Remédios para Bronquite – os 7 mais usados

Especialista:
atualizado em 19/08/2020

Saiba como tratar a sua bronquite e conheça os remédios para bronquite mais usados que podem ser prescritos pelo médico, além de demais cuidados.

Antes de mais nada, a bronquite ocorre quando há uma inflamação que afeta o revestimento dos tubos brônquicos (parte do pulmão responsável por levar o oxigênio dos pulmões para o resto do corpo). Além disso, a bronquite pode ser aguda ou crônica.

Trata-se de um problema muito comum que geralmente surge como uma complicação de uma gripe ou infecção respiratória. Os sintomas da inflamação, como a falta de ar, geralmente melhoram depois de uma semana ou dez dias.

Casos de bronquite crônica podem ser mais difíceis de tratar, mas são menos comuns do que a bronquite aguda. A bronquite crônica é uma doença pulmonar obstrutiva crônica, assim como é o enfisema pulmonar.

Nesse tipo de doença, ocorre um bloqueio parcial ou total do fluxo de ar nos pulmões que pode causar sérias complicações, se deixada sem tratamento.

ilustração de um pulmão

A tosse e a dificuldade para respirar são apenas alguns dos sintomas da bronquite. Em casos de bronquite aguda, os sintomas podem ser confundidos com um resfriado ou gripe forte e, por isso, o diagnóstico médico é fundamental. 

Remédios para bronquite mais usados

Vejamos agora os remédios para bronquite mais usados que podem ser receitados pelo médico que diagnosticar a condição.

1. Paracetamol

O esforço físico envolvido na tosse pode causar dor na garganta e nas costas. Nesses casos, os analgésicos de venda livre como o paracetamol podem ser usados para aliviar a dor associada à tosse.

2. Aspirina

Medicamentos como a aspirina ou o ibuprofeno combinam ação analgésica e anti-inflamatória no combate à bronquite. Este remédio para bronquinte é indicado porque atua diminuindo a inflamação e, com isso, os sintomas da doença.

3. Amoxicilina

Antibióticos como a amoxicilina são recomendados como remédios para bronquite causada por uma infecção bacteriana.

Porém, a maioria dos casos de bronquite é desencadeada por vírus, e nessas situações os antibióticos não são eficazes.

4. Salbutamol

Os broncodilatadores são remédios de ação rápida que causam a dilatação das vias aéreas. Com os músculos da região dilatados, é possível respirar melhor.

O salbutamol é um dos broncodilatadores mais conhecidos disponível para uso oral em comprimidos ou xarope, e também na forma de spray ou solução para nebulização.

Outros exemplos de medicamentos que também fazem parte da classe dos broncodilatadores e que atuam da mesma forma que o salbutamol são o salmeterol, o formoterol ou o brometo de ipratrópio

5. Acetilcisteína

A acetilcisteína é um remédio da classe dos mucolíticos ou expectorantes (chamados também de diluidores de muco) muito usado para diluir o muco que se acumula nas vias aéreas.

A diluição do catarro ajuda a eliminar o muco através da tosse, o que é muito importante para eliminar os vírus ou bactérias que estão causando a infecção. O ambroxol e a bromexina também são expectorantes eficazes para a bronquite.     

6. Prednisona

Os corticosteroides (ou esteroides) estão disponíveis para uso oral ou na forma de medicamentos inaláveis para nebulizador. Em ambas formas, eles são usados para reduzir a inflamação, o inchaço e a produção de catarro.

A forma inalável que é usada em um nebulizador para tosse pode ser indicada em casos de crises ou quando a pessoa tem outras doenças respiratórias como a asma ou a alergia respiratória, por exemplo.

Os esteroides como a prednisona devem ser utilizados em situações de crise por tempo limitado, já que o uso prolongado desse tipo de remédio para bronquite pode causar efeitos adversos.

Entre eles, estão mudanças de humor, alteração no apetite, ganho de peso, dificuldade para dormir e inchaço no corpo.

7. Budesonida

A budesonida é outra opção de corticosteroide usada no tratamento da bronquite. Ele é encontrado principalmente na forma de spray nasal ou inalador bucal.

Trata-se de uma boa opção para quem sofre de bronquite e de outros problemas de saúde como a rinite alérgica.

