4 Receitas de Mortadela Vegana Light

Especialista da área:
atualizado em 23/12/2019

O pão com mortadela já virou um clássico brasileiro há muito tempo. Presente em todos os balcões de botecos e padarias, essa delícia já virou parte do cotidiano de muitas pessoas. Em casa também, quando não tem muita coisa na geladeira, no fim de mês, o pão com mortadela sempre salva e é uma super opção de lanchinho. No café da manhã, ele também é bastante apreciado como uma opção de frio, em substituição ao peito de peru, presunto ou queijos.

Se você é vegano, você pode preparar a sua versão de mortadela vegana light em casa com facilidade. Diferente de queijos, presuntos e peito de peru, que são mais difíceis de adaptar para uma versão vegana, a mortadela é bem fácil de preparar. Pode ser feita em banho-maria ou levando à geladeira até adquirir consistência mais compacta.

  Continua Depois da Publicidade  

Abaixo você encontra receitas com feijão branco, feijão de soja, de glúten e castanhas. Opte por aquela que mais agradar. Além de consumir pura, você pode servir em espetinhos e usar como recheio de pizzas e massas veganas. Bom apetite!

1. Receita de mortadela vegana light com feijão branco

Ingredientes:

  • 500g de feijão branco bem cozido, até quase desmanchar;
  • 1/2 xícara de água;
  • azeitonas verdes sem caroço e fatiadas;
  • 1 fatia grossa de tofu cortado em cubinhos;
  • curry a gosto;
  • cominho a gosto;
  • 1 colher de sopa de páprica defumada;
  • sal marinho a gosto;
  • tomilho a gosto;
  • 1 colher de sopa de mostarda em pó;
  • 1 beterraba cozida batida;
  • 2 colheres de sopa de agar agar;
  • 1/2 xícara de cebolinha;
  • 1/2 xícara de salsinha.

Modo de preparo:

Bata a beterraba com o líquido do cozimento no liquidificador e reserve. Corte 2 garrafas pet de água de 1,5L. Reserve as partes arredondadas para dar o formato de mortadela.

Coloque o feijão no processador e junte o alho, curry, cominho, salsinha, páprica defumada, mostarda em pó, cebolinha, tomilho e beterraba. Quando obter um creme tempere com sal a gosto. Reserve.

  Continua Depois da Publicidade  

Coloque numa panela no fogo e despeje a água com agar-agar. Misture até ferver. Deixe por mais 2 minutos sem parar de mexer. Desligue o fogo e junte essa água com agar na mistura do processador. Bata por 1 minuto.

Coloque a mistura do processador em uma tigela e misture as azeitonas e o tofu. Ainda quente despeje nas partes reservadas de garrafa pet. Tampe com a outra parte e leve para gelar na geladeira até ficar consistente. Sirva.

2. Receita de mortadela vegana light com glúten

Ingredientes:

  • 1 kg de glúten cru;
  • 1 xícara de castanha do pará;
  • 2 folhas de louro;
  • folhas de hortelã;
  • 1/4 xícara de leite de soja;
  • 1 xícara de soja cozida;
  • 8 dentes de alho;
  • 2 pimentões;
  • cebolinha picada a gosto;
  • salsa picada a gosto;
  • 2 cebolas raladas;
  • 1/2 xícara de azeite de oliva;
  • 1/2 xícara de molho shoyu.

Modo de preparo:

Bata todos os ingredientes em processador ou liquidificador, exceto o azeite e o shoyu. Em seguida adicione o azeite e o shoyu. Misture bem e coloque a mistura bem compactada em uma lata ou recipiente untado. Aperte bem, tampe e leve para ferver em banho-maria por 1 hora e 30 minutos. Retire com cuidado e corte em fatias ou cubos, como preferir.

3. Receita de mortadela vegana light com castanhas

Ingredientes:

  Continua Depois da Publicidade  

  • 200 gramas de castanhas de caju;
  • 600 ml de água filtrada;
  • 1/3 de xícara de azeitona;
  • 2 colher de sopa de amido de milho;
  • 2 colheres de sopa de cebola desidratada;
  • 3 colheres de sopa de levedo de cerveja;
  • 3 colheres de sopa de catchup;
  • 2 colheres de sopa de mostarda;
  • 2 colheres de sopa de shoyu light;
  • 2 colheres de sopa de ágar-ágar;
  • 1 colher de sobremesa de orégano;
  • 2 colheres de sopa de beterraba ralada;
  • 200 gramas de azeitonas sem caroços.

Modo de preparo:

Triture as castanhas de caju no processador ou liquidificador e reserve. Depois bata no liquidificador os ingredientes restantes, exceto as azeitonas e o levedo. Coloque numa panela e leve ao fogo. Quando levantar fervura misture por 5 minutos ou até desgrudar da panela. Acrescente as castanhas e misture. Deixe mais 1 minuto. Desligue. Acrescente as azeitonas e o levedo e misture bem. Coloque numa garrafa pet untada com óleo cubra com filme plástico e leve para gelar por 6 horas ou mais. Desenforme e sirva como quiser.

4. Receita de mortadela vegana light de feijão de soja

Ingredientes:

  • 1 kg de glúten cru;
  • 1 xícara de feijão de soja cozido;
  • ¼ xícara de leite de soja natural;
  • 2 cebolas;
  • 5 dentes de alho;
  • 2 pimentões;
  • 1 maço de cebolinha;
  • 1 maço de salsa;
  • 2 folhas de louro;
  • folhas de hortelã a gosto;
  • 1 xícara de castanha-do-pará crua;
  • sal a gosto.

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes em um processador. Acrescente ½ xícara de azeite e um pouco de shoyo. Processe bem até obter uma mistura homogênea. Coloque em uma lata e prense bem para que fique bem compacta. Feche a lata tampando bem. Leve para ferver em uma panela de pressão com água em banho-maria por 45 minutos. Espere esfriar, desenforme e sirva! Pode adicionar os temperos da preferência.

O que você achou dessas receitas de mortadela vegana light que separamos acima? Pretende experimentar alguma para dar uma variada na sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média 4,50)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

3 comentários em “4 Receitas de Mortadela Vegana Light”

  1. Na condição de vegana, há muitos anos, sempre evitei alimentos veganos com nomes de alimentos de origem animal, tipo, hamburgueres, salsicha, linguiça, presunto, etc. porque o vocábulo reporta à crueldade contra os animais e, mesmo porque, os alimentos veganos, oriundos da Mãe Natureza, com seus nomes próprios sem vestígios de sangue, já são demais da conta.

    Responder