Rogaine Funciona? Antes e Depois e Como Usar

Produto comercializado no exterior que promete auxiliar o tratamento da alopecia androgenética, condição que é popularmente conhecida como a temida calvície, será que Rogaine funciona mesmo?

O medicamento, também conhecido como Minoxidil tópico, é encontrado na forma de espuma (utilização exclusiva para homens) e em uma versão líquida (uso masculino e feminino).

Inicialmente, o Minoxidil era um medicamento vasodilatador oral utilizado no tratamento da pressão alta, até que foi identificado que um de seus efeitos colaterais podia ser o crescimento de cabelos nos usuários do remédio.

Com isso, nos anos 80 passou a ser fabricada uma solução tópica destinada ao tratamento da calvície e queda de cabelos com o nome comercial de Rogaine, contendo o Minoxidil em sua composição. Aproveite para já conhecer as causas da calvície feminina e melhor tratamento e poderosos alimentos contra queda de cabelo.

Além do Minoxidil, o medicamento é composto por extratos botânicos, por emolientes e pelo ácido alfa-hidroxi.

Será que Rogaine funciona?

Mesmo que você conheça alguém que afirme que Rogaine funciona ou já tenha visto imagens de antes e depois que mostram bons resultados com o produto, isso não significa que ele será necessariamente eficiente para o seu problema de calvície.

Especialistas alertam que o produto não trata quedas de cabelos associadas à gestação ou tratamentos médicos e que ele não pode ser utilizado para lidar com as entradas no cabelo.

A pessoa que compra Rogaine para a sua calvície corre o risco de não obter os resultados almejados e prometidos ao usar o produto. O ideal mesmo é seguir o conselho da Anvisa e procurar o auxílio de um médico dermatologista para receber o tratamento adequado, baseado nos motivos da sua calvície.

O dermatologista é qualificado para avaliar o seu caso de calvície, dar um diagnóstico preciso e, a partir disso, definir o tratamento mais seguro e eficiente para o seu quadro em particular, além de ensinar como usar o remédio ou produto indicado e autorizado por ele para tratar a sua condição.

Efeitos colaterais de Rogaine

Rogaine pode causar diversos efeitos colaterais, dentre eles a coceira no couro cabeludo e reações alérgicas. Grandes quantidades de Minoxidil (substância empregada na composição do produto) ou sua utilização em um couro cabeludo queimado pelo sol podem resultar em uma absorção elevada do medicamento, o que pode trazer problemas.

Outros efeitos colaterais associados ao uso do produto são:

  • Acne na área na qual a solução tópica é aplicada;
  • Dor de cabeça;
  • Hipertricose (excesso de pelos);
  • Disfunção erétil;
  • Pressão arterial muito baixa;
  • Batimento cardíaco irregular ou rápido;
  • Pele ruborizada;
  • Visão turva;
  • Falta de sensibilidade nas mãos, pés ou face;
  • Diminuição do desejo sexual;
  • Dor no peito;
  • Ganho de peso rápido;
  • Suor nas pernas, mão, pés ou face.

De acordo com especialistas, todos os efeitos colaterais apresentados acima – com exceção da acne – podem indicar que está havendo uma utilização excessiva do Minoxidil.

Ao paciente que experimentar reações adversas como dor no peito, palpitação, tontura ou desmaio, ganho de peso abrupto e sem causa aparente, inchaço nas mãos ou pés, irritação ou vermelhidão no couro cabeludo e crescimento de pelos indesejados no rosto, recomenda-se suspender a aplicação do medicamento, o que deve ocorrer com a supervisão do médico.

O mais seguro é que, ao sofrer com qualquer efeito colateral em decorrência da utilização de Rogaine, o auxílio médico seja rapidamente procurado, ainda que a reação em questão não aparente ser grave.

Isso é fundamental para verificar o real grau de seriedade do sintoma, receber o tratamento apropriado caso seja necessário e checar com o médico qual a maneira mais segura de descontinuar o uso do medicamento.

Contraindicações de Rogaine

De maneira geral, Rogaine não deve ser utilizado sem a avaliação e indicação médica, por bebês, crianças ou menores de 18 anos de idade, por mulheres que estejam grávidas ou no período do aleitamento e pacientes que sofrem com um couro cabeludo inflamado, infectado, irritado, dolorido ou com cortes e lesões.

Vídeos:

Gostou das dicas?

Você conhece alguém que tenha utilizado que afirme que o Rogaine funciona mesmo? Tem curiosidade de experimentar? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe um comentário