Remédios caseiros

umidificador
  • Alho: O alho fresco ou a cápsula de alho podem promover alívio da bronquite. De acordo com uma pesquisa publicada em 2016 na revista científica Avicenna Journal of Phytomedicine, o alho pode ser capaz de inibir o crescimento do vírus que causa a bronquite.
  • Gengibre: O gengibre tem um efeito anti-inflamatório útil para o tratamento de infecções respiratórias como a bronquite. Ele pode ser aproveitado na forma de chá, cápsula ou em receitas.
  • Água salgada: O gargarejo com água salgada é muito bom para melhorar a irritação na garganta e remover parte do muco acumulado no local. Basta dissolver 1 colher de chá de sal em 200 ml de água morna e fazer o gargarejo várias vezes ao dia.
  • Cúrcuma: Assim como o gengibre, a cúrcuma também pode ser adicionada em receitas ou no preparo de chás para reduzir a inflamação nos tubos brônquicos.
  • Vapor de água: Respirar ar quente e úmido alivia a tosse e facilita a saída do muco das vias aéreas. Caso você não tenha um umidificador de ambientes, usar o vapor quente da água do banho ou esquentar um pouco de água para respirar o vapor já é suficiente.
  • Mel: O mel ajuda a aliviar a irritação na garganta e a tosse que surgem com a bronquite. Além do mel puro, é possível usá-lo para adoçar um chá quente o que proporciona um alívio ainda mais poderoso.

Tratamentos complementares

1. Hidratação

Beber muito líquido é importante para melhorar sintomas como a tosse. Quando a garganta está seca, é mais provável que o local fique irritado durante uma crise de bronquite.

Além disso, a umidade ajuda a diluir o muco, facilitando a saída do catarro acumulado nos pulmões e nas vias respiratórias. Sendo assim, beba muita água e outros líquidos saudáveis como sucos, chás e sopas.

2. Repouso

O descanso também é parte essencial do tratamento da bronquite. Por causa da infecção e de sintomas como a tosse, é normal que você se sinta cansado.

Assim, respeite os limites do seu corpo e ao sentir cansaço excessivo, descanse, pois o corpo realmente precisa descansar para que a recuperação seja mais rápida e saudável.

3. Nebulização com soro fisiológico

Usar um nebulizador com uma solução esterilizada de soro fisiológico pode auxiliar na diluição do muco. Um médico também pode recomendar a nebulização com remédios para bronquite como os broncodilatadores que reduzem a inflamação e melhoram os sintomas.

4. Fisioterapia

Um fisioterapeuta pode te indicar um plano de exercícios físicos e respiratórios que ajudam tanto na respiração no dia a dia quanto na prática de atividades físicas para fortalecer o sistema cardiorrespiratório.

Cuidados

A bronquite pode ser contagiosa em alguns casos e, por isso, é importante tomar cuidados básicos de higiene como lavar as mãos com frequência e cobrir a boca ao tossir para evitar a contaminação de outras pessoas.

Há casos em que o uso de supressores da tosse (ou antitussígenos) como o dextrometorfano são indicados para aliviar a tosse, principalmente na hora de dormir quando a tosse interfere na qualidade do sono e passa a causar outros problemas.

No entanto, é preciso ter muito cuidado, pois eles apenas interrompem temporariamente a tosse, o que pode conter a saída do muco e piorar a bronquite.

Tais medicamentos só devem ser tomados quando a tosse é seca ou em momentos de crise em que o paciente não é capaz de controlar a tosse. Em muitos casos, é necessária uma combinação de diferentes tipos de remédios para bronquite.

A bronquite que não recebe o tratamento adequado tem a tendência de piorar ou de abrir caminho para outras doenças que afetam o trato respiratório, tais como a asma ou a doença pulmonar obstrutiva crônica.

Além do tratamento medicamentoso, é importante garantir um estilo de vida saudável. Dormir por tempo suficiente, não fumar, manter o ambiente limpo e arejado e ter uma alimentação balanceada e nutritiva é indispensável no combate a qualquer doença, e com a bronquite não é diferente.

Fontes e Referências adicionais:

Você já precisou tomar algum tipo de remédio para bronquite listado acima? Teve bons resultados para melhora dos sintomas? comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário