Diacereína Engorda? Para Que Serve e Efeitos Colaterais

Especialista:
atualizado em 30/10/2019

A diacereína é o princípio ativo do Artrodar, um medicamento de uso adulto para tratar casos de osteoartrite. Você descobrirá a seguir se a diacereína engorda e informações muito valiosas sobre para que ela serve exatamente, como ela atua no seu corpo, seus efeitos colaterais e muitas outras informações que trarão luz sobre os problemas do reumatismo.

Existem mais de 100 doenças reumáticas diferentes. Geralmente elas causam muita dor, são progressivas e crônicas. A artrite reumatoide, por exemplo, é uma doença autoimune em que o sistema imunológico agride os tecidos que revestem as articulações. Para combater esse mal, você pode conhecer os remédios para reumatismo mais usados e que não engordam.

Outras doenças tidas como reumáticas são a fibromialgia, gota, febre reumática, artrose, lúpus eritematoso, entre outras. Alguns dos seus sintomas são as dores e o inchaço nas articulações, fadiga, perda de apetite, rigidez na área inflamada, febre, e os famosos nódulos. Vale a pena também dar uma conferida em todos os sintomas e tratamentos para o reumatismo.

Para que serve a Diacereína? 

O medicamento está indicado para tratar casos de osteoartrite, uma condição também conhecida pelo nome de artrose, que é caracterizada por uma degeneração lenta e progressiva da cartilagem articular. Suas causas estão associadas à origem genética ou a uma sobrecarga à cartilagem articular.

A substância trabalha no estímulo da produção de componentes da cartilagem e no bloqueio dos mediadores da resposta inflamatória que fazem parte do processo de degradação da cartilagem.

A orientação é que o remédio seja consumido juntamente com uma refeição, tendo em vista que os alimentos melhoram a sua absorção. Pessoas com insuficiência renal severa devem consumir uma dose diária correspondente à metade do que é recomendado para o período.

Dependendo da gravidade da condição em cada paciente, a eficácia do medicamento pode demorar para se manifestar entre um período de duas a quatro semanas de utilização. De acordo com informações da bula, os resultados duram de dois a três meses depois da finalização de um ciclo de seis meses de tratamento com o medicamento.

É verdade que a diacereína engorda? 

Ao receber a indicação de utilizar algum tipo de medicamento, é esperado que algumas pessoas se preocupem com as reações adversas que o remédio em questão possa trazer. E isso inclui a indesejável elevação do peso.

Afinal, se já pode ser naturalmente complicado manter-se com uma forma física saudável, imagina como isso fica difícil quando se coloca dentro do nosso organismo uma substância que pode estimular o aumento de peso?

É por isso que é sempre bom conhecer como um medicamento pode afetar o organismo quando o mesmo é receitado pelo médico.

Sem mais delongas, vamos entender se a diacereína engorda ou não. Olhando a bula do medicamento do qual ela é o princípio ativo, não encontramos nenhuma referência direta que nos leve a crer que a substância possa estar associada ao aumento de peso.

Segundo o doutor Enio Ribeiro Reis, reumatologista e especialista em medicina física e reabilitações do município de Varginhas, no estado brasileira de Minas Gerais, o remédio do qual a diacereína é o princípio ativo não causa a elevação do peso.

O profissional de saúde também destacou que devido ao fato de aumentar o número de idas ao banheiro (evacuações), o medicamento pode resultar em uma diminuição do volume fecal e, consequentemente, na redução do peso. Entretanto, essa diminuição do peso não pode ser considerada significativa.

Com essas informações, podemos concluir então que não é provável que o medicamento resulte na perda de peso. Entretanto, caso você venha a experimentar esse tipo de problema ao utilizar o remédio, informe o médico responsável pelo seu tratamento a respeito da situação.

Além disso, verifique e analise os seus hábitos e estilo de vida e procure entender se a elevação do peso pode estar associada a fatores com a ausência da prática de atividades físicas em uma vida sedentária e/ou uma alimentação não saudável, desequilibrada, pouco nutritiva e rica em calorias.

Outro ponto importante – que serve de aconselhamento em relação a qualquer tipo de medicamento – é o de não deixar de utilizar o medicamento quando for necessário e prescrito pelo médico por medo de engordar.

O que pode ser feito é conversar com o médico ao receber a indicação, perguntar se a diacereína engorda e, caso a resposta seja sim, o que pode ser feito para que minimizar os efeitos. Outra possibilidade é questionar o profissional de saúde a respeito da chance de mudar a medicação para outra similar que não promova o crescimento do peso.

Os ligamentos, ou juntas (como são popularmente chamados), são os responsáveis por conectar um osso ao outro. Geralmente são extremamente afetados por doenças reumáticas. Por ser uma parte muito importante do seu corpo, é essencial que você saiba o que são os ligamentos, quais os tipos mais sérios de lesões e os cuidados que devemos ter.

Efeitos colaterais

As indicações da bula mostram que o medicamento pode trazer os seguintes efeitos colaterais:

Reações muito comuns – observadas em mais de 10% dos pacientes que utilizam o remédio: 

  • Diarreia;
  • Dor abdominal;
  • Alteração da coloração da urina sem que isso seja indicativo de alguma doença.

Reações comuns – observadas entre 1% a 10% dos pacientes que utilizam o remédio: 

  • Aumento do trânsito intestinal.

Ao experimentar tais sintomas, a recomendação é informar o médico responsável pelo tratamento a respeito do problema.

Contraindicações 

A bula recomenda que o medicamento não seja consumido por mulheres que estejam grávidas ou em processo de amamentação de seus bebês. Quem possuir hipersensibilidade à diacereína ou qualquer outro componente da fórmula de Artrodar também deve manter-se afastado do remédio.

Ele também é contraindicado para pessoas que sofrem com problemas como insuficiência hepática severa, doenças intestinais inflamatórias, como é o caso de colites ulcerativas e da doença de Crohn, pseudo-obstrução ou obstrução intestinal e síndromes abdominais de causas não determinadas.

Por conta da diacereína, Artrodar não deve ser administrado simultaneamente a medicamentos laxantes.

Você conhece alguém que tenha utilizado e afirme que o medicamento com diacereína engorda? Tem receio de utilizá-lo por conta deste efeito colateral? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (137 votos, média: 3,55 de 5)
Loading...
Sobre Julio Bittar e Dra. Patricia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário