Home » Exercícios » Dores Musculares nas Costas – Causas e Tratamento

Dores Musculares nas Costas – Causas e Tratamento

Dor nas costas

Já deve ter acontecido com você ou com uma pessoa que você conhece: depois de um dia de estudos, trabalho ou de cuidado com os filhos e a casa, aparecem dores musculares nas costas que incomodam muito e tudo o que se quer é tomar um banho quente e deitar para relaxar.

  Continua Depois da Publicidade  

Enquanto isso pode parecer normal e não ser levado a sério por algumas pessoas, é importante saber que existem causas para as dores musculares nas costas. E o mais seguro, especialmente se elas foram persistentes, é conhecer a origem do problema para saber se não se trata de algo mais sério e seguir um bom tratamento para lidar com ele.

As causas das dores musculares nas costas

De acordo com artigo do cirurgião ortopedista Peter Ullrich Junior, do Spine Health, a maior parte dos casos de dor aguda na região inferior das costas acontecem por conta de danos nos músculos e ligamentos da região das costas.

Pode ser que haja um estiramento muscular, que acontece quando o músculo é alongado demais ou é rompido, o que resulta em danos às fibras musculares, em algo que também é chamado de distensão muscular.

Outra possibilidade é a entorse lombar, que ocorre quando são os ligamentos são alongados demais ou rompidos. Em ambos os casos, há uma inflamação que causa espasmos nas costas. Por sua vez, esses espasmos resultam em dor aguda na região e inclusive dificuldades para se mover.

  Continua Depois da Publicidade  

A dor na região inferior das costas em decorrência de um estiramento muscular costuma ter origem em algum movimento que colocou estresse desnecessário na área. Esses movimentos podem ser o levantamento de um objeto pesado, uma queda ou um movimento brusco, por exemplo.

A prática de esporte que envolvem atividades como giros, impactos bruscos ou choques também podem originar esse tipo de lesão.

Quando se trata da distensão muscular, as dores musculares nas costas têm outras características, como: localizam-se na parte inferior das costas sem irradiar para as pernas, a região fica dolorida ao ser tocada, a dor aparece repentinamente, vem acompanhada de espasmos musculares e a pessoa sente-se bem ao descansar, mas apresenta dificuldades para ficar de pé ou andar.

Irritação muscular

Porém, não são todos os casos de dores musculares que se referem ao estiramento muscular. Outra causa para a dor muscular, dessa vez na parte superior das costas, é a chamada irritação muscular.

Segundo o médico Talbot Sellers, a irritação muscular pode surgir em decorrência da falta de força, lesões por uso excessivo como movimentação repetitiva, lesões esportivas, acidentes de carro e até o próprio estiramento muscular.

Outros fatores

Segundo o Panadol Portugal, a má postura, a obesidade e a fraqueza dos músculos abdominais podem prejudicar a coluna por forçarem o pescoço a se inclinar para a frente em uma tentativa de compensação.

  Continua Depois da Publicidade  

O estresse e a tensão emocional ainda podem resultar em uma contração dos músculos das costas, sendo que o estresse postural causa dores crônicas na parte superior das costas, além de atingir o pescoço e os braços.

Estar acima do peso, o hábito de fumar e o estresse também podem resultar em dores na parte inferior das costas.

O tratamento para as dores musculares nas costas 

Nos casos de distensão muscular na região inferior das costas, a expectativa é que o problema seja solucionado em até três ou quatro semanas. Segundo o médico Peter Ullrich Junior, os músculos maiores da área fornecem os nutrientes necessários para auxiliar o processo de cura.

  Continua Depois da Publicidade  

Ainda de acordo com o médico, o tratamento para esse tipo de dor muscular ainda pode incluir remédios para a dor, anti-inflamatórios e relaxantes musculares usados em curto prazo para aliviar a dor severa na parte inferior das costas associada aos espasmos musculares.

Além disso, a massagem também pode ajudar ao promover o fluxo sanguíneo na região, relaxar os músculos rígidos e liberar a endorfina, que é descrita como um analgésico natural do organismo. Outra técnica que pode colaborar é quiropraxia, que também é útil para soltar os músculos rígidos.

Aplicar gelo logo após a lesão muscular nas costas também auxilia a diminuir a inflamação. Ao mesmo tempo, a aplicação de calor na área atingida é útil a longo prazo para estimular o fluxo sanguíneo e contribuir com o processo de cura.

O doutor Ullrich também alertou para o fato de que quando a dor muscular na parte inferior das costas dura mais de duas semanas, os músculos enfraquecem, e pelo fato de ser dolorido usar esses músculos, a tendência é que os pacientes evitem utilizá-los.

Porém, a falta de atividade pode ser pior, já que causa atrofia por desuso e mais enfraquecimento, o que acarreta mais dores musculares já que os músculos perdem parte de sua habilidade de segurar a coluna.

Por isso é que é tão importante buscar o médico logo que sofrer uma lesão nas costas ou perceber os sintomas, dando início ao tratamento e evitando prolongar o desuso dos músculos da região.

No caso da irritação muscular 

Quando a causa da dor é a irritação muscular na parte superior das costas, o tratamento prescrito pelo médico pode incluir fisioterapia, quiropraxia, osteopatia, acupuntura e injeções anestésicas locais. Além disso, remédios anti-inflamatórios também podem ser utilizados para curar o problema.

O médico Sellers indica profissionais como médico osteopata, fisiatra ou quiroprático para guiar o tratamento. Caso não tenha acesso a nenhum deles, procure o seu clínico geral de costume e solicite um encaminhamento.

E os outros fatores? 

Para tratar as dores musculares nas costas causadas pelos outros fatores citados acima, também recomenda-se o uso de remédios. O ideal é checar com o médico qual o mais indicado para o caso de cada paciente.

Outra técnica que pode auxiliar a aliviar a tensão muscular na parte superior das costas são exercícios e técnicas de relaxamento.

No entanto, além de combater a dor é importante lutar contra os fatores que a causam. Por exemplo, a visitar um quiroprático pode ajudar a melhorar a postura no dia a dia. Alimentar-se bem, de maneira saudável, equilibrada, controlada e nutritiva, e praticar atividade física com frequência é uma forma de combater o aumento de peso e a obesidade.

Da mesma forma, também vale a pena eliminar o estresse ou pelo menos diminuí-lo no dia a dia e abandonar o vício do fumo, já que como vimos eles também entram na lista de causas para as dores nas costas.

O fortalecimento das costas por meio de exercícios seguros e de baixo impacto como caminhada e natação ainda podem ajudar a se recuperar das dores na parte inferior das costas. 

Cuidados

Para quem sofre com dores musculares nas costas, o ideal e mais seguro é consultar-se com o médico de sua confiança para verificar por meio de exames qual o verdadeiro problema e saber o tratamento indicado para acabar com as dores.

Isso é especialmente importante em casos em que a dor persiste e não melhora por semanas, é severa, piora com o tempo, vira impedimento para executar as atividades do dia a dia e torna-se difícil de suportar, alertou o National Health Service (Serviço Nacional de Saúde, tradução livre, NHS, sigla em inglês) do Reino Unido.

As informações que trouxemos aqui servem para te dar uma noção em relação ao que pode ter originado a condição e para apresentar as possibilidades de tratamento que o médico pode prescrever.

Entretanto, elas não podem e nem deve substituir um diagnóstico médico, pois para ter certeza do que se trata, só conversando com o profissional responsável. Até porque, além das causas que mencionamos aqui, as dores nas costas podem estar associadas a uma série de condições de saúde como doenças ósseas, artrite, infecções virais, problemas na coluna, hérnia de disco e dor no nervo ciático.

Você costuma sentir muitas dores musculares nas costas? Sabe por que motivo elas surgiram? O que faz para amenizar ou tratar essas dores? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (20 votos, média: 4,35 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite
  Continua Depois da Publicidade  


ARTIGOS RELACIONADOS

11 comentários

  1. entendi, muito bom o texto. Eu fico com dores na lombar quando caminho, nem consigo abaixar para a frente depois, repuxa tudo.
    Creio que seja má postura ao caminhar né?

  2. maria da Glória de Medeiros

    Ótimo artigo. Muito útil. Parabéns

  3. Valdirene Mendes do Amaral

    Venho fazendo fisioterapia, mas mesmo assim a dor nas costas vem aumentando, principalmente na região lombar… Isso é normal?

  4. Sinto queimação nas costas de ambos os lados as vezes coloco algo gelado pra aliviar, um pouco de dor na lombar, mais não temho problemas movimentar, exercitar, o que pode ser estou preocupada…tenho 51 anos to preocupada.

  5. Já tem 4 vezes que eu tive crises de dores nas costas, uma dor muito forte junto com contrações, os espasmos. A ultima crise que eu tive esta fazendo hoje uma semana, foi a pior de todas, fui para em u pronto socorro de emergência, percebi que quando acontece isso geralmente estou muito atarefado e fazendo muito esforço fisico com alguma coisa, ainda não tiver a oportunidade de procurar um especialista.Gostaria de saber quais os medicos especialistas que tratam esses casos de dores nas costas ?

  6. Tem mais de 1 mês que lesionar minha costa na academia.
    Fui no ortopedista. Com a coluna está tudo bem. Porém todo o músculo da minha costa doi muito quando me deito. Quando estou em movimento andando fica tudo ok. Quando me movimento na cama dói de mais.

  7. Senti uma dor aguda na regiao inferior das costas que, por ter sido intensa, me causou náuseas e nao permitiu nenhum movimento dos membros inferiores por uns 20 segundos, aproximadamente, ficando dificil, ate mesmo, de respirar

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*