Mastite – O que é, sintomas e tratamento

Especialista da área:
atualizado em 26/04/2021

A mastite é comum durante a amamentação e pode causar complicações se não tratada. Saiba então o que é, os sintomas e o tratamento dessa inflamação.

  Continua Depois da Publicidade  

Apesar de ser mais comum durante a amamentação, nada impede que a mastite também afete mulheres que não se encontram nessa fase da vida. Por isso, é sempre bom estar atenta aos sinais e sintomas da inflamação.

Veja também o que pode ser a sensibilidade no mamilo e saiba o que fazer.

Ainda assim, as mães são as que mais sofrem com esse problema. A inflamação no tecido mamário é dolorosa e pode causar dificuldades para amamentar e grande desconforto.

Entenda como identificar e tratar a mastite, sem ter que deixar de amamentar.

Índice deste artigo:

O que é mastite

A mastite acontece por causa de uma inflamação do tecido mamário. Às vezes, a inflamação progride para uma infecção mamária que precisa de tratamento imediato.

Na maioria dos casos, a causa é a obstrução dos dutos mamários – que são os canais por onde o leite materno passa.

O leite parado por si só pode causar uma inflamação ou infecção. Outro fator de risco é a a presença de rachaduras no mamilo ou no seio que favorecem a entrada de bactérias que causam infecções.

De fato, a infecção da mama é mais comum durante os primeiros meses de amamentação, pois o corpo ainda está se adaptando ao fluxo de leite. No entanto, é possível ter mastite por outros motivos, como por exemplo:

  • Uso de implantes nas mamas;
  • Eczema;
  • Diabetes;
  • Ferimentos no mamilo ou lesões na pele dos seios;
  • Piercing no mamilo;
  • Hábito de fumar.

Geralmente, a mastite afeta apenas uma mama, mas é possível que o problema ocorra nos dois seios.

  Continua Depois da Publicidade  

Qualquer pessoa está sujeita à mastite, pois as bactérias que causam a infecção estão presentes naturalmente na sua pele ou na boca do bebê que mama.

Sintomas

Assim que você notar qualquer sintoma de mastite, é importante procurar um médico para começar a tratar a inflamação.

Os sintomas que podem ocorrer são:

  • Febre;
  • Calafrio;
  • Mal-estar;
  • Dor na mama;
  • Secreção no mamilo;
  • Nódulo mamário;
  • Sensação de queimação na pele do seio;
  • Dor de cabeça;
  • Náusea e vômito;
  • Inchaço na mama;
  • Mama endurecida, quente e avermelhada.

Tratamento

aliviar a mastite

O tratamento precoce é muito importante para prevenir uma infecção mais grave e aliviar os sintomas.

A mastite não tratada pode evoluir para um abscesso mamário – que precisa de drenagem cirúrgica. Além disso, a dor pode impedir que você amamente, levando ao desmame precoce que é contraindicado pelo Ministério da Saúde.

Para tratar a mastite, seu médico vai te avaliar e se houver uma infecção, ele pode indicar o uso de um antibiótico de uso oral. Ele também pode indicar analgésicos e anti-inflamatórios para tratar a dor e o inchaço.

É indispensável tomar o antibiótico ou qualquer outro remédio indicado pelo tempo prescrito pelo médico. Além disso, você pode complementar o tratamento com as seguintes dicas que trazem conforto e alívio:

  • Tente esvaziar completamente as mamas durante as mamas ou com uma bomba de extração de leite;
  • Descanse bastante para o seu corpo combater a infecção;
  • Varie as posições de amamentar e corrija a pega do seu bebê, se necessário;
  • Beba bastante água e líquidos;
  • Faça massagens suaves com movimentos circulares na mama;
  • Use sutiãs esportivos que não apertam demais os seios;
  • Aplique compressas mornas ou tome um banho quente para aliviar a dor.

Por fim, saiba que ter mastite durante a amamentação não impede que você amamente. Por isso, continue amamentando seu bebê mesmo durante o tratamento. Se houver dúvidas sobre isso, converse com o seu médico.

  Continua Depois da Publicidade  

Fontes e Referências Adicionais

Você já sofreu de mastite? Conhece alguém que teve esse problema na gravidez? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando o assunto é saúde, você tem que saber em quem confiar. Sua qualidade de vida e bem-estar devem ser uma prioridade para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada e altamente qualificada, composta por médicos, nutricionistas, educadores físicos. Nosso objetivo é garantir a qualidade do conteúdo que publicamos, que é também baseado nas mais confiáveis fontes de informação. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados à saúde, boa forma e qualidade de vida.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário