Cartilagem de Tubarão Funciona? Para Que Serve, Efeitos Colaterais e Indicações

🕐 16/01/2020

A Cartilagem de Tubarão é o tecido elástico resistente que fornece suporte para o corpo assim como os ossos. Confira a seguir para que serve como um suplemento, quais são suas indicações e possíveis efeitos colaterais.

A mais utilizada na medicina vem principalmente dos tubarões capturados no Oceano Pacífico. Muitos outros tipos de extratos são feitos a partir da cartilagem de tubarão, como o lactato de esqualamina, U-995 e AE-941, como também é conhecida.

Além desses nomes, ela também é chamada de cartilagem de rejuvenescimento, Cartilagem de Requino, Colágeno Marinho, Pó de Cartilagem, Cartilagem Líquida Marinha, entre outros.

Veja algumas opções de alimentos que rejuvenescem que também podem ser úteis no dia a dia e alguns poderosos alimentos que previnem o câncer.

Para que serve cartilagem de tubarão? Principais indicações

Disponível na forma de suplemento dietético, acredita-se que a cartilagem de tubarão oferece uma série de benefícios para a saúde, inclusive podendo ajudar a combater o câncer, já que contém vários compostos importantes como as proteínas, que são conhecidas como glicoproteínas e proteoglicanas, além de colágeno, cálcio, fósforo e mucopolissacarídeos.

Ainda há poucos estudos que confirmam todos esses benefícios, mas confira alguns deles:

– Câncer

A cartilagem de tubarão é uma terapia alternativa muito utilizada para o câncer, mas de acordo com os resultados de um dos primeiros estudos rigorosos sobre esta abordagem, ela não ofereceu muitos benefícios.

Este ensaio clínico foi encomendado pelo Congresso norte-americano e patrocinado pelo National Cancer Institute (Instituto Nacional de Câncer) que testou um extrato de cartilagem de tubarão desenvolvido como medicamento pela Aeterna Zentaris, uma empresa canadense.

O Dr. Charles Lu do Anderson Cancer Center em Houston, EUA, principal investigador do estudo, disse que havia motivos para acreditar que a cartilagem poderia funcionar, pois ela fornece alguns fatores que podem impedir a formação de vasos sanguíneos, e já foi demonstrado com outros medicamentos que cortar o suprimento de sangue para os tumores é eficaz no combate ao câncer.

Neste estudo, que foi realizado com 384 pacientes com câncer de pulmão, tanto no Canadá como nos Estados Unidos, o extrato de cartilagem de tubarão foi dado como um líquido que os pacientes tomavam duas vezes ao dia.

Uma outra pesquisa sugere que o U-995 presente nesta cartilagem possui efeito anti-angiogénicos, e isso pode ser devido à interferência com a proliferação e migração de HUVECs – Célula endotelial de veia umbilical humana, bem como a inibição da colagenólise, conduzindo assim à inibição da angiogénese e o crescimento de células tumorais.

Apesar destes resultados preliminares, poucos ensaios clínicos demonstraram que a cartilagem de tubarão pode proporcionar benefícios anticâncer.

Por exemplo, em um estudo realizado e publicado na revista Cancer, os pesquisadores descobriram que essa cartilagem não conseguiu melhorar a sobrevivência em pessoas com câncer avançado.

Neste estudo, 83 pacientes com câncer avançado receberam cartilagem de tubarão ou placebo em combinação com o tratamento padrão, e os pesquisadores não encontraram diferença na sobrevivência entre os dois grupos. A cartilagem de tubarão também parece não ter efeito na qualidade de vida.

– Psoríase

Há algumas evidências de que esse suplemento pode ser um tratamento promissor da psoríase, uma doença de pele relativamente comum que causa irritação e vermelhidão.

Por exemplo, um estudo publicado no Journal of American Academy of Dermatology descobriu que o AE-941 (um produto que contém extrato de cartilagem de tubarão) pode ajudar a controlar os sintomas da psoríase.

O estudo foi realizado com 49 pacientes com a condição, e cada um recebeu doses variadas de AE-941 durante 12 semanas. Os resultados revelaram que aqueles que receberam doses mais elevadas de AE-941 experimentaram melhorias significativas em vários sintomas da psoríase, incluindo a coceira.

– Osteoartrite

Quando a cartilagem de tubarão em combinação com sulfato de condroitina, cânfora e sulfato de glicosamina é aplicada à pele, seja através da sua fórmula em creme ou gel, por exemplo, supostamente reduz os sintomas da artrite. Porém, qualquer alívio dos sintomas ocorre mais provavelmente devido ao efeito da cânfora e não dos outros ingredientes.

Além disso, não há pesquisas que comprovam que a cartilagem de tubarão é absorvida através da pele.

– Perda de visão relacionada à idade (degeneração macular relacionada à idade)

Pesquisas iniciais sugerem que tomar um extrato específico de cartilagem de tubarão, o AE-941, por 24 semanas pode melhorar ou estabilizar a visão em pessoas com perda de visão relacionada à idade.

Outras condições que a cartilagem de tubarão costuma ser utilizada no tratamento são:

  • Artrite;
  • Inflamação intestinal;
  • Cicatrização de férias;
  • Complicações oculares;
  • Entre outras.

