Dieta da Zona

A Dieta da Zona – Como Funciona, Cardápio e Dicas

A Dieta da Zona se tornou popular devido a uma série de livros sobre a dieta escritos pelo bioquímico Barry Sears. A dieta ajudou pessoas a perderam uma quantidade significativa de gordura as encorajando a consumir carboidratos, proteínas e gordura em uma proporção específica.

Razão de carboidratos, proteínas e gorduras

Enquanto estiver na dieta, você deve consumir uma razão de 40:30:30 respectivamente de carboidratos, proteínas e gorduras. Esse tipo de dieta cria uma situação no corpo onde os níveis de insulina não ficam nem muito altos nem muito baixos e os hormônios do corpo ficam equilibrados. A dieta também é anti-inflamatória e boa para a saúde. 

Como Funciona: Equilíbrio de Calorias

Outro objetivo da dieta da zona é colocar o corpo em um equilíbrio de calorias (qualquer dieta que você fizer deve ser balanceada) de maneira que ela não armazene os excessos de calorias como gordura. Sears teoriza que o corpo não pode ao mesmo tempo armazenar e queimar gordura, então é importante manter o metabolismo em uma fase de queima de gordura (não é realmente uma fase, a Dieta de Zona não é quebrada em fases claramente separada como a dieta Dukan) para reduzir as reservas de gordura ao invés de criar novas.

Livros posteriores sobre o assunto se referem à importância de incluir ácidos graxos do tipo ômega na dieta. Sears é responsável por fazer os suplementos de ácidos graxos do tipo omega populares, como as cápsulas de óleo de peixe (óleo de peixe também é uma parte importante da Dieta do Mediterrâneo).

Insulina

O hormônio principal envolvido na dieta da zona é a insulina. Sears acredita que conseguir o equilíbrio correto de insulina no corpo é a chave para queimar, ao invés de armazenar, gordura. Devido ao fato que esta mudança no metabolismo básico do corpo pode levar um certo tempo para ser alcançada, é importante manter o corpo em modo de queima de gorduras o máximo possível. Uma das melhores para acelerar o metabolismo é a dieta das 6 refeições por dia.

Como Funciona: Restrição de Carboidratos

A Dieta da Zona restringe muito menos a ingestão de carboidratos que as chamadas dietas de baixo consumo de carboidratos como a dieta Atkins. A Dieta da Zona tem uma abordagem ligeiramente diferente dos carboidratos, dando ênfase na moderação ao invés da restrição. De acordo com ela, a moderação leva ao equilíbrio hormonal, que é a chave da maneira correta de perder peso. A dieta ocidental típica é rica em carboidratos, o que pode fazer a dieta da zona uma dieta de baixo consumo de carboidratos por comparação, no entanto, o consumo moderado de carboidratos seria uma descrição mais correta.

Difícil de se Adaptar para Vegetarianos e Veganos

Vegetarianos e veganos podem ter dificuldade para participar da Dieta da Zona por que o consumo de proteínas é um fator importante. Se consumir a quantidade correta de proteínas, o corpo não consegue funcionar em sua capacidade ótima e a perda de peso se torna difícil de alcançar.

Críticas

É importante ressaltar que muitos dos colegas de Sears no campo da ciência criticaram sua dieta, dizendo que suas afirmações são exageradas e sem bases em evidências. Aqueles que desejam experimentar a Dieta da Zona devem pedir dicas ao seu médico antes de alterar seus hábitos alimentares drasticamente. Também é importante ressaltar que os estágios iniciais da dieta podem fazer com que o indivíduo se sinta exaurido, fraco e com mau estar. Esses efeitos somem com o tempo.

Dicas de Alimentos do Cardápio da Dieta da Zona

A Dieta da Zona é diferente de outras dietas no mercado hoje em dia por que ela não recomenda a eliminação dos carboidratos de seu cardápio. Independentemente da popularidade da dieta Atkins, a Dieta de Zona está abrindo caminho para que os amantes de carboidratos possam consumir seus alimentos favoritos enquanto ainda perder peso e ficam em forma. 

A Razão de Diferentes Alimentos

A dieta da zona recomenda que os adeptos comam uma razão de diferentes alimentos. A dieta afirma que as pessoas devem buscar consumir 40% de suas calorias de carboidratos, 30% de proteínas e 30% de gorduras. Comer desta maneira não apenas pode ajudar você a perder peso, mas aqueles que promovem esta dieta também acreditam que isso pode ajudar a controlar os sintomas da diabetes. 

Quais Alimentos

Então você deve estar imaginando quais tipos de alimentos você pode incluir no cardápio na Dieta da Zona. Muitas pessoas olham as dicas de alimentos para saber se podem aguentar uma certa dieta. Por sorte, provavelmente você vai ver diversos de seus alimentos favoritos na lista de escolhas aprovadas para a dieta da zona. Continue lendo para descobrir algumas dicas.

carne

Carne Vermelha – A Dieta da Zona diz que 30% de suas calorias devem vir de proteínas e outros 30% das gorduras. Essas são ótimas noticias para os amantes de carne vermelha, por que a dieta da zona permite que você possa degustar os bifes suculentos que você tanto ama. A carne vermelha é mais gorda do que outras carnes, por isso muitas dietas a eliminam.

Macarrão – Macarrão é normalmente outro alimento excluído para a maioria das dietas. No entanto, na dieta da zona, você pode comer um pouco de macarrão integral. O truque é que você deve ficar dentro da sua ingestão de calorias recomendada, e macarrão com molho é algo muito fácil de se exagerar. Então, com isso em mente, aprenda a controlar o tamanho de suas porções e você não terá de cortar sua receita favorita de espaguete.

Tofu – Talvez você não fique muito animado com tofu, mas ele é uma ótima fonte de proteínas magras. Encher seu prato de tofu bem preparado pode ajudar a te manter cheio, satisfeito e interessado na sua comida. A dieta da Zona é um ótimo momento para diversificar e experimentar novos alimentos junto com seus antigos favoritos.

Vegetais – Este é autoexplicativo. Muitas dietas cortam certos vegetais, dizendo que são cheios de carboidratos para serem bons para você. Já que a Dieta da Zona não corta os carboidratos, gorduras ou proteínas, você está livre para comer diversos vegetais frescos desde que se mantenha dentro da permissão calórica.

Frutas – Frutas são os melhores amigos de quem faz dieta. Elas contêm diversos açúcares naturais que ajudam a manter longe os desejos por doces e são portáteis, o que as torna um ótimo petisco quando se está com pressa. Ao invés de ficar preso a suas favoritas, tente experimentar novas e animadoras opções de frutas. Procure dicas de frutas que contêm fibra e tente consumir uma quantidade saudável destas também. Você deve evitar bananas, devido ao seu alto valor calórico. Você também pode fazer seus próprios sucos como explicado em nossa página dieta dos sucos, tomar sucos para perder peso é uma opção saudável.

Proteínas Magras – Ninguém gosta de ficar com fome (ou entrar em modo de desnutrição) e consumir muitas proteínas vai te ajudar a se sentir mais cheio por mais tempo. Galinha, peru, claras de ovos e outras carnes magras são ótimas dicas para o seu dia. A dieta da Zona recomenda que 30% de suas calorias venham de fontes de proteínas. Outra dieta que aconselha o consumo de carnes magras é a dieta do índice glicêmico.

A dieta da Zona é uma das dietas menos restritivas. Você pode virtualmente incluir qualquer coisa em seu cardápio, desde que você coma na razão correta e se mantenha dentro da permissão de calorias. Este programa foi feito para funcionar dentro de um estilo de vida moderno, e permite que saia para jantar ou vá em outras atividades sociais.

Como Funciona o Plano para a Dieta da Zona

A dieta da zona é um plano de perda de peso que gira em torno de alcançar o equilíbrio hormonal do seu corpo. Uma vez alcançado o equilíbrio, seu metabolismo vai começar a funcionar no nível ótimo e você vai começar a perder peso.

Comer Mais Carboidratos

Comendo mais de suas calorias a partir de carboidratos do que proteínas e gorduras, os adeptos da dieta podem treinar seu corpo para usar os carboidratos como fonte de energia. Essa razão em particular vai ajudar as pessoas a entrarem e ficarem “na zona”, o que é essencial para o sucesso.

500 Calorias ou Menos Por Refeição

Durante a dieta da zona, você vai comer refeições normais e lanches durante o dia. Nenhuma refeição deve exceder 500 calorias e nenhum lanche deve exceder 100 calorias. Para a maioria das pessoas, isso são menos calorias do que estão acostumados a comer, o que é parte da razão do porquê esse plano de dietas gera a perda de peso.

Benefícios Para a Saúde

Além de perder peso, você vai experimentar outros benefícios para sua saúde. Diabéticos se utilizaram com sucesso desta dieta para controlar a diabetes e pessoas em risco de problemas do coração usaram-na para melhorar sua saúde cardiovascular.

Ficando na Zona

Mulher bebendo Água

Mesmo que você não tenha nenhum problema de saúde, ficar na zona vai fazer com que você tenha mais energia e mais clareza em seus pensamentos. Você também vai aprender hábitos alimentares saudáveis através desta dieta, o que promove o consumo de frutas e vegetais. Essa dieta também sugere beber pelo menos 8 copos de água por dia, o que vai manter seu corpo bem hidratado.

A Zona e a Perda de Peso

A Dieta da Zona pode ser usada temporariamente para perder peso, ou suas ideias podem ser incorporadas no seu estilo de vida diário para uma mudança que irá durar toda sua vida. Aprender uma nova maneira de se alimentar não é fácil e adeptos da dieta devem saber que haverá uma fase de transição no início. Por sorte, já que esta dieta é simples e fácil de seguir, com o tempo escolher alimentos com baixas calorias para o seu cardápio vai se tornar natural.

Experimente

Se você experimentou outras dietas e teve um sucesso limitado, a Dieta da Zona pode ser o plano para você. O plano de dietas fácil pode ajudar você a parecer e sentir melhor sem eliminar grupos alimentares ou ocasionar efeitos colaterais perigosos para a saúde. Entre na Zona e fique em forma!

Refeições em Bloco

Para ter sucesso na dieta da zona, você tem de ficar na zona. Isso significa se alimentar a uma razão de 40:30:30 em todas as refeições.

A razão significa a porcentagem de sua refeição que deve vir de carboidratos, proteínas e gorduras, respectivamente. Se você basear suas refeições nesta razão, você vai entrar na zona com sucesso, o que vai fazer com que perca peso e tenha uma saúde melhorada.

Introduzida nos anos 90

Essa dieta foi inicialmente introduzida nos anos 90 e gira em torno da ideia de que ficando na razão de 40:30:30, você pode controlar os níveis hormonais do seu corpo. O criador da dieta acredita que o excesso de insulina gera ganho de peso e que comendo de acordo com o plano da dieta, você pode eliminar o excesso de insulina e controlar seu peso.

Como Funciona: Os Diferentes Blocos

Indo mais a fundo na dieta, você vai descobrir que seu criador agrupou alimentos em blocos. Uma refeição ou lanche consiste no agrupamento de diversos blocos. Por exemplo, uma porção de peito de frango sem pele pode contar como um bloco de proteínas. Você então vai combinar seu bloco de proteínas com outros blocos para criar uma refeição ou lanche.

Distinções

Cada bloco de proteínas consiste de 7 gramas de proteína. Cada bloco de carboidratos é constituído de 9 gramas de carboidratos e cada bloco de gordura é composto de 1,5 gramas de gordura. É permitido às mulheres uma certa quantidade de blocos por refeição e é permitida outra quantidade para os homens. O plano de dieta diferencia entre gêneros porque homens e mulheres têm diferentes necessidades nutricionais e diferentes metabolismos.

Mulheres vs Homens

Casal cozinhando

Para uma refeição, mulheres escolheriam 1 bloco de proteína, 1 de carboidratos e 1 de gordura. Esses blocos de alimentos se combinariam para formar um bloco de refeição. Um bloco de lanche é constituído por apenas um bloco de alimentos. Para os homens, 1 bloco de refeição consiste em 4 blocos de alimentos e um lanche é constituído por um bloco. Em um único dia, uma mulher deve tentar consumir por volta de 11 blocos de refeições e lanches no total, e homens devem buscar consumir 14 blocos de refeições e lanches no total. É claro que isso pode variar dependendo de seu tipo de corpo e nível de atividade física.

Por Que Blocos de Refeição?

Blocos de refeição foram introduzidos como uma maneira de simplificar a alimentação na dieta da zona. Os blocos de alimentos são ajustáveis para ir de encontro às suas necessidades. Tente os níveis recomendados e faça ajustes baseados na sua fome e em como você se sente. Se você está perdendo peso muito rápido ou se sentindo cansado, você pode precisar aumentar seus blocos.

Fique com a Água

Lembre-se que bebidas e itens para preparação de alimentos como óleo e manteiga contam para o seu total. É uma boa ideia apenas beber água quando se está nessa dieta e usar um difusor de óleo ou um spray para cozinhar para preparar seus alimentos buscando limitar seus blocos de gordura.

O que você achou do propósito da Dieta da Zona? Você acredita que pode realmente perder peso seguindo estas dicas? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (29 votos, média: 4,31 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

17 comentários

  1. adorei! parece que funciona mesmo, vou tentar depois digo se adiantou kkk

  2. Ana Beatriz Macedo Cunha

    Quero experimentar, porque preciso perder uns 20 quilos! Será que consigo?

  3. Vanessa Cristian Rodrigues Trevizan

    Acredito que sim e gostaria de saber mais sobre o assunto

  4. Neila moreira do nascimento mendes

    Quero experimentar, preciso perder 20 kg que ganhei durante a gravidez, e tenho pressa… rs

  5. eu queria uma dia para seguir, um cardapio de todos os dias da semana! Queria saber o que comer no café da mnhã, almoço café da tarde e jantar tudo certinho pra eu seguir direitinho! Obrigado

  6. Meu filho tem 10 anos ele pode fazer esta dieta da zona.. obrigado

    • Olá Janaina. Os especialistas na dieta da zona afirmam que crianças podem adotar esse estilo de alimentação sem problemas já que é uma dieta sem extremos, como restrições completas de grupos alimentares. Mas essa é sempre uma decisão dos pais em conjunto com os pediatras, levando em consideração as particularidades de cada criança.

  7. Adorei…onde posso conseguir os blocos?

  8. Achei legal, cuido muito a alimentação, evito carbo e gordura, mais meu organismo não aceita muito proteina eu acho….agora não sei se é porque meu intestino não funciona direito ai qse tudo que como fermenta e incha a barriga. Tem algo a me acrescentar?

  9. Gostaria de saber se já publiaram um cardapio para todos os dias da semana?

  10. Como posso conseguir um cardápio dos blocos ???

  11. Quero tentar, parece que a possibilidade de resultados é muito boa.
    Como conseguir o cardápio???

  12. Funciona demais!
    Perdi 12kg entendendo o que estava comendo.
    Recomendo

  13. Maria Fatima Soares DUarte

    SIM GOSTEI TAMBEM PRECISO DE PERDER 20 KG .GOSTAVA QUE FOSSE PUBLICADO COMO FAZER A DIETA PASO A PASO! OBRIGADO

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*