Gary Patton

Corredor de 71 Anos Quebra Recorde Mundial que Durava 30 Anos

Gary Patton, de Rock Rapids, Iowa, nos EUA, deu a si mesmo um presente apropriado de aniversário: o novo recorde mundial de milha rápida indoor para a faixa etária dos 70-74 anos. Era algo que ele perseguia há muito, e ele melhorou seu treinamento no ano passado para perseguir o objetivo.

No dia 7 de dezembro, alguns dias antes de seu aniversário de 72 anos, Patton executou 5:29.81 para a milha na pista interna do New York Armory.

Ele quebrou o recorde mundial anterior de 5:32.4, que já durava 30 anos.

Gary vem sendo um dos melhores corredores de seus grupos etários há uma década, possuindo vários recordes americanos em eventos de distância intermediária. Mas o recorde mundial de uma milha rápida indoor parecia um desafio ardiloso e intrigante.

Ele havia batido na trave no ano passado na mesma corrida, mas percorreu o trajeto em 5:34.9, perdendo a marca do até então recorde mundial por dois segundos e meio.

Quando a corrida da semana passada começou, Patton largou e se sentiu relaxado. Talvez ele estivesse um pouco relaxado demais. Para definir o recorde, ele precisava percorrer cada quarto de milha em torno de 83 segundos. Mas quando Patton ouviu seu aviso de meia milha aos 2:49.2, ele percebeu que estava bem fora do ritmo.

“Eu meio que perdi a primeira metade”, disse ele. “E quando vi que eu estava quase quatro segundos fora do ritmo, meu pensamento era: ‘Eu vou simplesmente correr o máximo que consigo no resto e ver quanto tempo eu posso durar’.”

Ele acelerou em cada uma das quatro voltas restantes para terminar em seu tempo recorde. “Às vezes você apenas começa a voar”, disse ele, “e isso funciona”.

Patton não percorre muitas milhas em seus treinos. Pelo contrário, ele não deixa de completar seu treino de corrida com um complemento de trabalho de força e cross training, modalidade que combina atividades diferentes para melhorar condicionamento, definição muscular e emagrecimento. Cada um dos últimos anos que passaram, ele adicionou um pouco mais no seu cronograma.

“Este ano adicionei uma sessão matinal de muitos agachamentos, flexões e burpees, e muito alongamento”, disse ele. “Eu gasto 30 a 40 minutos todas as manhãs fazendo isso. E eu faço um ciclo de três dias com meus exercícios da tarde – um dia de corrida, um dia de musculação e um dia de cross training”.

Isso é certo – Patton corre apenas uma vez a cada três dias. Ele também segue um ciclo com seus exercícios de corrida, alternando dias com inclinação, dias com corridas com longos intervalos e dias de corridas mais curtas. Ele faz o mesmo treino de corrida apenas uma vez a cada nove dias.

“O fato de eu misturar meu treinamento é por eu não me lesionar, o que provavelmente é minha principal vantagem em relação à minha concorrência”, disse ele.

Um engenheiro aposentado, Patton gasta tempo como voluntário, ajudando idosos com o Medicare, sistema de saúde pública dos Estados Unidos. “Eu me sento ao lado de um monte de garotos de 65 anos, e fico pensando para mim mesmo, ‘Cara, tenho certeza de que não estou na condição deles'”, disse ele.

“Sim, para chegar aos 72 e não ter problemas de saúde importantes – e ainda poder correr – você está fazendo algumas coisas corretas. E você também é extremamente sortudo.”

Você conhece alguém que esteja tão bem de saúde e boa forma já aos mais de 70 anos de idade como Patton? Pretende chegar à terceira idade assim? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)



ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*