Remédios para infecção intestinal mais usados

Especialista da área:
atualizado em 09/12/2020

A infecção intestinal é um problema de saúde extremamente comum, e que acomete praticamente todas as pessoas, ao menos uma vez na vida. Normalmente nessas situações as pessoas recorrem a remédios para tratar o problema, e aqui vamos ver quais são os mais usados.

  Continua Depois da Publicidade  

Ela ocorre devido à presença de micro-organismos patogênicos no intestino, que levam ao conhecido quadro de diarreia e dor abdominal.

E, por ser algo tão comum, é importante conhecermos os tratamentos para infecção intestinal.

Então, vamos conhecer quais são os sintomas da infecção intestinal e quais os tipos de remédio mais usados e mais eficazes para tratar a condição.

Infecção intestinal

infecção intestinal

De forma geral, as causas mais comuns de problemas intestinais são as infecções por vírus e bactérias, e as infestações parasitárias, chamadas popularmente de verminoses.

Os principais sintomas podem incluir:

  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Cólicas abdominais;
  • Febre;
  • Diarreia;
  • Presença de parasitas nas fezes (no caso de verminoses).

Entretanto, no caso de infestações parasitárias, não é comum a pessoa apresentar febre.

Como tratar

O tratamento do problema vai depender da causa, que como já vimos, pode ser uma bactéria, um vírus ou um parasita.

1. Infecção bacteriana

Na infecção bacteriana, por exemplo, a infecção pode ser causada por bactérias como:

Tais bactérias geralmente são introduzidas no organismo por meio de alimentos ou água contaminados.

  Continua Depois da Publicidade  

O tratamento, para esses casos, envolve o uso de medicamentos antibióticos, que irão eliminar as bactérias causadoras, permitindo que o corpo volte ao equilíbrio.

2. Infecção viral

A infecção viral do intestino, chamada também de gastroenterite viral, é contraída por meio do consumo de água ou alimentos contaminados. E, por se tratar de um vírus, o contato com alguém contaminado também pode espalhar a doença.

Os vírus mais comuns que causam a infecção intestinal são o rotavírus e o norovírus, e infelizmente, não há um tratamento específico para tratar a condição. É recomendado apenas que o paciente se mantenha bem hidratado, repouse e que consuma alimentos leves.

3. Infecção parasitária

A infecção parasitária no intestino é aquela causada por um verme que se estabelece no corpo e se multiplica. Esse é o tipo de problema intestinal mais fácil de diagnosticar, devido aos sintomas característicos que podem incluir:

  • Coceira anal;
  • Presença de parasitas nas fezes;
  • Perda de peso.

Para tratar esse tipo de problema intestinal, utiliza-se medicamentos antiparasitários, como:

  • Albendazol;
  • Mebendazol;
  • Praziquantel.

Em alguns casos, membros da mesma família também são tratados para evitar a propagação da doença.

Outros remédios para infecção intestinal

1. Probióticos

O consumo de probióticos geralmente é recomendado com o intuito de normalizar a microflora intestinal, já que probióticos são bactérias saudáveis e vitais para o bom funcionamento do intestino.

Os remédios probióticos mais indicados pelos médicos são o Florax e o Floratil. Mas pode-se usar também bebidas como o leite fermentado, que contém bactérias benéficas para o intestino.

  Continua Depois da Publicidade  

2. Analgésicos e anti-inflamatórios

Às vezes, quando há muita dor, o uso de algum analgésico ou anti-inflamatório para alívio desse sintoma é necessário.

3. Soro de reidratação oral

Quando a diarreia e os vômitos são frequentes, é importante manter a hidratação, e isso inclui, em casos mais severos, a reposição de eletrólitos, que pode ser feita com:

  • Soro de reidratação oral;
  • Bebidas isotônicas;
  • Água de coco.

Tratando a infecção intestinal em casa

Em qualquer tipo de infecção intestinal, o corpo pode ficar desidratado rapidamente. Assim, é muito importante tomar algumas precauções em casa para evitar a desidratação e a perda de minerais importantes como o sódio e o potássio.

As melhores dicas para casos leves de infecção intestinal:

  • Ingerir líquidos, principalmente água, com bastante frequência;
  • Evitar alimentos e bebidas que irritem o estômago, como o café;
  • Não usar nenhum suplemento ou remédio para infecção intestinal sem antes consultar um médico;
  • Evitar a ingestão de produtos lácteos;
  • Evitar o consumo de alimentos gordurosos;
  • Consumir alimentos ou bebidas ricas em potássio e outros eletrólitos.

Dicas e cuidados

Não se deve usar medicamentos antidiarreicos em casos de infecção intestinal, pois eles podem fazer com que bactérias, que antes estavam presentes apenas no intestino, se espalhem para outras partes do corpo.

Às vezes é impossível escapar de uma infecção intestinal, como em casos de ingestão de alimentos ou água contaminada. Mas há algumas precauções que você pode tomar para evitar o contágio.

  • Lave bem qualquer alimento fresco que for consumir em casa;
  • Tente saber se o restaurante que você pretende ir ou frequenta adota boas práticas de higiene;
  • Lave as mãos com frequência e de preferência, principalmente antes das refeições;
  • Use álcool em gel quando não puder lavar as mãos para evitar contrair infecções de outras pessoas em ambientes públicos;
  • Evite ingerir leites não pasteurizados e crustáceos, peixes ou carnes cruas;
  • Armazene bem os alimentos que não for consumir imediatamente para evitar a proliferação de microrganismos;
  • Mantenha sua cozinha limpa;
  • Leve ou compre água potável quando for viajar para algum lugar desconhecido, para evitar contaminação através da água local.

Apenas as infecções intestinais causadas por vírus são altamente contagiosas. Já os outros tipos só são contagiosos em casos pontuais em que há contato direto com as fezes de uma pessoa doente, o que é uma situação bem difícil.

Portanto, caso os sintomas não melhorem, procure um médico para indicar o melhor tratamento para o seu caso.

Fontes e Referências Adicionais

Você já tomou algum tipo de remédio para infecção intestinal dos que listamos acima? De que tipo foi a infecção e em quanto tempo foi tratada? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (13 votos, média 4,38)
Loading...
Sobre Dr. Marcos Marinho

Dr. Marcos Marinho é especialista em Gastroenterologia, Endoscopia Digestiva e Ultrassonografia - CRM 52.104130-4. Formou-se em Medicina pela Universidade do Grande Rio (Unigranrio) e é pós-graduado em Gastroenterologia pelo IPEMED. Realizou cursos de ultrassonografia geral e intervencionista pela Unisom, ultrassonografia musculoesquelética e Doppler pelo CETRUS. Atualmente, é pós-graduando de Endoscopia Digestiva pela Faculdade Suprema de Juiz de Fora-MG. No momento, atua em vários municípios do estado do Rio de Janeiro como na capital, Niterói, Magé e Araruama. Dr. Marcos Marinho tem experiência em setores variados de sua especialização e continua em constante aprendizado e evolução para ser uma referência da área. Para mais informações, entre em contato através de seu Instagram oficial @drmarcosmarinho

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário