Chinês em Quarentena Corre 50 Km em 5 Horas Dentro de Casa Para Passar o Tempo

Especialista:
atualizado em 24/03/2020

Os últimos números oficiais, da manhã de terça-feira, 24 de março, da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde indicam mais de 394 mil casos e aproximadamente 17 mil mortes em todo o mundo e 1.891 casos e 34 mortes no Brasil da pandemia do novo coronavírus que nasceu na China e se espalhou por países de todo o mundo.

A essa altura, você já deve saber que precisa lavar muito bem as mãos com água e sabão por 20 segundos ou com álcool em gel e que deve evitar ter contato direto com outras pessoas, como beijos, abraços e apertos de mão para se prevenir contra a doença causada pelo vírus, que recebeu o nome de COVID-19, entre tantas outras medidas para se manter saudável e imune durante a epidemia.

Você também deve estar ciente da importância de evitar aglomerações e permanecer em casa o máximo de tempo possível para limitar o contágio do novo coronavírus. Essa é uma medida que tem sido obedecida por muita gente ao redor do mundo e alguns tem sido criativos em seu modo de passar o tempo durante os dias de confinamento.

Enquanto uns trabalham de casa, outros aproveitam para colocar os estudos em dia e há quem faça transmissões ao vivo do seu isolamento nas redes sociais.

Existem ainda aqueles que assistem a filmes e séries o dia inteiro, os que zeram os joguinhos do celular e os que reveem as partidas do time do coração. Já os adeptos do mundo fitness podem passar o tempo realizando os seus treinos em casa – sim, é possível manter-se ativo em casa durante o surto do novo coronavírus.

Foi isso o que um corredor amador de maratonas da China fez: o terapeuta de medicina chinesa Pan Shancu completou impressionantes 6.520 voltas – correspondentes a aproximadamente 50 quilômetros – ao redor do seu apartamento em menos de cinco horas.

Em uma postagem na rede social chinesa Weibo, que por sinal viralizou, Shancu escreveu: “Faz muitos dias que eu não saio, eu não suporto mais ficar sentado! Então, vamos correr em volta das duas mesas de massagem na sala”.

Ficou inspirado a imitar o homem? Só tome cuidado para evitar lesões na sua corrida em casa.

Para comprovar o seu feito, o corredor amador de maratonas compartilhou prints do seu aplicativo de corridas no celular. O terapeuta de medicina chinesa ainda postou: “Sim, uma volta tem aproximadamente 8 metros – eu corri 50 quilômetros e fiz isso em 4h48min44s, todo suado, me sinto ótimo”.

E olha que ele não foi o único morador da China a aderir às corridas para passar o tempo durante o isolamento por conta do COVID-19. Uma mulher comentou na rede social chinesa que pegou o seu cartão de corrida e começou o trajeto na cozinha, passou pela sala e continuou no quarto da filha.

“A pista de corridas com menos de 20 metros tem um lindo cenário à minha esquerda, o ronco do meu marido torcendo por mim. O veredito do meu marido é que eu tenho problemas psicológicos”, acrescentou a mulher.

Difícil não perder a cabeça nem que seja um pouquinho em meio a um confinamento, não é mesmo? Provavelmente deve ter sido uma maneira de se concentrar em outra coisa além de toda a tensão trazida pelo perigo do novo coronavírus por algumas horas.

Shancu é da cidade de Hangzhou, capital da província chinesa de Zheijang, que foi colocada em confinamento no dia 5 de fevereiro, como estratégia para conter a disseminação do COVID-19.

Nunca é demais frisar as recomendações de prevenção contra o novo coronavírus

As histórias dos chineses são engraçadas, mas infelizmente o COVID-19 não é brincadeira. Por isso, vamos relembrar com mais detalhes as recomendações da OMS e do Ministério da Saúde para a prevenção contra o novo coronavírus:

  • Lavar as mãos com frequência, usando água e sabonete ao longo de pelo menos 20 segundos;
  • Quando não tiver acesso à água e sabonete, higienizar as mãos com um desinfetante próprio para as mãos à base de álcool – o famoso álcool em gel;
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas, o que previne que as mãos contaminadas transfiram o vírus para os olhos, nariz e boca;
  • Não ter contato próximo com pessoas que estiverem doentes;
  • Manter pelo menos dois metros de distância de alguém que esteja tossindo ou espirrando – isso serve para diminuir os riscos de respirar gotículas respiratórias que contenham vírus, caso a pessoa esteja doente;
  • Certificar-se de que tanto você quanto as pessoas próximas a você praticam uma boa etiqueta respiratória: cobrir a boca e o nariz com o cotovelo dobrado ou com um lenço de papel ao tossir ou espirrar – no caso do lenço, ele deverá ser jogado fora depois da tosse ou espirro;
  • Limpar e desinfetar os objetos e superfícies tocados com frequência, como corrimões de escada, mesas, telefones e utensílios compartilhados de escritório, por exemplo. Sim, até o seu smartphone pode ser responsável pela infecção do vírus!
  • Ficar em casa se estiver sentindo-se mal e procurar o atendimento médico se apresentar febre, tosse e dificuldade para respirar;
  • Evitar aglomerações de pessoas;
  • Manter os ambientes bem ventilados;
  • Evitar o compartilhamento de objetos de uso pessoal como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter-se informado sobre os últimos desdobramentos acerca do coronavírus e seguir as instruções das autoridades locais e mundiais de saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

O que você achou da ideia do chinês de correr em volta do seu próprio apartamento ou casa? Inspirou-se a tentar isso hoje mesmo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário