Nebulização para Sinusite – Tipos, Como Fazer e Dicas

Especialista:
atualizado em 19/12/2019

Basicamente, a nebulização consiste em transformar um remédio líquido em uma névoa. Existem vários tipos de nebulização para sinusite e aqui você vai aprender várias dicas de como fazer uma nebulização da forma correta.

Você sabe o que é nebulização? Essa é uma forma eficaz de aumentar a absorção do medicamento e aliviar os sintomas de sinusite. Mas não é qualquer tipo de medicamento para sinusite que pode ser usado em um nebulizador.

Além de remédios específicos, é preciso tomar cuidado com a higienização do nebulizador e ter sempre em mãos uma solução salina estéril que pode ser usada tanto para diluir certos medicamentos quanto para ser inalada sozinha.

Veja a seguir os tipos mais comuns de nebulização, algumas dicas de nebulização caseira e entenda como essa técnica pode melhorar a sua sinusite.

Sinusite

A sinusite é uma inflamação que afeta os seios paranasais – que são um grupo de cavidades ocas presentes no rosto. Essas cavidades se conectam as passagens nasais e a função delas é aquecer, umedecer e filtrar o ar que respiramos.

A inflamação pode ser leve ou grave, dependendo da causa da sinusite (alérgica, viral ou bacteriana) e da intensidade dos sintomas.

Os sinais mais comuns de sinusite são:

  • Dor de cabeça que atinge parte da testa;
  • Dor e inchaço no rosto;
  • Acúmulo de muco;
  • Nariz escorrendo ou entupido;
  • Dificuldade para respirar.

A sinusite pode ir e voltar várias vezes e há alguns gatilhos que aumentam o risco de uma nova inflamação:

  • Alérgenos presentes no ar;
  • Ar muito seco ou frio;
  • Resfriado ou gripe;
  • Poluição do ar.

Dados da Asthma and Allergy Foundation of America mostram que além da sinusite, cerca de metade das pessoas com asma moderada ou grave também sofrem de sinusite crônica, o que pode intensificar ainda mais os sintomas mencionados acima.

Nebulização para Sinusite

O nebulizador é um aparelho que transforma medicamentos líquidos em aerossóis, que são suspensões de partículas que ficam pequenas o bastante para entrar mais facilmente nas cavidades nasais e nos pulmões, aliviando os sintomas mais rapidamente do que em um tratamento convencional.

Há medicamentos que são feitos para agir apenas no nariz enquanto outros podem ter uma ação mais profunda para agir também nos pulmões.

A grande vantagem de usar um nebulizador para sinusite é que o medicamento é transformado em um vapor que é inalado diretamente pelo nariz. Isso garante que todas as partículas do remédio vão agir localmente, o que além de melhorar os sintomas muito rápido também reduz o risco de efeitos colaterais.

Benefícios

Alguns benefícios da nebulização para a sinusite são:

  • Reduz a congestão sinusal;
  • Melhora a respiração;
  • Elimina o muco acumulado;
  • Corrige a audição em casos de congestão no ouvido;
  • Reduz o escorrimento do nariz;
  • Elimina as dores de cabeça associadas à sinusite.

Remédios usados

O remédio geralmente é diluído em uma solução salina estéril para ser inalada por meio do nebulizador. O uso da solução salina sozinha também ajuda a aliviar sintomas leves ou moderados da sinusite.

A sinusite pode ser tratada com antibióticos em casos de sinusite bacteriana. Já os casos de sinusite alérgica ou viral podem ser tratados com remédios como descongestionantes nasais, anti-inflamatórios, broncodilatadores ou esteroides.

Os mais comumente prescritos para a sinusite são:

  • Antibióticos como a tobramicina;
  • Broncodilatadores como o salbutamol ou o albuterol;
  • Esteroides como a budesonida.

É bom lembrar que nem todo medicamento é feito para ser usado em um nebulizador. Assim, é indispensável procurar um médico para prescrever um remédio para sua sinusite que também seja adequado para a nebulização.

Veja também como funciona e quais são os medicamentos indicados para a nebulização para tosse.

Tipos de Nebulização

O nebulizador pode ser fixo ou portátil e ele também varia de acordo com a tecnologia utilizada para transformar os medicamentos líquidos em partículas de aerossol.

Os fixos são mais úteis em clínicas e hospitais ou para pacientes que precisam fazer nebulização diariamente em casa. Nos demais casos, o nebulizador portátil dá conta do recado.

  • Nebulização a jato: um nebulizador a jato geralmente é mais barato e mais barulhento do que os outros modelos. Nesse nebulizador, o medicamento líquido é comprimido para formar vapores do medicamento.
  • Nebulização ultrassônica: o nebulizador ultrassônico é mais caro e mais silencioso do que os demais tipos porque ele usa ondas ultrassônicas de alta frequência para transformar o medicamento líquido em um vapor que pode ser inalado.
  • Nebulização de membrana vibratória: é o tipo de nebulizador que transforma o medicamento em uma névoa por meio de uma membrana vibratória. Ele é bom para uso doméstico, mas a membrana precisa ser limpa com bastante cuidado e regularidade porque ela entope com facilidade.

Geralmente, o medicamento é inalado por meio de um bocal ou de uma máscara. O uso é bem simples, basta colocar o bocal ou máscara no rosto e respirar lentamente.

O nebulizador nasal é ideal para entregar o remédio rápido e diretamente até as cavidades paranasais.

Como Fazer

Uma boa nebulização dura de 5 a 15 minutos e a primeira coisa a fazer é checar se está tudo bem limpo e seco, incluindo suas mãos.

Coloque o medicamento ou a solução salina ou ambos no recipiente destinado para isso. Depois disso, conecte todos os tubos e só então ligue o aparelho na tomada ou na bateria (dependendo da versão que você tem).

Quando estiver tudo pronto, coloque o bocal ou a máscara no rosto. Ligue o aparelho e comece a respirar lenta e profundamente até que a medicação acabe.

Ao fim da nebulização, lave bem as mãos e faça a higienização de todas as partes do nebulizador, incluindo a máscara, o recipiente em que fica o medicamento e os tubos de conexão.

O ideal é seguir as instruções de limpeza do fabricante, mas geralmente lavar o produto com água morna e sabão e deixar secar bem já é o suficiente para desinfetar o aparelho e remover resquícios do medicamento.

Só guarde o nebulizador na caixa quando ele estiver totalmente seco.

Dicas

– Manter a limpeza do nebulizador

A higiene do nebulizador deve ser feita com muito cuidado. Se o aparelho não for limpo, há uma grande chance de você contrair uma infecção durante a nebulização.

É muito importante seguir a rotina de limpeza descrita no manual do seu nebulizador para evitar que ocorra acúmulo de poeira ou proliferação de germes no equipamento.

– Utilizar o medicamento e as doses adequadas

A maioria dos medicamentos usados em um nebulizador precisam ser diluídos em uma solução salina. Peça para o seu médico explicar exatamente como o remédio deve ser usado e utilize apenas a dose indicada.

– Respirar pelo nariz

Respirar profundamente pelo nariz durante a nebulização ajuda as partículas a alcançar os seios paranasais. Isso vai fazer com que a ação do medicamento seja mais eficaz.

Se você não estiver respirando bem pelo nariz, procure usar um remédio caseiro para o nariz entupido antes da nebulização.

Algumas dicas de nebulização caseira

Se você não tem um nebulizador, não há como transformar os medicamentos para sinusite em partículas para inalação, mas é possível fazer um procedimento semelhante com soro fisiológico ou com vapor de ervas.

Você pode fazer isso preparando um chá de ervas bem quentinho e inalando o seu vapor por alguns minutos. A mesma coisa pode ser feita aquecendo uma solução salina e inalando o vapor da solução.

Respirar o vapor de água enquanto você toma banho também alivia alguns sintomas da sinusite, mas nenhuma dessas alternativas caseiras é tão eficaz como usar um nebulizador de verdade.

Assim, se você tem problemas respiratórios frequentes por causa da sinusite ou da asma, vale a pena investir em um nebulizador para se sentir melhor sem ter que correr até o hospital.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Fontes e Referências Adicionais:

Você já conhecia a nebulização para sinusite? Pretende experimentar na próxima vez? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Felipe Santos e Dra. Patrícia Leite

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário