
  • 2 colheres de sopa (30 g) de pimenta caiena em pó
  • 1 xícara (200g) de óleo de amêndoas.

Materiais: 

  • Recipiente resistente a altas temperaturas
  • Colher de madeira
  • Pote de vidro com tampa

Como preparar: 

  • Despeje a cera de abelha no recipiente adequado, para derretê-la em um banho maria. 
  • Quando a cera estiver derretida, adicione a pimenta e o óleo de amêndoas.
  • Mexa com a colher de pau, em fogo baixo.
  • Deixe os ingredientes em fogo baixo por 10 minutos. 
  • Aguarde até que a pomada esfrie até a temperatura ambiente e transfira-a para o pote de vidro com tampa. Faça a transferência da pomada antes que ela se solidifique. 

Como usar: 

  Continua Depois da Publicidade  

Pegue uma porção da pomada e passe sobre o local afetado pela tendinite, massageando por 5 a 10 minutos, até que você sinta um calor no local. Aplique todos os dias, ou quando sentir dor. 

Compressa com vinagre de maçã

Vinagre de maçã
O vinagre de maçã também pode ajudar na inflamação

O vinagre de maçã é uma substância com ação anti-inflamatória, que pode ser utilizada sobre um local acometido pela tendinite, na forma de compressa. Ele ativa a circulação local, promovendo uma melhor ação das células de defesa e de reparação do organismo sobre os tendões inflamados. 

Como preparar: 

Você precisa combinar partes iguais de vinagre de maçã e água morna. A quantidade depende da sua necessidade, por exemplo, você pode obter 100 mL de solução, misturando 50 mL de vinagre de maçã com 50 mL de água morna. 

Faça uma compressa com o vinagre de maçã diluído sobre o local atingido pela tendinite, deixando-a em contato com a região por 20 minutos. Você pode repetir a aplicação da compressa até 3 vezes ao dia. 

Compressa de gelo

Uma das melhores formas de tratar a tendinite em casa é com compressas de gelo, pois a baixa temperatura exerce um efeito analgésico local, amenizando a dor e diminuindo o inchaço

Existe até um acrônimo em inglês “RICE”, que quer dizer Rest (descanso), Ice (gelo), Compression (compressão) e Elevation (elevação). 

Essa recomendação é válida para tendinite, pois quando você deixa a região afetada em repouso, aplica gelo e deixa-a mais elevada, a inflamação local é reduzida. 

Como fazer: 

Envolva alguns cubos de gelo em uma toalha ou pano fino, formando como se fosse uma trouxa. Deixe-a em contato com o local inflamado por 20 minutos. 

Faça isso de 3 a 4 vezes ao dia, na fase em que a inflamação estiver mais intensa. Quando perceber que o local está menos inflamado, você pode fazer essas compressas de gelo 1 a 2 vezes ao dia. 

Mucilagem de babosa

A Aloe vera, popularmente conhecida como babosa, possui no interior de suas folhas uma mucilagem rica em propriedades anti-inflamatórias e cicatrizantes. Mucilagem é a substância gomosa encontrada dentro das folhas da babosa e que é muito utilizada para fins cosméticos

A babosa consegue penetrar profundamente na pele e agir sobre as articulações, tendões e músculos, desempenhando atividades anti-inflamatórias e cicatrizantes. 

As suas propriedades medicinais provêm da presença de salicilatos, que exercem atividade semelhante à aspirina, no controle da dor e da inflamação, inibindo a produção de prostaglandinas. 

Como usar:

Abra uma folha de babosa e retire apenas a mucilagem de seu interior. Aplique esse gel sobre a pele, cobrindo-a com uma gaze. Deixe o gel em contato com o local afetado pela tendinite por 15 minutos. Você pode fazer essa aplicação até 2 vezes ao dia.

Compressa de óleo essencial de copaíba

O óleo de copaíba é extraído do tronco da planta Copaifera multijuga, e é composto de ácidos resinosos e compostos voláteis. 

O óleo de copaíba é rico em diterpenos e sesquiterpenos, substâncias com ação anti-inflamatória e antisséptica. 

O efeito benéfico do óleo essencial de copaíba no tratamento da tendinite já foi observado por pesquisadores da Universidade Federal de Sergipe, que adicionaram o óleo ao tratamento convencional com ultrassom e obtiveram melhores resultados com o tratamento combinado. 

Ingredientes: 

  • 5 gotas de óleo essencial de copaíba
  • 500 mL de água

Como usar:

Dilua as gotas do óleo essencial de copaíba em água morna e faça compressas de 20 minutos sobre o local inflamado. A aplicação pode ser feita até 3 vezes ao dia.   

Chá de gengibre

Chá de gengibre
Mais um ingrediente que possui propriedades anti-inflamatórias que pode ajudar com a tendinite

O gengibre é uma raiz muito conhecida pelas suas excelentes propriedades anti-inflamatórias. A planta é originária da China e da Índia e é amplamente utilizada na culinária e no tratamento de problemas inflamatórios, como enxaquecas, dores musculares e tendinite. 

Ingredientes

  • Um pedaço de gengibre de mais ou menos 5 cm. 
  • 1 xícara e meia de chá de água, que é o equivalente a 350 mL. 
  • Açúcar, mel ou adoçante à gosto (opcional).

Como preparar

  • Lave bem o gengibre com uma escovinha de lavar legumes.
  • Seque e corte o gengibre em fatias bem finas. 
  • Adicione o gengibre na água e leve ao fogo médio, até levantar fervura.
  • Abaixe o fogo e deixe cozinhar por mais 5 minutos. 
  • Desligue o fogo, tampe a caneca e deixe descansar por 2 minutos. 
  • Coe o chá e, se preferir, adoce.

Chá de cúrcuma

A cúrcuma, ou açafrão-da-terra, é uma planta que pertence à mesma família botânica que o gengibre. 

O açafrão-da-terra possui o composto ativo curcumina, que possui atividade anti-inflamatória e ação antioxidante. Assim, ele é mais uma opção de chá que pode complementar o tratamento da tendinite. 

Ingredientes:

  • 2 colheres de chá de cúrcuma em pó
  • 1 litro de água
  • Suco de 1 limão espremido (opcional)
  • Açúcar, mel ou adoçante à gosto (opcional).

Como preparar:

Ferva a água juntamente com a cúrcuma em pó. A seguir, apague o fogo, adicione o limão e o mel e abafe o chá por 10 minutos. Coe a bebida e ela está pronta para ser consumida.

Fontes e referências adicionais

Qual parte do seu corpo costuma ser afetada pela tendinite? Você já utiliza algum desses remédios caseiros? Se sim, qual? Qual deles você gostaria de testar? Comente abaixo! 

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dr. João Hollanda

Dr. João Hollanda é Médico Ortopedista - CRM-SP 113136. Formou-se pela Santa Casa de São Paulo, com especialização em cirurgia do joelho. É também médico da Seleção Brasileira de Futebol Feminino desde 2016 e médico voluntário do Grupo de Traumatologia do Esporte da Santa Casa de São Paulo desde 2010. Você pode entrar em contato com o Dr. João através de seu site.

Deixe um comentário