Exame de urina – Para que serve e como é o preparo

Especialista da área:
atualizado em 21/05/2021

É sempre bom fazer um exame de urina. Confira para que serve e como é feito o preparo correto para este teste.

  Continua Depois da Publicidade  

O exame de urina é um exame muito comum usado para detectar e monitorar algumas doenças, como por exemplo a infecção urinária recorrente.

Chamado também de exame de urina tipo 1, urinálise ou EAS (elementos anormais no sedimento), esse exame consiste na avaliação de vários aspectos da urina, incluindo a cor, aparência, concentração e composição.

Dessa forma, é possível saber se há uma infecção, um problema renal e até diabetes. Aliás, veja também o que significa a cor das suas fezes.

Para que serve

médico segurando amostra de urina

Em suma, um exame de urina serve para avaliar o estado do sistema urinário e renal de uma pessoa. Ou seja, ele é um exame de rotina para saber se os seus rins estão funcionando bem.

Além disso, a urinálise pode dar indícios de condições como a diabetes e alguns problemas no fígado.

Por fim, um exame de urina também serve para detectar a gravidez e para monitorar o tratamento de doenças detectadas previamente – como por exemplo:

Em alguns casos, o médico pode solicitar o exame de urina de 24 horas. Nesse teste, é preciso acumular a urina de um dia inteiro. Esse tipo de urinálise serve para avaliar:

  • Problemas na filtração dos rins;
  • Perda de proteínas pela urina;
  • Pré-eclâmpsia em grávidas.

Como é o preparo para a urinálise

Na maioria dos casos, você não precisa fazer jejum para fazer um exame de urina. Mas é importante evitar:

  • Urinar por pelo menos 2 horas antes da coleta;
  • Beber muita água para não diluir a urina;
  • Evitar tomar vitamina C, antibióticos ou laxantes antes do exame;
  • Fazer a coleta durante o período menstrual.

Para algumas análises, é preciso coletar a primeira urina da manhã. Pergunte ao seu médico se esse é o seu caso.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, é importante seguir as seguintes instruções no momento de realizar o exame:

  • Higienizar o local com um lenço umedecido fornecido pelo laboratório para evitar a contaminação;
  • Desprezar o primeiro jato de urina;
  • Coletar no mínimo 10 e no máximo 40 mL de urina no pote esterilizado;
  • Entregar o recipiente identificado no laboratório.

Se você for coletar a urina em casa, é importante buscar os materiais necessários no laboratório e retornar com a urina em até 2 horas depois da coleta.

No caso do exame de 24 horas, pode ser necessário guardar a urina na geladeira durante o dia. Para evitar problemas na hora de armazenar, tire suas dúvidas no laboratório ou com o seu médico.

Como interpretar um exame de urina

O ideal é que um médico interprete seus resultados e te explique o que eles significam.

De fato, um exame de urina sozinho não fecha um diagnóstico. Mas ele é importante para dar uma ideia geral da sua saúde e para complementar outros exames.

Muitos parâmetros são avaliados em uma urinálise, como por exemplo:

  • Cor;
  • pH ou acidez;
  • Densidade;
  • Proteínas;
  • Presença de sangue
  • Glicose;
  • Presença de bactérias e outros microrganismos.

Para saber se está tudo de acordo com o esperado, basta olhar os níveis de referência do seu laboratório. Por exemplo:

  • Acidez anormal pode indicar pedra nos rins ou infecção;
  • Glicose alta indica diabetes;
  • Muita proteína na urina sugere problemas de filtração nos rins;
  • Excesso de bilirrubina pode indicar problemas hepáticos.

Assim, se os valores estiverem dentro das faixas ideais ou muito próximos dele, é provável que esteja tudo certo com a sua saúde.

  Continua Depois da Publicidade  

Aliás, as fezes também podem dar muitas informações sobre a sua saúde. Não deixe de conferir.

Por ser um exame cheio de informação, é fundamental que você leve o resultado do exame de urina para o seu médico.

Dependendo do que o médico observar, ele pode pedir exames complementares ou sugerir o tratamento que você deve seguir.

Vídeo

Não deixe de conferir o vídeo a seguir em que a nossa nutricionista mostra como saber mais sobre a sua saúde apenas observando a cor e outros detalhes da sua urina:

Fontes e referências adicionais

Você costuma fazer exame de urina como um teste de rotina? Quando foi seu último exame? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dr. Lucio Pacheco

Dr. Lucio Pacheco é Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral - CRM 597798 RJ/ CBCD. Formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1994. Em 1996 fez um curso de aperfeiçoamento no Hospital Paul Brousse, da Universidade de Paris-Sud, um dos mais especializados na área de transplantes na Europa. Concluiu o mestrado em Medicina (Cirurgia Geral) em 2000 e o Doutorado em Medicina (Clinica Médica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em 2010. Dr. Lucio Pacheco é um profundo estudioso na área de doença hepática e escreveu dezenas de livros e artigos sobre transplante de fígado. Atualmente é médico-cirurgião, chefe da equipe de transplante hepático do Hospital Copa Star, Hospital Quinta D´Or e do Hospital Copa D´Or. Além disso é diretor médico do Instituto de Transplantes. Suas áreas de atuação principais são: cirurgia geral, oncologia cirúrgica, hepatologia, e transplante de fígado. Dr. Lucio é uma referência profissional em sua área e autor de artigos científicos e diversos. Para mais informações, entre em contato com ele.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário