Grão-de-Bico é Carboidrato ou Proteína?

Principal ingrediente da famosa pastinha hommus, o grão-de-bico também pode aparecer em receitas de saladas de grão-de-bico, patês, purês, sopas, caldos, massas, tortas e empadões, por exemplo.

Popular especialmente entre os habitantes da Índia, Arábia, Espanha e México, acredita-se que o grão-de-bico seja originário da Ásia Menor, região de onde foi disseminado para a Índia e a Europa.

Fonte de fibras alimentares, o alimento também possui ferro, magnésio, fosfóro, zinco, cobre, manganês, selênio, vitamina B6, vitamina B9, colina (vitamina do complexo B) e vitamina K. Mas será que podemos dizer que o grão-de-bico é carboidrato?

O grão-de-bico é carboidrato?

Ainda que os carboidratos constituam uma das principais fontes de energia para o organismo humano, algumas pessoas restringem ou diminuem a ingestão do nutriente das refeições ao aderir uma dieta low carb. Isso pode acontecer por necessidades relacionadas a problemas de saúde ou ser uma estratégia para favorecer a perda de peso.

Para essas pessoas, vale a pena saber se o grão-de-bico é low carb mesmo ou se ele tem carboidratos em sua composição. Pois bem, uma xícara do alimento cozido apresenta 45 g de carboidratos, dos quais 13 g correspondem a fibras.

Uma quantidade considerável do nutriente, não é mesmo? O que nos leva a concluir que o grão-de-bico tem carboidratos sim.

Legumes como o grão-de-bico são alimentos nutritivos. Eles podem fornecer muitos benefícios para a saúde, incluindo a redução da inflamação e do risco de doença cardíaca. Embora eles sejam ricos em fibras, também contêm uma boa quantidade de carboidratos. Dependendo da tolerância pessoal da dieta, você pode conseguir incluir pequenas quantidades em uma dieta low carb.

Por outro lado, para quem não segue uma dieta low carb, vale a pena saber que os carboidratos do grão-de-bico são considerados carboidratos bons. Isso quer dizer que o grão-de-bico é classificado como um tipo de carboidrato complexo e o amido (um tipo de carboidrato) encontrado nele é digerido lentamente pelo corpo, auxiliando a ter níveis de açúcar no sangue mais estabilizados.

O organismo não reage aos amidos do alimento causando picos repentinos nas taxas sanguíneas de glicose. Ao contrário do que acontece com o açúcar simples encontrado em alimentos processados como farinha refinada, pão branco, macarrão, refrigerante e doces, os amidos encontrados na composição do grão-de-bico levam um período prolongado para serem decompostos depois que são ingeridos.

Agora, vamos conferir a quantidade, em gramas, de carboidratos que pode ser encontrada em alguns tipos e porções de grão-de-bico? A lista a seguir foi elaborada com base nas informações de portais que disponibilizam dados nutricionais a respeito de diversas comidas e bebidas:

1. Grão-de-bico seco cozido (genérico)

  • 30 g: aproximadamente 8,25 g de carboidratos;
  • 100 g: 27,55 g de carboidratos;
  • 1 xícara: 46,56 g de carboidratos.

2. Grão-de-bico pronto da marca Camil

  • 30 g: aproximadamente 2,65 g de carboidratos;
  • 100 g: 8,8 g de carboidratos;
  • 1 concha ou 125 g: 11 g de carboidratos.

3. Grão-de-bico em conserva da marca Quero

  • 30 g: aproximadamente 3,95 g de carboidratos;
  • 100 g: aproximadamente 13,05 g de carboidratos;
  • 1 xícara de chá ou 130 g: 17 g de carboidratos.

4. Grão-de-bico da marca Combrasil

  • 30 g: 17,5 g de carboidratos;
  • ¼ de xícara ou 60 g: 35 g de carboidratos;
  • 100 g: aproximadamente 58,35 g de carboidratos;
  • 1 xícara: 140 g de carboidratos.

5. Grão-de-bico da marca Yoki

  • 30 g: 14,5 g de carboidratos;
  • ½ xícara ou 60 g: 29 g de carboidratos;
  • 100 g: 48,35 g de carboidratos;
  • 1 xícara: 58 g de carboidratos.

O grão-de-bico é proteína?

Agora que já analisamos se o grão-de-bico é carboidrato, será que o alimento também pode ser considerado uma fonte de proteínas?

A resposta é sim. O grão-de-bico é uma ótima fonte de proteínas de origem vegetal e faz parte do grupo de alimentos que fornece uma combinação de proteínas, amido, fibras e minerais.

As proteínas são importantes para praticamente todas as nossas funções corporais, que envolvem os nossos órgãos, músculos, tecidos e níveis hormonais.

Vamos conhecer a quantidade de proteínas, em gramas, que pode ser encontrada em alguns tipos e porções de grão-de-bico?

1. Grão-de-bico seco cozido (genérico)

  • 30 g: aproximadamente 2,65 g de proteínas;
  • 100 g: 8,77 g de proteínas;
  • 1 xícara: 14,82 g de proteínas.

2. Grão-de-bico pronto da marca Camil

  • 30 g: aproximadamente 1,35 g de proteínas;
  • 100 g: 4,56 g de proteínas;
  • 1 concha ou 125 g: 5,7 g de proteínas.

3. Grão-de-bico em conserva da marca Quero

  • 30 g: aproximadamente 1,45 g de proteínas;
  • 100 g: aproximadamente 4,85 g de proteínas;
  • 1 xícara de chá ou 130 g: 6,3 g de proteínas.

4. Grão-de-bico da marca Combrasil

  • 30 g: 6,5 g de proteínas;
  • ¼ de xícara ou 60 g: 13 g de proteínas;
  • 100 g: aproximadamente 21,65 g de proteínas;
  • 1 xícara: 52 g de proteínas.

5. Grão-de-bico da marca Yoki

  • 30 g: 6,5 g de proteínas;
  • ½ xícara ou 60 g: 13 g de proteínas;
  • 100 g: aproximadamente 21,65 g de proteínas;
  • 1 xícara: 26 g de proteínas.

O grão-de-bico tem glúten?

Para quem não pode ingerir o glúten por sofrer com a doença celíaca ou intolerância ou sensibilidade ao glúten ou escolheu excluir a substância da alimentação mesmo sem ter esses problemas, é importante saber se o grão-de-bico tem glúten ou não em sua composição.

Pois bem, o grão-de-bico é naturalmente livre de glúten. Entretanto, vale chamar a atenção para as receitas que podem misturar legumes naturalmente sem glúten, como o grão-de-bico, com outros ingredientes que contêm a substância.

Os hambúrgueres de grão-de-bico, por exemplo, que você compra em lanchonetes e mercados, podem ser sustentados com migalhas de pão e não seriam livres de glúten.

Portanto, antes de consumir um prato com grão-de-bico, procure se informar para confirmar que a receita realmente é livre de glúten. E, ao comprar o seu grão-de-bico, cheque minuciosamente a embalagem do produto para se certificar de que ele não possui a substância.

Mesmo que o legume seja naturalmente livre do glúten, se ele for processado, embalado, armazenado ou transportado no mesmo equipamento, ambiente ou veículos que alimentos que possuem a substância, existe o risco de que ele seja contaminado pelo glúten através da chamada contaminação cruzada.

Atenção

Nós não submetemos os diferentes tipos e porções de grão-de-bico apresentados neste artigo a análises nutricionais para conferir se o grão-de-bico tem carboidrato ou proteínas – simplesmente reproduzimos as informações disponibilizadas na internet. Ou seja, os dados servem como uma estimativa.

Como cada marca de grão-de-bico pode oferecer o produto com uma quantidade diferente de carboidratos e proteínas, aconselhamos que você sempre cheque a tabela nutricional na embalagem para conferir qual é o teor de carboidratos e proteínas que ele apresenta.

Vídeos:

Gostou das dicas?

Você já imaginava que o grão-de-bico é carboidrato? Pretende incluí-lo em maior ou menor quantidade no seu dia a dia? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe um comentário