15 alimentos que aceleram o metabolismo

Especialista da área:
atualizado em 09/03/2021

Veja a seguir o que é metabolismo e quais são os alimentos que aceleram o metabolismo e ajudam no emagrecimento.

  Continua Depois da Publicidade  

O metabolismo pode ser definido como o processo pelo qual nosso corpo converte os alimentos que consumimos em energia.

Mesmo quando estamos em dormindo ou simplesmente descansando, nosso corpo precisa de energia para manter suas funções vitais, como a respiração, a circulação sanguínea e a regeneração das células.

Ao total de calorias gastas apenas para manter estas funções vitais “básicas” dá-se o nome de taxa de metabolismo basal. Ou, como nos acostumamos a ouvir, simplesmente nosso metabolismo.

No entanto, ele também pode ter um papel importante no processo de emagrecimento, já que um metabolismo rápido pode ajudar a perder peso.

Alguns fatores como sexo, idade e prática de atividades físicas influenciam diretamente no metabolismo. Pessoas mais jovens costumam ter o metabolismo mais rápido, já os mais velhos, principalmente as mulheres por possuírem mais gordura corporal, tem o metabolismo mais lento.

Nesse sentido, alguns alimentos tem propriedades termogênicas e podem interferir no metabolismo, pois eles aumentam a temperatura corporal.

Quando isso acontece, o organismo precisa gastar mais energia para reequilibrar a temperatura. Para cada grau de elevação da temperatura, o metabolismo aumenta de 10 a 13% – ou algo em torno de 100-130 calorias a mais todos os dias.

Entretanto, só comer esses alimentos não faz ninguém emagrecer, é preciso ter uma dieta equilibrada e também praticar atividades físicas regularmente.

Portanto veja a seguir quais são os alimentos que aceleram o metabolismo, depois do vídeo abaixo, com 10 dicas para acelerar o metabolismo naturalmente.

  Continua Depois da Publicidade  

Especiarias e temperos

1. Pimenta

pimenta acelera o metabolismo

A pimenta é um dos principais alimentos termogênicos, pois possui capsaicina. Pesquisadores da Aarhus University, na Dinamarca, descobriram que o consumo regular dessa substância favorece a termogênese, o que provoca um aumento da temperatura corporal e, consequentemente, do metabolismo.

Além disso, uma pesquisa realizada na Coréia do Sul demonstrou ainda que a capsaicina tem o potencial de reduzir a atividade de enzimas responsáveis pela síntese de gordura, prevenindo o seu acúmulo no corpo.

2. Chá Verde

chá verde acelera o metabolismo

Há séculos os asiáticos tomam chá verde após as refeições para facilitar a digestão e manter a saúde. E não por acaso eles apresentam os menores índices de massa corporal e as maiores taxas de longevidade do planeta.

A planta conhecida como Camellia sinensis contêm epigalocatequina, um tipo de fitonutriente que favorece a queima de gordura abdominal.

Estudos indicam que as catequinas reduzem:

  • O percentual de gordura corporal;
  • O colesterol;
  • A glicose;
  • A insulina.

Além disso, a epicatequina ainda aumenta a concentração de adiponectina, hormônio que reduz as inflamações, melhora o metabolismo da glicose e da insulina e favorece a queima de gordura.

Um estudo publicado no The Journal of Nutrition concluiu que voluntários que se exercitaram e tomaram chá verde regularmente queimaram mais calorias do que aqueles que apenas praticaram atividade física.

Além disso, o chá verde possui cafeína, que é uma substância termogênica.

  Continua Depois da Publicidade  

3. Gengibre

gengibre fatiado

Assim como a pimenta, o gengibre é um alimento termogênico.

Uma pesquisa publicada em 2012 no periódico científico Metabolism relatou que participantes que consumiram gengibre diariamente apresentaram níveis maiores de termogênese, ao mesmo tempo em que tiveram uma redução do apetite.

4. Canela

pó de canela

A canela eleva a temperatura corporal e também ajuda na absorção da glicose pelas células.

Dessa forma, o pâncreas precisa liberar menos insulina, já que o excesso de insulina está ligado à redução do metabolismo e dificuldade na queima de gordura. Sendo assim, consumir canela ajuda a perder peso.

Como o efeito da canela é moderado, a dica é consumir pelo menos ¼ de colher de chá do tempero regularmente.

Veja também: Benefícios da canela – Para que serve e propriedades

Proteínas animais que aceleram o metabolismo

1. Peito de Peru

Peito de Peru acelera o metabolismo

O peito de peru é um grande aliado do emagrecimento, já que é fonte de proteínas e tem baixo teor de gordura saturada.

Além disso, as proteínas magras fazem com que o corpo gaste mais energia durante a digestão, o que acelera o metabolismo e favorece a queima de gordura.

O peru é fonte creatina, um composto que os músculos utilizam para estocar energia. Não só isso, mas também é rico em aminoácidos, substâncias que desempenham diversas funções no corpo.

Um desses aminoácidos é o triptofano, essencial para a produção de serotonina, um neurotransmissor ligado à sensação de bem estar.

2. Atum

atum cru

Seja cru na forma de sashimi ou grelhado, o atum tem muitos benefícios para a saúde. O peixe de água fria é fonte de ácidos graxos ômega 3, que estimulam a produção de leptina, o hormônio que está ligado à saciedade.

O ômega 3 também melhora o metabolismo da glicose, aumentando a sensibilidade à insulina. Como resultado, assim como ocorre na canela, há uma menor liberação do hormônio, o que favorece a utilização da gordura corporal como fonte de energia.

3. Claras de ovos

ovos na cesta

Se os ovos inteiros são motivos de grande controvérsia, as claras são praticamente uma unanimidade: ricas em proteínas, são um excelente alimento para quem quer ganhar massa muscular.

Cada clara fornece 4g de proteínas e 17 calorias. Além disso, esse alimento é de difícil digestão, o que faz com que o corpo gaste mais energia para processá-lo.

As claras também são fonte de leucina, um aminoácido de cadeia ramificada (BCAA) que estimula a síntese de proteínas e controla a liberação de insulina pelo pâncreas.

A leucina também ajuda a prevenir o catabolismo, que é a utilização do próprio tecido muscular como combustível para as células.

Além disso a proteína do ovo, a albumina, também apresenta uma digestão lenta, o que mantém o estômago preenchido por mais tempo, facilitando o controle do apetite.

Verduras e leguminosas que aceleram o metabolismo

1. Lentilha

lentilhas aceleram o metabolismo

As lentilhas não servem apenas para dar sorte no Ano Novo. As plantas da mesma família do feijão são ricas em ferro e em vitaminas do complexo B.

Essas vitaminas são importantes para a produção de L-carnitina, nutriente responsável pelo transporte de ácido graxo para dentro das células, onde serão utilizados para o fornecimento de energia.

100 gramas de lentilha cozida fornece uma ótima quantidade de ferro, além de 7,30 g de proteína e 6,44 g g de fibra alimentar.

2. Brócolis

brócolis cozido

São tantos os benefícios do brócolis que fica difícil dizer que ele serve apenas para acelerar o metabolismo.

Além de ser um dos melhores alimentos anticancerígenos e um poderoso antioxidante, a verdura ainda fortalece o sistema imune e fornece fibras essenciais para o funcionamento do intestino.

E como o brócolis acelera o metabolismo?

O vegetal contém cálcio e vitamina C, dois nutrientes indispensáveis para o metabolismo energético. A vitamina C ajuda o corpo a absorver mais cálcio dos alimentos e o cálcio favorece a queima de gordura.

No brócolis encontramos ainda uma boa concentração de clorofila, o fitonutriente que ajuda a desintoxicar o fígado e eleva a captação de oxigênio no sangue, aumentando a produção de energia.

Como a vitamina C é termossensível – ou seja, ela é degradada em altas temperaturas- é importante prestar atenção ao cozimento do brócolis para não eliminar suas propriedades termogênicas.

Sementes e grãos que aceleram o metabolismo

1. Amêndoas

amêndoas aceleram o metabolismo

Todas as nozes e castanhas são alimentos que aceleram o metabolismo, pois são ótimas fontes de gorduras insaturadas.

Mas as amêndoas saem na frente, pois além das gorduras boas, ainda contêm cálcio e magnésio, dois minerais essenciais para a produção do hormônio chamado melatonina.

A melatonina é importante não somente para garantir uma boa noite de sono, mas também favorece a queima de gordura.

Isso porque, de acordo com um estudo publicado no Journal of the Pineal Research, esse hormônio aumenta a concentração de gordura marrom, que é usada na produção de calor (termogênese).

Além disso, a amêndoa ainda é uma excelente fonte de proteínas (são 21g a cada 100g do alimento). Elas também aceleram o metabolismo, pois são difíceis de ser digeridas, o que faz com que o corpo gaste mais energia para processá-las.

Mas não exagere: 100 gramas de amêndoas contém cerca de 632 calorias, e quase 50 g de gordura. Também fique longe das amêndoas torradas e com sal, que podem ter muito sódio, o que favorece a retenção de líquidos.

2. Aveia

Aveia no pote

A aveia é uma ótima opção para acelerar o metabolismo, pois o corpo gasta muita energia para digerir esses grãos. Além disso, mesmo em pequenas porções, a aveia já ajuda no metabolismo da glicose, melhorando a sensibilidade à insulina.

Consumir 30 g de aveia integral de manhã ajuda a reestabelecer os níveis de glicose e estimula o gasto de calorias na forma de gordura. As fibras da aveia (betaglucanas) também diminuem a absorção do colesterol.

Para não exagerar nas calorias, fique longe do mingau preparado com leite integral e adoçado com várias colheres de açúcar. A aveia crua aumenta a saciedade e absorve mais água, aumentando o volume estomacal e facilitando o trabalho do sistema digestivo.

Frutas que aceleram o metabolismo

1. Toranja (Grapefruit)

toranja ou grapefruit

Apesar de pouco conhecida no Brasil, essa fruta é um excelente alimento para acelerar o metabolismo, pois contém naringenina, um antioxidante que melhora o metabolismo da glicose.

A naringenina ajuda o corpo a utilizar a insulina de maneira mais eficiente, facilitando o controle da glicemia sanguínea e aumentando a queima de gordura.

A fruta ainda é uma ótima fonte de vitamina C, nutriente que combate o estresse oxidativo que danifica as células e causa alterações no metabolismo.

2. Abacate

Abacate acelera o metabolismo

Esqueça a antiga ideia de que o abacate engorda e deve ser evitado por quem está tentando perder peso. Inúmeros estudos têm demonstrado que o fruto, de origem mexicana, estimula a queima de gordura e pode ajudar a emagrecer.

O abacate favorece a queima de gordura, diminui a conversão da energia dos alimentos em ácidos graxos e ainda evita inflamações que levam ao ganho de peso.

3. Óleo de coco

óleo de coco

Gorduras saudáveis como o óleo de coco devem compor pelo menos 10-15% do total de calorias ingeridas diariamente. Enquanto a maioria das gorduras contêm ácidos graxos de cadeia longa, o óleo de coco é formado predominantemente por triglicerídeos de cadeia média (MCTs).

Os MCTs são metabolizados de maneira diferente dos demais ácidos graxos, pois são processados diretamente pelo fígado, onde serão utilizados como fonte de energia imediata. Assim, não são armazenados como gordura e aceleram o metabolismo.

Entretanto como é bastante calórico, o óleo de coco deve ser consumido com moderação, e sempre como uma alternativa aos demais óleos vegetais.

Laticínios que aceleram o metabolismo

iogurte natural

Os laticínios aceleram o metabolismo, pois são fonte de cálcio e proteínas. Enquanto as proteínas precisam de mais energia para ser processadas, o cálcio atua diretamente no metabolismo energético, o que diminui a absorção da gordura.

Pesquisadores da Universidade do Tennessee estudaram o efeito do cálcio sobre a taxa de gordura corporal de ratos obesos e descobriram que os animais que receberam o mineral na forma de iogurte apresentaram uma diminuição de mais de 60% nos estoques de gordura.

Embora todos os laticínios tenham propriedades semelhantes, opte pelas versões com baixo teor de gordura, que ainda são ricas em proteínas, mas não contêm gordura saturada em excesso.

Dicas para acelerar o metabolismo

  • Além dos alimentos listados acima, você também pode incluir no seu cardápio peito de frango, carne vermelha, couve, frutas cítricas, salmão, sardinha, arroz integral e feijão;
  • Também é importante que você beba pelo menos 6 copos de água todos os dias para eliminar as toxinas;
  • O café também é uma excelente bebida termogênica, já que a cafeína ajuda a elevar a temperatura corporal, além de aumentar os níveis de energia;
  • Consuma os alimentos que aceleram o metabolismo com moderação. Itens como as nozes e o óleo de coco são altamente calóricos e podem levar ao ganho de peso se ingeridos em excesso.

Veja nos vídeos abaixo mais dicas para acelerar o metabolismo.

Gostou das dicas?

O que achou dos alimentos que aceleram o metabolismo? Quais você pensa em incluir no seu cardápio? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (52 votos, média 4,21)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

8 comentários em “15 alimentos que aceleram o metabolismo”

  1. os mais facicil como gingibre broclo canela eu ja uso
    iogute coco pimenta ja uso bastante abacate, so que nao incotro todo t
    empo,

    Responder