Amora em cápsulas

Amora em Cápsulas Emagrece? Para Que Serve, Efeitos Colaterais e Como Tomar

A amora pertence à família das amoreiras. As frutas podem apresentar uma variedade de cores, entre brancas vermelhas e as negras. Todas elas têm nutrientes parecidos e são consideradas extremamente saborosas.

Há anos as frutas, folhas, cascas e raízes da amoreira são utilizadas para tratar diversos problemas relacionados à saúde, entre eles infecções e doenças venenosas. Essa escolha está relacionada ao seu alto valor nutritivo, pois a sua composição é capaz de fornecer pelo menos um terço do valor diário recomendado de alguns nutrientes importantes para o corpo, e esses ajudam a gerenciar diversos problemas.

Atualmente, as amoras podem ser consumidas de várias maneiras, seja consumindo a fruta ou fazendo a sua ingestão através de cápsulas, que são facilmente encontradas nas lojas de produtos naturais.

Abaixo, vamos falar sobre elas, entender se tomar amora em cápsulas emagrece e o que elas podem fazer pela saúde e boa forma.

Valor nutricional das amoras

As amoras são muito nutritivas. Apenas uma porção com aproximadamente 15 amoras negras contém:

  • 62 calorias;
  • 14,7 gramas de carboidratos;
  • 02 gramas de proteína;
  • 0,7 gramas de gordura;
  • 7,6 gramas de fibra;
  • 308 UI de vitamina A (6% das necessidades diárias);
  • 30,2 miligramas de vitamina C (50% das necessidades diárias);
  • 28,5 microgramas de vitamina K (36% das necessidades diárias);
  • 1,7 miligramas de vitamina E (8% das necessidades diárias);
  • 0,4 miligramas de vitamina B5 (4% das necessidades diárias);
  • 0,9 miligramas de manganês (47% das necessidades diárias);
  • 0,2 miligramas de cobre (12% das necessidades diárias);
  • 36 microgramas de folato (9% das necessidades diárias);
  • 233 miligramas de potássio (7% das necessidades diárias);
  • 28,8 miligramas de magnésio (7 % das necessidades diárias);
  • 0,9 miligramas de niacina (5% das necessidades diárias);
  • 0,9 miligramas de ferro (5% das necessidades diárias);
  • 0,8 miligramas de zinco (5% das necessidades diárias);
  • 41,8 miligramas de cálcio (4% das necessidades diárias);
  • 31,7 miligramas de fósforo (3% das necessidades diárias).

Para que serve?

Consumir amoras é garantir que o corpo seja abastecido com uma composição rica de vitaminas, minerais e tantos outros nutrientes. Um alimento como esse é capaz de estimular a nossa saúde de várias formas, pois ele contém inúmeros antioxidantes que são relevantes para potencializar o funcionamento cardíaco, ajudar a prevenir o câncer, reduzir inflamações e promover a saúde da pele.

As suas vitaminas e minerais são indicadas também para construir ossos fortes, ajudar a coagulação normal do sangue e regular os ciclos menstruais, evitando os sintomas desconfortáveis da TPM, além de promover a saúde digestiva, fortalecer o sistema imunológico, ajudar a melhorar a memória, afastar alguns problemas oculares e também contribuir com o emagrecimento.

Ficou surpreso? Então continue sua leitura e veja em detalhes os benefícios das amoras para a saúde.

Benefícios da Amora – Para que serve

1. Ajuda a prevenir e reduzir o crescimento do câncer

Atualmente, muitos alimentos são pesquisados para evidenciar a capacidade de combater e prevenir o câncer, e as amoras são apontadas como um deles. A principal razão está relacionada ao fato delas serem repletas de antioxidantes; por exemplo, elas contêm polifenóis, um gênero conhecido por ajudar a combater o câncer. Os polifenóis, por sua vez, contêm altas concentrações de antocianina, que atua de maneira significativa na redução do desenvolvimento do câncer.

A doença costuma ser o resultado de uma mutação do DNA e das células saudáveis, e os altos níveis de estresse oxidativo que causam o crescimento das células cancerosas são bloqueados pelas antocianinas encontradas nas amoras. Um estudo demonstrou essa eficácia, onde uma antocianina específica impediu o crescimento de tumores cancerosos no pulmão.

Outro estudo realizado em 2006 pela Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA) averiguou os efeitos da amoreira no crescimento de alguns tipos de câncer oral, mama, cólon e próstata. Ele descobriu que o extrato inibiu o crescimento do câncer até um determinado ponto, o que já é muito animador. Além dos antioxidantes, a amora também contém vitamina K, que também é apontada por ajudar a prevenir e combater o câncer da próstata, do cólon, do estômago, nasal, oral e hepático.

