Cenoura Prende ou Solta o Intestino?

Especialista:
atualizado em 15/01/2020

Veja a seguir se a cenoura prende ou solta o intestino, ou seja, se você pode contá-la como uma aliada se estiver com intestino preso ou solto.

Muitas pessoas sofrem com o intestino preso ou solto. Cerca de 20 a 30% da população brasileira sofre com constipação intestinal, também conhecida popularmente como prisão de ventre.

Veja mais sobre a prisão de ventre, sintomas, causas e o que fazer e aproveite também para conhecer todos os benefícios da cenoura para a saúde e boa forma.

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Hospital Universitário do Centro Médico de Cleveland, nos Estados Unidos, as taxas de infarto nos participantes eram 23% maiores naqueles que sofriam com doenças intestinais, tanto constipação como intestino solto.

Para que você entenda melhor, a constipação é uma condição do sistema digestivo em que a pessoa tem suas fezes muito duras e por isso elas são difíceis de sair. Na maioria dos casos, isso ocorre porque o cólon absorveu muita água do alimento e quanto mais lenta a comida se mover através do trato digestivo, mais água o cólon irá absorver, e consequentemente, as fezes ficam mais secas e duras.

Por outro lado, o intestino solto se trata de fezes que tendem a ser mais moles, aquosas ou disformes, sendo que em alguns casos podem apresentar um odor muito forte ou ruim.

Ambos os casos causam muitos incômodos, dores e podem causar ou ser consequência de outras doenças.        

Como você pode ver, ambos os sintomas são mais comuns do que muitos acreditam. Embora existam vários medicamentos nas farmácias destinados a esses sintomas, os responsáveis por curar ou causar o intestino solto ou preso podem estar presentes em suas refeições.

A cenoura é um dos alimentos que causam dúvidas para muitas pessoas que se perguntam se a cenoura prende ou solta o intestino.

Cenoura prende ou solta o intestino?

A cenoura é uma planta que tanto suas folhas quanto a raiz (a parte laranja) são usadas como alimentos. A parte que cresce de baixo da terra é a mais usada de forma medicinal, para condições como diabetes, câncer, deficiência de vitamina A, fibromialgia, deficiência de zinco, deficiência de vitamina C e também diarreia e constipação.

Isso acontece porque esse vegetal contém um componente químico chamado betacaroteno que pode atuar como um antioxidante, além de fibras dietéticas, que podem melhorar as condições do estômago e do intestino, como a constipação e a diarreia.

Assim como outros vegetais, a cenoura ajuda os movimentos intestinais, o que é benéfico para ambos os casos – tanto intestino preso quanto solto.

Porém, é muito importante que, no caso de você ter uma condição médica específica, consulte o seu médico ou nutricionista antes de fazer grandes mudanças em sua dieta.

Fibras da cenoura

Cruas ou cozidas, as cenouras contêm fibras, e a fibra insolúvel é mais importante do que a fibra solúvel para a saúde intestinal. A fibra insolúvel ajuda a dar forma às suas fezes e umedece as fezes duras. As fibras também deixam mais firmes as fezes mais aquosas, já que fornecem mais massa e estrutura a elas.

Em ambos os casos, isso ajuda os movimentos intestinais a se tornarem mais regulares e confortáveis, fazendo com que você não sofra mais dores e desconforto por causa dessas condições.

De acordo com os Serviços de Saúde da Universidade de Harvard, Estados Unidos, uma cenoura fresca com cerca de 18 centímetros contém em média 1,2g de fibra insolúvel e 2,3 g de fibra total; sendo assim, meia xícara de cenouras fatiadas e cozidas contêm cerca de 0,9 gramas de fibra insolúvel ou 2g de fibra totais.

Segundo especialistas da Universidade do Colorado, Estados Unidos, o aconselhável é que um homem adulto médio consuma 38 gramas de fibra alimentar por dia, enquanto que uma mulher adulta precisa de um pouco menos, cerca de 25 gramas diariamente.  

Usos da cenoura para o intestino

Embora as cenouras sejam boas para ajudar com problemas tanto de intestino preso como de intestino solto, elas não são uma cura para essas condições. Elas funcionam melhor quando incluídas como parte de uma dieta rica em fibras e são consumidas regularmente ao longo do tempo.

Um medicamento que é vendido em forma líquida, como uma bebida, criado para tratar a constipação oferece uma dose única de 3,5 gramas de fibras por porção, sendo que desse total, cerca de 80% é fibra solúvel. Esse remédios contêm cascas que incham com a água e enchem as fezes.

Embora uma xícara e meia de cenoura cozida possa conter uma quantidade similar de fibra total, ela não terá um efeito tão imediato nos movimentos intestinais quando comparada a medicamentos específicos para tal condição.

E no caso de algumas condições médicas, que podem ser as responsáveis pelos seus problemas intestinais, as cenouras podem não ser a melhor solução. Por exemplo, pessoas que sofrem com a doença de Crohn podem ter problemas para digerir corretamente tanto as cenouras como outros vegetais, e comer mais cenouras não irá ajudar.

Se você está sofrendo com diarreia, também pode precisar substituir o líquido perdido, e neste caso é melhor beber suco de cenoura com aipo para restaurar o equilíbrio dos eletrólitos.

O aipo tem um componente químico chamado poliacetileno que reduz as prostaglandinas que causam a inflamação. Esse alimento tem um efeito calmante no sistema nervoso, e quando uma pessoa toma laxantes, que sobrecarregaram os nervos do cólon, o aipo irá ajudar a relaxar esses nervos e lhes darão um descaso.

Ao tomar o suco de cenoura com aipo, além de ser uma bebida com bastantes nutrientes, irá ajudar a restaurar a função nervosa em seu cólon e melhorar a sua saúde. O aipo também tem o maior teor de sódio orgânico, que é usado em todo o corpo como líquido salino linfático, permitindo que as células trabalhem e vivam adequadamente, além de ser um vegetal benéfico para o estômago. Aproveite e confira em detalhes todos os benefícios do aipo.

Efeitos colaterais e segurança da cenoura

Agora que você já sabe se a cenoura prende ou solta o intestino, é importante saber que ela é muito segura quando consumida como um alimento, porém ainda não está claro quando usada como medicamento.

Se ingerida em grandes quantidades, ela pode causar amarelecimento da pele, enquanto que consumir grandes quantidades do seu suco pode causar cárie.

É provável que mulheres grávidas e que estão amamentando possam comer cenoura como alimento, porém não se sabe muito sobre o seu uso como medicamento durante a gravidez e/ou amamentação.

Crianças também podem consumir quantidades normais deste vegetal com segurança, porém é possivelmente inseguro dar grandes quantidades de suco de cenoura a bebês e crianças pequenas.

A cenoura também pode causar uma reação alérgica em pessoas que são alérgicas a especiarias, bétula, artemísia, aipo e outras plantas relacionadas, o que também é conhecido como “síndrome do aipo/cenoura/artemísia/especiaria”.

Elas também podem reduzir os níveis de açúcar no sangue, o que pode interferir nos medicamentos usados para diabetes. Se você sofre com essa condição e consome uma grande quantidade de cenouras, monitore o seu nível de açúcar no sangue com atenção.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar que cenoura prende ou solta o intestino? Costuma consumir cenoura em sua dieta com frequência? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário