Avicis Funciona? Resultados, Efeitos Colaterais e Como Usar

Especialista:
atualizado em 04/12/2019

Avicis (alfaestradiol) é um medicamento que pode ser indicado para o tratamento da alopecia androgenética, que é a queda dos cabelos em decorrência de fatores hormonais, em homens e mulheres.

Ele é encontrado na forma de solução tópica, o seu uso é tópico e adulto e o remédio pode ser comercializado somente com a apresentação da receita médica. As informações são da bula de Avicis, disponibilizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Será que Avicis funciona mesmo?

A bula do medicamento explica que ele atua no couro cabeludo de maneira direta sobre os fatores responsáveis pelo desenvolvimento da calvície, no entanto, sem apresentar efeitos hormonais.

O documento também deixa claro que não se deve esperar resultados de melhoria na queda dos cabelos em decorrência da utilização do produto antes de pelo menos um mês de tratamento.

Portanto, uma conclusão que já podemos tirar a partir daqui é que não é verdade que Avicis funciona de forma instantânea.

Mas qual a melhor forma de assegurar que Avicis funciona mesmo depois de um mês de tratamento? É procurar o auxílio de um médico dermatologista para que o profissional analise o seu problema de queda de cabelos, identifique a origem da condição e determine se o tratamento com o medicamento realmente pode auxiliar.

Se não for o caso, o dermatologista indicará outra estratégia mais apropriada para lidar com o seu problema.

Essa necessidade torna-se ainda mais evidente quando lembramos que Avicis pode ser comercializado somente com a apresentação da prescrição médica.

Como se não bastasse, a própria bula do medicamento alerta que usar o remédio sem o conhecimento do médico pode ser perigoso para a saúde do usuário.

Ou seja, é fundamental consultar o dermatologista não somente para verificar se Avicis funciona para o seu quadro de queda de cabelos, como também para certificar-se de que o medicamento não pode fazer mal.

Você verá no decorrer deste artigo que o remédio tem contraindicações e pode provocar efeitos colaterais, portanto, é necessário agir com segurança e utilizá-lo sob orientação médica.

Mesmo que Avicis tenha funcionado para uma pessoa que você conhece sem fazer mal a ela, tenha em mente que cada indivíduo tem um organismo com suas próprias características e necessidades e o seu próprio quadro de problema de queda dos cabelos.

Assim, por mais que o medicamento seja bom para alguns pacientes, é possível que ele não seja tão bacana para outros.

Efeitos colaterais de Avicis

De acordo com informações da bula do remédio, disponibilizada pela ANVISA, ele pode provocar os seguintes efeitos colaterais:

  • Queimação, coceira ou avermelhamento do couro cabeludo, especialmente em decorrência da aplicação do produto em excesso;
  • Maior secura no couro cabeludo;
  • Desconforto da pele;
  • Sensação de ardor;
  • Vermelhidão;
  • Prurido – sensação de irritação que provoca coceira na pele.

Ao experimentar qualquer uma das reações adversas descritas acima ou ainda algum outro tipo de efeito colateral, é necessário procurar rapidamente o auxílio do médico, mesmo que a reação em questão não aparente ser grave.

Isso é fundamental para checar a seriedade do sintoma, receber o tratamento apropriado caso seja necessário e verificar com o médico como proceder em relação à utilização de Avicis.

A bula do medicamento, disponibilizada pela ANVISA, alerta que o tratamento com o remédio não pode ser interrompido sem que haja o conhecimento do médico.

Contraindicações e cuidados com Avicis

O medicamento não pode ser utilizado pelos seguintes grupos de pessoas:

  • Que têm alergia aos componentes da fórmula do remédio;
  • Que têm menos de 18 anos de idade;
  • Mulheres que estejam grávidas – a não ser que haja a orientação médica;
  • Mulheres que se encontrem no processo de amamentação de seus nenéns.

Antes de iniciar o tratamento é fundamental informar ao médico caso faça uso de qualquer outro tipo de medicamento, suplemento ou planta medicinal para que o profissional verifique se não faz mal utilizar Avicis e a substância em questão ao mesmo tempo.

O remédio deve ser aplicado somente em couros cabeludos intactos, ou seja, sem feridas, e não deve ser passado em outras partes do corpo. O paciente deve evitar o contato do medicamento com os olhos e as mucosas.

Caso o usuário aplique Avicis em excesso e sofra com reações locais muito intensas, a utilização do medicamento deverá ser interrompida por um a dois dias e o médico e o paciente deverá procurar a orientação do médico rapidamente.

Tratamentos com o remédio que tenham uma duração superior a um ano devem acontecer somente sob a orientação do médico. As informações são da bula de Avicis, disponibilizada pela ANVISA.

Como usar Avicis

O ideal – e recomendado pela bula de Avicis, disponibilizada pela ANVISA – é obedecer as recomendações do médico em relação as dosagens, aos horários de utilização e a duração do tratamento com o remédio.

Como vimos no começo do texto, o medicamento deve ser comprado somente com a orientação médica. Além disso, também já sabemos que a bula de Avicis alerta que usar remédio sem o conhecimento do médico pode ser perigoso para a saúde do usuário.

Dito isso, a bula do remédio orienta a aplicar o produto no couro cabeludo uma vez por dia, preferencialmente à noite, fazendo uso do aplicador em movimentos leves, que devem durar aproximadamente um minuto.

A bula também recomenda que o paciente utilize as pontas dos dedos para massagear o produto, uma vez que ele tiver sido aplicado no couro cabeludo, e que lave as mãos depois de utilizar Avicis.

Caso o usuário aplique o remédio depois do banho, a bula recomenda que ele seque bem os cabelos antes de passar o medicamento.

Ainda de acordo com as informações do documento, quando o quadro de alopecia melhorar, a frequência de aplicação do remédio poderá ser diminuída para uma vez a cada dois ou três dias, entretanto, é o médico quem deve determinar essa diminuição.

A seguir, você confere o passo a passo de como usar o medicamento, apresentado em sua bula:

Imagens: Bula Avicis via ANVISA

Atenção

Este artigo serve somente para informar; não pode substituir a prescrição e as orientações de um médico assim como a leitura completa da bula. Portanto, sempre converse com o médico e leia a bula na íntegra antes de começar a usar um medicamento.

Fontes e Referências Adicionais:

Você conhece alguém que tenha utilizado e afirme que o Avicis funciona? Tem vontade de experimentá-lo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (15 votos, média: 4,07 de 5)
Loading...
Sobre Felipe Santos e Dra. Patrícia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário