Diabético Pode Comer Uva Passa?

Será que diabético pode comer uva passa? Se você já foi diagnosticado com a condição, é importante saber quais alimentos pode comer e quais deve evitar no dia a dia. Por isso, saiba agora se diabético pode comer uva passa ou não.

Aproveite para entender também se uva passa engorda ou emagrece e conhecer todos os benefícios da uva passa para a saúde. Além disso, confira mais dicas de dieta para diabéticos.

Não é pouca gente que sofre com a diabetes em nosso país. Isso porque a doença registrou um aumento de 61,8% no número de brasileiros atingidos, entre os anos de 2006 e 2016, de acordo com a pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) do Ministério da Saúde.

A condição é caracterizada por níveis muito elevados de glicose (açúcar) no sangue, que é a maior fonte de energia para o nosso organismo e é oriunda dos alimentos que consumimos nas refeições.

Ela é desenvolvida quando o corpo não dá conta de produzir uma quantidade suficiente ou qualquer quantidade de insulina ou não utiliza o hormônio adequadamente. Isso faz com que a glicose permaneça no sangue e não atinja as células do organismo, já que a insulina é responsável por auxiliar a glicose obtida através da dieta a chegar até as nossas células e ser utilizada como energia.

Ao ser diagnosticado com a diabetes, é fundamental que o paciente siga todas as orientações passadas pelo médico para o seu tratamento, até porque, com o passar do tempo, ter níveis elevados de glicose no sangue pode gerar uma série de complicações como doença no coração, acidente vascular cerebral (AVC), doença nos rins, problemas nos olhos, doenças dentárias, danos nos nervos e problemas nos pés.

Será que o diabético pode comer uva passa?

Parte do tratamento para a diabetes envolve cuidados com a alimentação e a adesão a uma dieta saudável que beneficie o controle dos níveis de açúcar no sangue do paciente. Por isso, ao descobrir que tem a doença, a pessoa pode ter uma série de dúvidas em relação àquilo que pode e o que não pode comer.

Por exemplo, será que o diabético pode comer uva passar? Ou o paciente com diabetes que gosta da frutinha precisa deixá-la de lado?

O consumo das uvas passas até pode ser aceitável quando o objetivo é controlar as taxas de glicose no sangue. Entretanto, é fundamental saber utilizar o alimento com sabedoria e cuidado, equilibrando a ingestão de carboidratos com o consumo de gorduras e proteínas para evitar grandes flutuações nos níveis sanguíneos de açúcar.

A contagem de carboidratos na dieta do diabético

Conforme a Associação Americana de Diabetes, a contagem de carboidratos é uma das diversas alternativas de dieta que podem ser utilizadas para controlar os níveis de glicose no sangue dos diabéticos, usada com mais frequência por pessoas que tomam insulina duas vezes ou mais a cada dia.

O método envolve contar a quantidade em gramas de carboidratos de cada refeição, combinando com a dose de insulina. Segundo a instituição, com o equilíbrio correto da prática de atividades físicas e do uso de insulina, a contagem de carboidratos pode auxiliar a controlar as taxas de glicose no sangue.

Entretanto, a Associação Americana de Diabetes ressaltou que a quantidade de carboidratos que cada diabético pode consumir em cada refeição deve ser definida em conjunto com o médico responsável pelo tratamento. Ou seja, o limite é individualizado conforme as necessidades de cada paciente.

Portanto, ao ser diagnosticado com a diabetes, o paciente precisa conversar com o seu médico e nutricionista para saber qual o limite de carboidratos que pode consumir em cada refeição e descobrir com que frequência está permitido a ingerir a uva passa, tendo em vista o tipo e o teor de carboidratos encontrados na composição do alimento.

Com isso, ele poderá determinar que porção de uva passa pode consumir, não se esquecendo de levar em conta a quantidade de carboidratos de todos os outros alimentos que irão compor a refeição na hora de fazer o cálculo final, para não quebrar o limite determinado pelos profissionais de saúde.

Para você ter uma ideia, a uva passa clara sem semente da marca Qualitá tem 24 g de carboidratos em uma porção de duas colheres de sopa ou 30 g, enquanto que a uva passa escura sem semente da marca Taeq possui 19 g de carboidratos em duas colheres de sopa ou 30 g.

No entanto, como cada marca de uva passa pode trazer uma quantidade diferente de carboidratos, o diabético deve checar a tabela nutricional do produto que deseja comprar para conferir qual o teor do nutriente que ele carrega e verificar se esse valor se encaixa nos parâmetros estabelecidos por seu médico e nutricionista.

Nutricionistas apontam a uva passa como uma das piores comidas para diabetes

A nutricionista Joy Bauer trouxe uma lista com os 10 piores alimentos para quem tem diabetes e olha só quem apareceu nesse ranking: a uva passa.

Segundo ela, embora comer uva passa ou outras frutas desidratadas seja uma melhor alternativa do que consumir biscoitos doces, por exemplo, eles ainda vão provocar picos nos níveis de açúcar no sangue.

Tudo porque, durante o processo de desidratação, os açúcares naturais das frutas ficam muito concentrados, causando uma elevação que não é saudável na glicose sanguínea quando eles são rapidamente absorvidos pelo organismo, completou a nutricionista.

No mesmo sentido, a nutricionista Franziska Spritzler afirmou que as frutas desidratadas como a uva passa fazem parte do grupo de alimentos que precisam ser evitados por quem sofre com a diabetes, justamente por conterem níveis mais concentrados de açúcar do que a fruta natural.

Aproveite para entender em detalhes se fruta desidratada engorda e é saudável.

Mais importante do que saber se o diabético pode comer uva passa…

É que a pessoa com diabetes conte com o acompanhamento do médico e do nutricionista para saber como deve funcionar toda a dieta que auxilia o tratamento do seu quadro, o que inclui saber como pode ser o seu consumo de uva passa, levando em consideração as particularidades do seu caso.

Precisamos lembrar que este artigo serve apenas para informar e jamais pode substituir as recomendações profissionais e individualizadas do médico e do nutricionista.

Vídeos:

Gostou das dicas?

Você já imaginava que diabético pode comer uva passa ou não? Possui a condição e pretende mudar sua dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Deixe um comentário