2. É capaz de reduzir a inflamação e combater infecções

A inflamação é responsável pelo desenvolvimento de inúmeras doenças. Embora ela seja parte do sistema de defesa do corpo contra células nocivas, algumas vezes pode ficar descontrolada e as amoras podem ajudar. Além de ser um potente antioxidante, ela também é considerada anti-inflamatória e isso ajuda a combater a inflamação e diminuir os danos dos radicais livres.

Um estudo mostrou que as amoras são capazes de combater a inflamação e proteger a formação de úlceras estomacais. Os resultados indicaram que os participantes que receberam elagitaninos, que é um tipo de antioxidante presente nas amoras, reduziram em 88% as úlceras. Esse mérito está relacionado à sua capacidade de diminuir a inflamação do revestimento mucoso do estômago e promover uma redução no estresse oxidativo.

Amoras também apresentam uma eficácia para tratar infecções, pois é um agente antibacteriano, outra função que também protege o corpo contra o desenvolvimento de doenças. Isso ajuda, por exemplo, a diminuir as infecções orais, através da sua atuação nas células infectadas. 

3. Protege a função cerebral

A amora é considerada um alimento “amigo do cérebro”, porque ela pode aumentar o desempenho cerebral, o que ajuda a memória de curto prazo e melhora as funções comportamentais e neuronais.

Estudos sugeriram que esse é um benefício dos polifenóis e de seus efeitos antioxidantes, que ajudam a retardar o declínio da atividade motora e cognitiva relacionado à idade.

Outro nutriente fundamental para o bom funcionamento do cérebro é o manganês, e o seu desequilíbrio está associado à epilepsia. Consumir amora pode te ajudar então a ingerir a quantidade adequada de manganês para manter as funções cerebrais em ordem.

4. Contribui com o bom funcionamento do sistema cardiovascular

Uma importante vitamina para o sistema cardiovascular é a vitamina K. Ela ajuda a reduzir o endurecimento das artérias, através de sua capacidade de expulsar o cálcio, prevenindo o acúmulo que desenvolve doenças graves. Além disso, a ingestão dessa vitamina também está relacionada à redução da pressão arterial, inflamação nas veias e artérias e consequentemente nas chances de ter um ataque cardíaco.

As antocianinas não ajudam apenas a combater o câncer, mas também se mostram capazes de proteger a disfunção endotelial, uma condição em que os vasos sanguíneos localizados ao redor do coração estão constantemente contraindo e relaxando. Uma antocianina chamada cianidina-3-O-glicosídeo ajuda a proteger esses vasos sanguíneos e pode reduzir significativamente a ocorrência dessa disfunção, o que pode retardar e até evitar o aparecimento de doenças cardiovasculares relacionadas.

5. Ajuda a construir ossos saudáveis

Os minerais essenciais como o magnésio e cálcio são fundamentais para manter a saúde dos ossos, e eles estão presentes na amora. O cálcio é responsável por fortalecer os ossos e o magnésio ajuda o organismo a absorver de forma eficaz o cálcio e o potássio.

Outra ajuda importante é a do fósforo, que serve para regular o cálcio, auxiliando na construção de ossos fortes e também contribuindo para o bom funcionamento celular. A vitamina K é fundamental para a modificação de proteínas que protegem os ossos contra a osteoporose.

6. Promove uma pele mais jovem e sadia

A amora também é indicada para promover uma pele mais saudável. O seu extrato é capaz de prevenir os danos dos raios UVB e proteger os queratinócitos da pele, que são as células que formam uma camada protetora na epiderme e depois se reproduzem abaixo da camada externa da pele para reabastecer continuamente a epiderme. Esse benefício também está atribuído às antocianinas e a sua capacidade antioxidante.

Além disso, a vitamina C estimula a produção de colágeno e diminui o ressecamento, já a vitamina E ajuda na manutenção da saúde das gorduras da pele e previne o surgimento de rugas. Ambas podem trabalhar em parceria com os antioxidantes para combater o envelhecimento precoce e promover uma pele mais saudável e bonita.

7. Ajuda a manter a coagulação normal do sangue

A vitamina K pode contribuir com a coagulação normal do sangue e as amoras contêm uma boa dose delas. A vitamina K também pode prevenir o sangramento excessivo de ferimentos leves, estimular a cicatrização mais rápida de feridas na pele e pode ajudar com sangramento excessivo da menstruação e aliviar a dor durante ciclos.

8. Ajuda a regular o ciclo menstrual

A menstruação é um verdadeiro tormento para algumas mulheres, pois muitas sofrem com os sintomas desconfortáveis da TPM. Ao introduzir as amoras na alimentação, você estará consumindo vitamina K, que ajuda a regular a função hormonal, contribuindo consideravelmente com a redução das cãibras que podem ser dolorosas. Também contém manganês e cálcio, que aliviam os sintomas mentais e físicos da TPM. Isso significa que em um único alimento você receberá nutrientes importantes e capazes de diminuir vários desconfortos causados pelo ciclo menstrual.

9. Melhora a visão

Consumir amoras frequentemente ajuda a promover uma visão saudável. Elas protegem os olhos das radiações ultravioletas, prevenindo a luteína, que é um pigmento protetor do estresse oxidativo e altas radiações de luz. Outra vantagem é a sua capacidade de aumentar a visão e proteger os olhos da degeneração macular, catarata e cegueira noturna.

10. Ajuda a tratar a constipação

As amoras contêm fibras insolúveis, o que significa que elas não são digeridas pelo estômago e seguem direto para o intestino, onde promovem a absorção da água. Essa condição adiciona volume às fezes e também ajuda a amolecer, estimulando a evacuação e promovendo um intestino com o fluxo mais regular e menos constipado.

11. Pode potencializar o emagrecimento

A amora pode ser uma aliada quando o assunto é emagrecimento. A primeira vantagem é que elas são pobres em calorias. Também é repleta de fibras – uma xícara contém aproximadamente 7,6 gramas e as dietas realizadas com alta ingestão de fibras costumam aumentar a perda de peso, além de promover uma digestão mais equilibrada e trazer uma sensação de saciedade, o que impede que você fique o tempo todo “beliscando” algo.

A fruta também tem proteína, embora não seja uma quantidade tão relevante. O nutriente é útil durante a perda de peso porque ajuda seu corpo a queimar mais calorias e aumenta a saciedade, assim como as fibras.

Um estudo realizado em animais também sugere que as amoras podem tratar a obesidade, pois elas contêm rutina. Os resultados mostraram que a rutina ativou o tecido adiposo marrom, o que levou ao aumento do gasto de energia, equilíbrio da insulina e glucagon para manter os níveis de glicose e redução de gordura. Com base em seus resultados, a equipe que realizou os estudos acredita que a rutina pode oferecer uma nova abordagem de tratamento para a obesidade e outras condições associadas ao excesso de peso.

Vale reforçar, no entanto, que sozinhas as amoras não fazem milagres. Então, é preciso associar o seu consumo a um plano de emagrecimento com baixa ingestão de calorias e realização de atividades físicas. Somente um déficit calórico será capaz de promover a redução de peso.

Amora em cápsulas emagrece também?

São inúmeras as empresas que comercializam as amoras em cápsulas e elas podem ser facilmente encontradas em lojas de produtos naturais e sites especializados. Existem produtos que são provenientes das frutas, outros das folhas das amoreiras, porém, há uma escassez de informações sobre a eficácia delas.

Se considerarmos que as cápsulas são produzidas com uma quantidade suficiente de amoras para proporcionar todos esses benefícios ao corpo, podemos afirmar que a amora em cápsulas emagrece sim. No entanto, suplementos como esses não são regulados pela FDA (Food And Drug Administration, órgão regulamentador de medicamentos e alimentos dos EUA), o que significa que o fabricante não tem a obrigação de provar a eficácia do produto.

Diante desse cenário não é seguro afirmar que tomar amoras em cápsulas emagrece, e se o seu objetivo é comprar e consumir, a recomendação é escolher uma fabricante renomado, pois dessa forma será possível confiar nas informações que ele está declarando.

Como tomar?

A dose apropriada de amora para uso como tratamento depende de vários fatores, como a idade, a saúde e várias outras condições do usuário. Atualmente, não há informações científicas suficientes para determinar uma dosagem apropriada, então certifique-se de seguir as instruções presentes nos rótulos dos produtos e consulte seu farmacêutico, médico ou outro profissional de saúde que será capaz de guiá-lo para que você faça o uso correto.

Efeitos colaterais

As amoras são consideradas seguras quando consumidas como um alimento. Quanto ao uso das cápsulas, não há informações disponíveis suficientes para entender se é segura quando usada como um “medicamento”.

Os benefícios da amora são inegáveis e se você deseja aproveitar todos eles utilizando uma versão em cápsulas, inclusive para conferir se a amora em cápsulas emagrece mesmo, procure um produto que seja fabricado por uma empresa séria, que demonstre confiança e qualidade nos produtos fabricados, e siga corretamente a recomendação de uso presente no rótulo.

Referências adicionais:

Você conhece alguém que tenha tomado e afirme que o uso de amora em cápsulas emagrece? Tem curiosidade de experimentar essa suplementação? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (8 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)



ARTIGOS RELACIONADOS

Um comentário

  1. rosana pereira oliveira heleno

    qual valor da amora capsula, forma de pagto

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*