Porém, mais evidências são necessárias para avaliar os benefícios da cartilagem de tubarão para esses usos.

Gel e creme de cartilagem de tubarão

Além dos suplementos, você poderá encontrar a cartilagem de tubarão em forma de gel e creme, que são utilizados para massagear os músculos, articulações, reduzir inchaços nas pernas e nos pés, aliviar dores nas costas e cansaço muscular.

Eles devem ser aplicados massageando com movimentos circulares o local a ser tratado por cerca de 10 a 15 minutos ou até que a pele absorva todo o produto.

Efeitos colaterais

Quando tomada nas doses recomendadas, uma quantidade limitada de pesquisas publicadas sugere que a cartilagem de tubarão é bem tolerada pela maioria das pessoas. Os efeitos colaterais mais comuns relatados são náusea e dor de estômago de leve a moderada.

Ela pode alterar os níveis de açúcar no sangue, e por isso é aconselhável que as pessoas com diabetes e que tomam medicamentos, homeopatia ou suplementos que afetam o açúcar no sangue a tomem com precaução. Pode ser necessário monitorar os níveis de glicose no sangue por um profissional de saúde qualificado e até ajustes de medicações.

A cartilagem de tubarão também pode causar pressão sanguínea baixa, por isso é aconselhável que pessoas com essa condição ou que tomam medicamentos, ervas ou suplementos que baixam a pressão tomem cuidado ao consumir esse suplemento.

Pessoas com problemas cardíacos, ritmos cardíacos anormais, disfunção hepática, disfunção renal, distúrbios musculoesqueléticos, distúrbios pulmonares, estomacais, intestinais e alergias ao enxofre devem usar com cautela, bem como aquelas que recebem quimioterapia e aquelas que necessitam de um ensaio de troponina-I para testar a diminuição do fluxo sanguíneo para o coração.

Pessoas com alergia ou sensibilidade à cartilagem de tubarão ou qualquer um dos seus ingredientes, incluindo sulfato de condroitina e glucosamina, e aquelas que irão passar por alguma cirurgia ou sofreram algum traumatismo devem evitar este suplemento.

A cartilagem de tubarão pode causar ritmos cardíacos anormais, alterações da consciência, crescimento de vasos sanguíneos entupidos, inchaço, cãibras, diminuição da sensibilidade e força motora, dores ósseas, diarreia, fraqueza generalizada, dificuldade respiratória, tonturas, inflamação do fígado, náuseas, baixos níveis de glóbulos brancos, dores de estômago e alteração do paladar.

Esse produto também não é recomendado para crianças.

Gravidez e amamentação

A cartilagem de tubarão deve ser evitada por mulheres grávidas ou que estão amamentando, pois pode bloquear o crescimento de novos vasos sanguíneos, além de poder causar defeitos congênitos. Há poucos estudos dos efeitos da cartilagem de tubarão nestas áreas.

Dosagem

Para maximizar a absorção de doses via oral, a cartilagem de tubarão deve ser tomada com o estômago vazio. Sucos de frutas ácidas, como maçã, uva, laranja e tomate devem ser evitados por 15 a 30 minutos antes e depois da dosagem.

Antes de começar a suplementação com cartilagem de tubarão, converse com o seu médico. Se usá-la, faça como indicado na embalagem ou conforme indicado pelo seu médico, farmacêutico ou outro profissional de saúde. Não use mais do que o recomendado no rótulo.

Acredita-se que este suplemento é seguro quando tomado por via oral por até 40 meses, ou quando aplicado na pele, por até 8 semanas.

Não ingira as formas tópicas (creme ou gel), pois elas servem apenas para o uso na pele.

Não use diferentes formas de cartilagem de tubarão, como comprimidos, tintura, líquidos, chás, etc., ao mesmo tempo sem que haja orientação médica. Usar diferentes formulações em conjunto aumenta o risco de uma overdose.

Ligue para o seu médico se a condição que está tratando com cartilagem de tubarão não melhorar ou se piorar ao usar este produto.

Preço da cartilagem de tubarão

Você poderá encontrar a cartilagem de tubarão em 3 versões: gel, creme e em cápsulas.

O preço do creme de cartilagem de tubarão varia de acordo com a marca e tamanho. Uma embalagem de 200 ml custa entre R$ 4,00 e R$ 20,00. Já o valor dos suplementos, bem como o gel e creme, irá variar de acordo com o fabricante, bem como a quantidade de cápsulas presente em cada embalagem. Uma embalagem com 120 cápsulas custa em média entre R$ 20,00 e R$ 30,00.

Cartilagem de tubarão funciona?

Ainda há poucas evidências científicas que comprovam os efeitos da cartilagem de tubarão e os benefícios que ela oferece para qualquer condição de saúde, mas alguns estudos mostram que ela pode ser benéfica para os usos citados acima.

Lembre-se sempre de consultar o seu médico antes de começar a suplementação, até porque ela não deve ser tomada em combinação com alguns medicamentos.

Você já ouviu falar que cartilagem de tubarão funciona? Pretende utilizar para algum dos benefícios citados acima? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe um comentário