12 Benefícios da Ashitaba – Para Que Serve e Propriedades

Especialista:
atualizado em 27/12/2019

Os benefícios da ashitaba já foram estudados no Japão, China e Indonésia, e os resultados demonstram que se trata de uma planta incrível para saúde. Veja agora para que serve a ashitaba, seus benefícios e propriedades.

Há séculos, a ashitaba tem sido usada tanto na culinária como em remédios medicinais no Japão, onde é também é chamada de “folha do amanhã”.

Devido aos seus muitos benefícios para a saúde, ela se torna cada vez mais popular, afinal contém 13 tipos de minerais, cumarinas, vitaminas, proteínas, saponinas e fibras, que são úteis para a saúde do corpo.

O que é ashitaba

Ashitaba é o nome japonês de uma planta flora cientificamente conhecida como Angelica keiskei. Membro da família das cenouras, esta planta contém folhas dissecadas de crescimento rápido que são comumente usadas como alimento e remédio no Japão.

Essa planta contém altos níveis de vitaminas do complexo B, bem como ferro, potássio, cálcio e níveis moderados de proteína. Ela também contém uma boa quantidade de poderosos antioxidantes.

Suas folhas são as partes mais utilizadas, embora a raiz e as hastes também sejam usadas para algumas preparações. O nome popular desta planta é “folha do amanhã”.

Algumas pessoas estão procurando a ashitaba como um substituto de outras verduras folhosas, especialmente porque tem um sabor mais leve que se aproxima mais ao aipo ou às folhas de goiaba do que da couve ou espinafre.

Propriedades da ashitaba

Uma revisão de usos medicinais e farmacológicas de Ashitaba publicada em 2016 diz que, embora muitos estudos in vitro tenham sido conduzidos sobre os constituintes químicos desta planta, a eficácia in vivo e a relevância clínica ainda precisam ser confirmadas para a maioria das atividades, porém, de acordo com a pesquisa, as propriedades da ashitaba são:

  • Anti-inflamatórias;
  • Anti-hipertensivas;
  • Antimicrobianas.

De acordo com os pesquisadores, os resultados experimentais demonstram ser promissores para o uso medicinal da ashitaba, porém é preciso fazer um trabalho considerável para entender os mecanismos de ações dos seus metabolismos.

12 Benefícios da Ashitaba

1. Regula a diabetes

A diabetes é uma condição que ocorre porque o corpo não consegue controlar os níveis de insulina. Trata-se de uma doença crônica que, assim que for diagnosticada, o paciente deve prestar bastante atenção e se cuidar.

Um estudo realizado em camundongos mostrou que a ashitaba poderia controlar os níveis de açúcar no sangue, assim como os níveis de insulina. Os ratos que tiveram uma dieta rica em açúcar reduziram os níveis de açúcar, insulina e triglicérides no sangue devido à ashitaba.

2. Combate a gripe

No estudo realizado em células, ficou claro que essa planta pode prevenir que o vírus da gripe se replique, o que é uma excelente opção para curar os sintomas da gripe e resfriados.

3. Reforça o sistema imunológico

Se você quer ter uma vida saudável, precisa evitar qualquer doença sempre que possível. Você pode fazer isso mantendo o seu sistema imunológico saudável, e a ashitaba pode ser a sua aliada, já que ela luta contra as bactérias e acelera o tempo de cicatrização das suas feridas. Ela também previne infecções e sua seiva pode ser aplicada diretamente na ferida.

4. Ajuda a digestão

Pessoas normalmente ignoram a constipação sem perceber que essa condição pode futuramente causar sérios problemas de saúde. Como a ashitaba contém calcona, ela ajuda a prevenir esse problema, além do fato que a planta é diurética e ajuda o corpo a se livrar do excesso de líquido, o que leva a um melhor sistema digestivo.

5. Ajuda a perder peso

Uma pesquisa realizada com 25 participantes com excesso de peso mostrou que o uso de ashitaba não apenas reduziu a gordura na barriga, como também foi capaz de reduzir a largura da cintura em oito semanas.

Outro estudo revelou que essa planta poderia ajudar na luta contra aquela gordura teimosa que é mais difícil de sair da barriga.

Os resultados também mostraram que ela poder ajudar a reduzir o peso, IMC e gordura corporal total em pessoas que sofrem de síndrome metabólica.

Em um estudo realizado em ratos, os pesquisadores descobriram que a ashitaba pode aumentar a produção de um hormônio capaz de ajudar na perda de peso.

6. Aumenta o metabolismo

O sangue é o responsável por transportar todos os tipos de nutrientes pelo corpo, e para prevenir que elementos perigosos entrem na corrente sanguínea, é importante garantir que uma desintoxicação os tire de do sangue o mais rápido possível.

Os efeitos de desintoxicação da ashitaba acabam com as toxinas do sangue e também lutam contra a anemia devido à sua alta quantidade de ferro, cálcio e potássio. Além disso, a planta contém vitamina B12 e clorofila, que garantem uma boa circulação sanguínea.

7. Auxilia o sistema nervoso central

O sistema nervoso central (SNC) é responsável por enviar mensagens do cérebro para o resto do corpo e vice-versa. Você irá precisar de neurônios saudáveis para manter os níveis excelentes das funções cognitivas. Ao consumir ashitaba, ela irá estimular o seu fator de crescimento nervoso, e isso é possível devido aos altos níveis de vitamina B12 presente nesta planta.

8. Boa para a saúde do coração

É muito importante ter um coração saudável para ter certeza de que o resto do seu corpo está funcionando bem. Até mesmo pequenos problemas nos batimentos cardíacos podem levar a problemas maiores.

Como a ashitaba contém potássio, ela garante que o seu coração permaneça forte e melhora as funções musculares.

9. Baixa a pressão sanguínea

A planta de ashitaba contém Calcona, uma cetona aromática que tem a habilidade de baixar e regular a pressão arterial. A calcona também é um agente antitrombótico, o que significa que a planta pode prevenir coágulos sanguíneos nocivos e dolorosos em nossos corpos, além de ser boa para o cérebro.

O cérebro é o núcleo de todas as suas funções corporais, e por isso ele exige muita energia. A enorme quantidade de nutrientes presentes na planta de ashitaba garante que o seu cérebro esteja sempre funcionando melhor.

O consumo dessa planta também pode melhorar a sua concentração e atenção e até mesmo ajudar a controlar melhor as suas emoções.

Estudos realizados nas células do cérebro também revelaram que essa planta pode causar morte celular nas células cancerígenas do cérebro, além de ajudar na luta contra doenças como Alzheimer, Parkinson e demência e a perda de memória.

10. Acelera o metabolismo

Essa planta pode acelerar o metabolismo e consequentemente ajudar na perda de peso. Quando combinada com uma dieta saudável e exercícios físicos regulares, a ashitaba pode ser uma boa ajuda na eliminação do excesso de peso e também pode ajudar a controlar o apetite, já que cria um pH alcalino no corpo.

11. Propriedades antienvelhecimento

A ashitaba pode retardar o processo de envelhecimento, já que ela combate os radicais livres que danificam as células do corpo devido aos seus altos níveis de agentes antioxidantes.

Os radicais livres são responsáveis por causar muitos danos ao corpo, e estes efeitos são mais comuns na pele do que em outros órgãos do corpo.

Essa planta também contém melatonina, que é um agente antioxidante que não só retarda o envelhecimento ao combater os radicais livres, como também ajudar a pessoa a ter um sono reparador.

12. Combate ao câncer

De acordo com um estudo realizado em células, a planta de Ashitaba pode causar morte celular nas células cancerígenas. Um outro estudo sugeriu que isso pode aumentar a quantidade de enzimas anticâncer e diminuir a velocidade de formação de novos tumores.

Em um estudo realizado com camundongos, os pesquisadores descobriram que essa planta pode prolongar o tempo de vida e prevenir o câncer de se espalhar para outras partes do corpo.

Como usar ashitaba

Agora que você já conhece as propriedades e benefícios da ashitaba, é importante usá-la adequadamente para aproveitar ao máximo todos eles.

  • Muitos especialistas recomendam que, antes do consumo, as folhas sejam enxaguadas com água salgada, seguido de água doce;
  • As folhas podem ser usadas no lugar de outros vegetais verdes folhosos, como couve e espinafre por exemplo, mas em quantidades muito menores, não mais do que 5-6 folhas por dia;
  • Quando as folhas são secas, elas podem fazer um poderoso chá preparado com 1 ou 2 folhas e tomado duas vezes ao dia;
  • Essas folhas secas também podem ser picadas e moídas em pó e colocadas em cápsulas;
  • Tinturas e extratos também estão disponíveis em lojas especializadas de saúde.

Efeitos colaterais

Embora haja muitos benefícios, a ashitaba pode apresentar alguns efeitos colaterais quando consumida em excesso. Esses efeitos colaterais incluem complicações com a gravidez e a amamentação, portanto, as mulheres nessas condições devem evitar o uso completo.

Antes de adicionar esse remédio herbal à sua dieta, é melhor falar com o seu médico sobre suas condições de saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já conhecia a planta ashitaba e seus benefícios para a saúde? Pretende incrementar na sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário