Osteonutri Engorda? Para Que Serve e Como Tomar

🕐 20/03/2018

Osteonutri é um suplemento produzido pela Medley que é composto por fosfato de cálcio tribásico e colecalciferol (vitamina D3), de acordo com informações da bula do produto disponibilizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

A sua comercialização é isenta da necessidade da apresentação da prescrição médica.

Para que serve Osteonutri?

O medicamento é indicado para a prevenção e o tratamento auxiliar da desmineralização óssea, a osteoporose. Ele também pode ser utilizado como suplementos vitamínico e mineral durante o período da gestação e do aleitamento materno.

Além disso, Osteonutri ainda pode ser usado como complemento das necessidades orgânicas de cálcio, quando o mineral encontra-se em estado de deficiência, como acontece em casos de osteomalácia – fraqueza dos ossos – e raquitismo – amolecimento ou enfraquecimento ósseo.

O remédio também pode ser utilizado no tratamento da hipocalcemia, que é a falta de cálcio no sangue. As informações são da bula disponibilizada pela Anvisa.

Osteonutri engorda?

Para quem se importa não somente com a saúde, mas também com a boa forma, é importante saber se um medicamento ou suplemento pode ou não provocar a elevação do peso para que a pessoa possa se preparar para combater esse efeito.

Como forma de descobrirmos se Osteonutri engorda, o que fizemos primeiro foi checar o que a bula diz a respeito desse efeito. E, com base nas informações apresentadas pelo documento, não podemos concluir que o suplemento pode causar diretamente o aumento de peso.

Isso porque a bula não apresenta nenhum efeito colateral que nos permita afirmar que Osteonutri engorda de maneira direta. Por outro lado, algumas reações do suplemento podem ser associadas à diminuição do peso.

Segundo o documento, um dos efeitos colaterais esperados do medicamento é a hipervitaminose D, que é descrita como a quantia elevada de vitamina D no sangue, que pode vir acompanhada de uma perda de apetite.

Além disso, a bula também destaca que o suplemento pode provocar a hipercalcemia, que é a quantidade elevada de cálcio no sangue, e que um dos sintomas dessa condição também é a diminuição do apetite.

Quando o apetite sofre uma redução, a pessoa sente uma menor vontade de comer e, ao se alimentar em menor quantidade, pode sofrer a perda de peso.

Entretanto, isso não significa que o efeito seja experimentado por todas as pessoas e nem que o suplemento deva ser utilizado fora de seus propósitos, que foram explicitados no tópico acima, somente com o objetivo de perder peso.

Além de não haver garantias de que o resultado seja observado, o uso desnecessário do produto pode prejudicar a saúde, já que tanto a hipercalcemia quanto a hipervitaminose D podem aparecer acompanhadas de outros sintomas e o suplemento ainda pode provocar outros efeitos colaterais indesejáveis, como descrito no tópico a seguir.

Isso sem contar que há uma série de contraindicações e cuidados associados ao uso de Osteonutri, como você também verá no decorrer deste artigo. Logo, o ideal é usar o suplemento com acompanhamento médico.

Efeitos colaterais de Osteonutri

Agora que já analisamos se o Osteonutri engorda ou emagrece, vamos conferir, de acordo com informações da bula disponibilizada pela Anvisa, os efeitos colaterais que o produto pode ocasionar:

  • Aumento do risco de arritmias cardíacas em pacientes digitalizados, que fazem uso de medicamentos digitais para o coração;
  • Distúrbios gastrintestinais;
  • Hipercalcemia  – que pode trazer sinais como: náusea, vômito, prisão de ventre, dor abdominal, fraqueza muscular, poliúria (aumento do volume e da frequência urinária), sede, sonolência, confusão e coma ou arritmias cardíacas, em casos severos;
  • Hipercalciúria – taxa elevada de cálcio na urina;
  • Calcificação e dano no coração e nos rins;
  • Prisão de ventre, principalmente em idosos;
  • Hipervitaminose D com secura na boca, dor de cabeça, polidipsia (vontade de tomar muita água), poliúria, náuseas, vômitos, fadiga, sensação de fraqueza, aumento da pressão arterial, dor muscular e coceira.

Ao experimentar qualquer um desses efeitos colaterais ou outros tipos de reações ao suplemento, informe imediatamente o seu médico para saber como proceder de maneira segura para a sua saúde.

Contraindicações e cuidados com Osteonutri

O suplemento não deve ser utilizado por pessoas que sofrem com hipersensibilidade a algum dos componentes de sua fórmula, que tenham hipercalcemia, problemas renais graves, sarcoidose (condição caracterizada pelo acúmulo anormal de células inflamatórias), hipercalciúria grave e hipervitaminose D e por crianças.

O uso do suplemento exige cuidados com pessoas que tenham propensão ao desenvolvimento de cálculos renais e que possuam doença cardíaca. Mulheres grávidas ou que se encontrem em processo de amamentação de seus bebês só devem utilizar Osteonutri com orientação médica.

Já os pacientes que têm acloridria ou hipocloridria, que é a ausência ou diminuição do ácido clorídrico no estômago, podem sofrer com a diminuição da absorção de cálcio, a não ser que o mineral seja administrado durante as refeições.

A absorção intestinal do cálcio também pode ser prejudicada pelo consumo de alimentos como ruibarbo, espinafre, farelo de trigo e outros cereais. Da mesma maneira, o álcool, a cafeína e o tabaco podem reduzir a quantidade absorvida do mineral.

Por conta da vitamina D3, o uso de suplemento exige o controle das concentrações de fosfato no sangue para diminuir a calcificação em locais alheios ao osso e o exame periódico da concentração de cálcio no sangue, principalmente no começo do tratamento e caso apareçam sinais que sugerem toxicidade.

Mesmo que não seja necessária a apresentação da receita médica para comprar o remédio, é fundamental consultar o médico antes de começar a usar o produto e contar com o acompanhamento dele durante todo o tratamento para se certificar de que Osteonutri é realmente indicado para o seu caso, saber como ele deve ser tomado, para que o tratamento seja eficiente e seguro, e garantir que ele não fará mal.

De qualquer modo, as contraindicações que citamos no começo deste tópico e os efeitos colaterais do tópico anterior já evidenciam, por si só, como a orientação médica é importante.

Também é necessário informar a ele caso esteja usando algum outro tipo de remédio, inclusive os medicamentos digitais, ou suplemento para que o profissional verifique se não existem um risco de interação prejudicial e se a dosagem ou o horário/modo de usar Osteonutri não devem ser alterados.

Como tomar Osteonutri – Posologia 

De acordo com a bula, o medicamento deve ser utilizado via oral e não pode ser partido, aberto ou mastigado.

Ainda conforme o documento, a dosagem diária recomendada é de um a dois comprimidos revestidos por dia, cuja orientação é que sejam ingeridos durante as refeições. No entanto, é o médico quem deve determinar a dose diária segura e adequada para cada pessoa assim como a duração do tratamento e os horários de uso do suplemento.

Essa dosagem indicada não deve ser aumentada a não ser que haja uma indicação por parte do médico, alertou a bula.

Preço de Osteonutri 

O suplemento pode ser encontrado pelos valores de R$ 38,35 a R$ 52,71 na versão da embalagem com 30 comprimidos. Já o Osteonutri contendo 60 comprimidos pode ser achada à venda pelos preços de R$ 67,50 a R$ 95,69.

Entretanto, ainda é possível que você encontre valores diferentes de acordo com o estabelecimento e a cidade na qual o produto for adquirido.

Você conhece alguém que tenha utilizado e afirme que o Osteonutri engorda? Tem indicação para tomar esse suplemento? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 3,88 de 5)
Loading...

Deixe um comentário