Carbúnculo – O que é, sintomas e como tratar

Especialista da área:
atualizado em 22/04/2021

Caroços na pele podem ser um sinal de carbúnculo. Saiba o que é, quais são os sintomas e como tratar essa infecção que afeta a pele.

  Continua Depois da Publicidade  

Às vezes, as pessoas o confundem com um furúnculo. Por isso, veja o que é um furúnculo para nunca mais se confundir.

Além de causar dor, o carbúnculo pode deixar a pele com um aspecto feio. Há também o risco de infecção nos folículos capilares, causando a foliculite.

Ou seja, existem motivos de sobra para você evitar o carbúnculo e inicie o tratamento precoce caso a infecção atinja a sua pele.

Carbúnculo – O que é

O carbúnculo ou antraz é uma infecção causada pela bactéria Bacillus anthracis ou Staphylococcus aureus.

Na verdade, o carbúnculo é um grupo de furúnculos em uma área específica do corpo. Devido à alta concentração de furúnculos em um mesmo local, a infecção pode causar uma lesão significativa na pele.

A contaminação pela bactéria ou fungo que causa o carbúnculo se dá por várias formas, como por exemplo:

  • Inalação de esporos;
  • Contato com animais contaminados;
  • Ingestão;
  • Contato com a pele;
  • Contato com o solo contaminado.

Sintomas

ferida de carbúnculo

Os sintomas podem variar dependendo do local e do tipo da infecção. Ainda assim, a forma mais comum de carbúnculo é a manifestação da infecção na pele.

Nesse caso, os sintomas de carbúnculo cutâneo podem incluir:

  • Caroço escuro na pele;
  • Coceira;
  • Bolha que se rompe;
  • Ferida com crosta preta;
  • Presença de pus no meio da ferida;
  • Vermelhidão ou nódulo vermelho na pele;
  • Inchaço ao redor da ferida.

Além dos sintomas visíveis na pele, é possível que a pessoa sinta:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Febre;
  • Dor de cabeça;
  • Inchaço dos linfonodos.

No entanto, as bactérias ou fungos que causam o carbúnculo também podem afetar outros órgãos além da pele. É o caso, por exemplo, do carbúnculo gastrointestinal que pode causar sinais como:

  • Diarreia com sangue;
  • Vômito;
  • Pescoço inchado;
  • Dor de garganta;
  • Dor abdominal.

Por fim, o carbúnculo contraído por inalação de partículas contaminadas também pode causar os seguintes sintomas:

  • Dor muscular;
  • Tosse seca;
  • Dor do peito;
  • Suor frio;
  • Dificuldade para respirar;
  • Queda da pressão arterial.

Fatores de risco

Algumas pessoas têm uma chance mais alta de desenvolver carbúnculo. É o caso de quem sofre de:

Pessoas com outras doenças de pele como o eczema, por exemplo, podem ter um risco maior de ter furúnculo e carbúnculo na pele.

Como tratar

Na maioria dos casos, o carbúnculo é tratado com antibióticos. Embora as complicações de saúde sejam muito raras, é muito importante tratar o problema para diminuir ao máximo esse risco.

Assim, é recomendado o uso de antibióticos como por exemplo:

  • Ciprofloxacina;
  • Eritromicina;
  • Tetraciclina;
  • Gentamicina.

Às vezes, também é necessário usar corticoides para aliviar alguns sintomas mais rapidamente.

Além disso, aplicar uma compressa morna várias vezes ao dia pode aliviar a dor. Mas tenha o cuidado de não dividir essa compressa com ninguém e higienizar bem após o uso.

  Continua Depois da Publicidade  

Quanto antes você iniciar o tratamento, melhor será para a sua pele e para a sua saúde. Além disso, você reduz o risco de espalhar a infecção para outras pessoas do seu convívio.

Nunca tente espremer ou furar um carbúnculo, pois isso pode espalhar ainda mais a infecção e dificultar o tratamento. Se necessário, um médico vai drená-lo e cuidar da sua pele.

Sendo assim, vá até o dermatologista e siga as orientações corretas para diminuir o risco de cicatrizes e para acabar com os sintomas desagradáveis do carbúnculo.

Fontes e Referências Adicionais

Você já teve um carbúnculo? Como foi o tratamento? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário