Torrada com pasta de amendoim

Pasta de Amendoim para Hipertrofia – Benefícios e Dicas

A pasta de amendoim é um produto querido por muitos, bastante versátil, podendo ser adicionado no pão, no queijo ou até mesmo para fazer um molho para acompanhar alguma receita. Além de seu delicioso sabor, a pasta de amendoim é saudável e traz diversos benefícios. Um deles é a o ganho de massa muscular.

Muitas pessoas que almejam a hipertrofia podem achar que a pasta de amendoim é um alimento gorduroso e que não será útil em uma dieta para ganho de massa magra. Porém, abaixo vamos mostrar todos os benefícios da pasta de amendoim para hipertrofia, dar dicas de consumo e esclarecer suas dúvidas sobre esse alimento.

Pasta de amendoim

A pasta ou manteiga de amendoim é feita com amendoim seco e torrado. Trata-se de um alimento saudável repleto de nutrientes essenciais como proteínas, carboidratos, ácidos graxos monoinsaturados, folato, niacina, ácido pantotênico, piridoxina, riboflavina, tiamina, vitaminas E, C e A, sódio, magnésio, cálcio, manganês, fósforo, selênio, cobre, ferro e zinco.

O teor calórico da pasta de amendoim

Um dos motivos pelos quais as pessoas evitam o uso de pasta de amendoim para hipertrofia ou emagrecimento é o alto teor calórico do alimento. Isso porque apenas duas colheres de sopa da pasta carregam cerca de 200 calorias, o que, dependendo da sua ingestão de calorias diária, pode representar até 10% da quantidade recomendada.

Apesar de ser rica em calorias, você pode aproveitar todos os benefícios da pasta de amendoim seguindo uma dieta balanceada e controlando a ingestão calórica diária. O alto teor de gordura presente na pasta de amendoim também não é impeditivo para seu consumo, já que são gorduras insaturadas saudáveis e necessárias para o bom desenvolvimento do organismo.

Não se esqueça de que além de macronutrientes como carboidratos e proteína, o corpo também precisa de boas fontes de gordura para manter seu bom funcionamento. Além disso, a gordura ajuda na sensação de saciedade. Dessa forma, o consumo de pasta de amendoim pode ajudar a se manter na linha na dieta.

Outro motivo que impede que algumas pessoas usem a pasta de amendoim com mais frequência está no teor de gordura saturada em algumas versões do produto. Existe um mito de que toda e qualquer gordura saturada faz mal, mas não é bem assim. A gordura saturada obtida de boas fontes pode ser bem aproveitada pelo organismo para a produção de hormônios e vitaminas essenciais para o nosso corpo como a testosterona e a vitamina D, por exemplo.

Além disso, a pasta de amendoim é rica em gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas, que são conhecidas por ajudar na redução do colesterol, na diminuição da incidência de doenças cardíacas e no controle da pressão arterial. Também são um tipo de gordura com ação anti-inflamatória.

Benefícios da pasta de amendoim

O uso da pasta de amendoim para hipertrofia vem deixando de ser um tabu nos treinos. Aqui vamos mostrar os principais benefícios, que vão além dos benefícios relacionados apenas com a hipertrofia muscular, de utilizar esse alimento na sua dieta.

1. Fonte de proteínas

A pasta de amendoim apresenta proteínas em sua composição que incluem cerca de 30% da porção. Essas proteínas ingeridas através da pasta de amendoim são quebradas em aminoácidos pelo organismo e usadas em processos de reparação e construção de fibras musculares, o que é essencial em qualquer programa de treino de musculação para obter bons resultados.

Para aumentar o teor proteico da pasta de amendoim, uma dica é misturar o alimento em um copo de leite, por exemplo, ou com um whey protein. Isso porque apesar de ser uma fonte de proteínas, a pasta de amendoim não apresenta todos os aminoácidos essenciais que o corpo necessita para a recuperação muscular. Assim, usar também outras fontes proteicas ajudam a complementar esse déficit.

2. Fonte de gorduras saudáveis

A presença de gorduras monoinsaturadas e poli-insaturadas na pasta de amendoim é ótima para a saúde cardiovascular. Elas ajudam a reduzir os níveis da lipoproteína de baixa densidade (colesterol ruim) e promover o aumento de lipoproteínas de alta densidade (colesterol bom).

Além disso, as gorduras presentes na pasta de amendoim ajudam na sensação de saciedade por mais tempo, o que com certeza facilita a vida de quem está em uma dieta controlada de ingestão calórica diária. Estudos indicam que quem ingere pasta de amendoim em algum momento do dia tende a comer menos em outras refeições devido à saciedade.

3. Prevenção de diabetes do tipo 2

O consumo de pasta de amendoim pode ser benéfico para a redução do risco de diabetes do tipo 2. As gorduras insaturadas presentes em sua composição melhoram a sensibilidade do organismo à insulina. Diversas pesquisas científicas comprovam esse fato e mostram que a ingestão de pasta de amendoim e de outros tipos de nozes ajuda a reduzir o risco de desenvolver diabetes do tipo 2.

4. Fonte de vitaminas e minerais

A pasta de amendoim apresenta diversas vitaminas que são necessárias para o bom funcionamento do organismo. Alguns exemplos incluem a vitamina A, que é útil para a saúde dos olhos, a vitamina C, que ajuda a manter o sistema imunológico forte, e a vitamina E, que atua no metabolismo complexo de ácidos graxos e no bloqueio de gorduras nas artérias.

O potássio é mineral que é um eletrólito essencial para equilibrar os fluidos no nosso organismo. Ele atua diretamente no sistema cardiovascular ajudando a controlar problemas como a pressão arterial elevada.

A presença de magnésio em altas quantidades na pasta de amendoim representa um papel importante no desenvolvimento muscular, ósseo e no sistema imunológico do corpo. O magnésio também é capaz de atuar na regulação dos níveis de açúcar no sangue e no controle da pressão arterial. O magnésio participa de mais de 300 reações bioquímicas que ocorrem no nosso organismo que são extremamente importantes para a saúde.

O zinco presente na pasta de amendoim também é importante para processos de cura e fortalecimento do sistema imunológico, essenciais para uma boa saúde.

5. Propriedades antioxidantes

A pasta de amendoim apresenta alto poder antioxidante devido à presença de substâncias como folato, niacina, ácido pantotênico, piridoxina, riboflavina e tiamina. Um dos antioxidantes importantes presente na pasta de amendoim é o resveratrol, que é um antioxidante polifenólico que é eficaz no controle de alguns tipos de câncer, de doenças cardíacas, da doença de Alzheimer, de infecções virais e/ou fúngicas e doenças nervosas degenerativas.

6. Fonte de fibras dietéticas

A pasta de amendoim apresenta algumas fibras alimentares necessárias para o bom funcionamento do sistema digestivo, reduzindo o risco de problemas como constipação e melhorando a digestão, o que também é muito importante para manter o bom funcionamento do corpo.

Como usar

Pode-se usar pasta de amendoim para hipertrofia como uma aliada para obter melhores resultados no seu treino. Ela é uma fonte de nutrientes de alta qualidade e baixo custo que pode ser incorporada em diversas receitas.

  • Café da manhã: A maneira mais fácil de incluir pasta de amendoim na sua alimentação diária é no café da manhã. É possível incorporar o alimento espalhado no pão ou na torrada de sua preferência. Também é possível preparar panquecas integrais com o uso de pasta de amendoim e aveia, por exemplo. Outra opção é ingerir frutas com uma porção de pasta de amendoim. Fica delicioso e extremamente nutritivo.
  • Almoço ou jantar: Apesar de ser menos comum, também é possível incluir o uso de pasta amendoim em refeições como almoço e jantar. Uma opção é preparar molhos para acompanhar os alimentos contendo pasta de amendoim. Uma dica é misturar a pasta de amendoim com alguns alimentos como açúcar mascavo, vinagre, alho e gengibre, resultando em um molho delicioso que pode acompanhar carnes e macarrão, por exemplo. Algumas pessoas adicionam a pasta de amendoim em receitas como ensopados.
  • Refeições pós-treino: É interessante incluir a pasta de amendoim em refeições pós-treino para repor as calorias perdidas e evitar que seu organismo perca principalmente a massa magra. Uma dica é preparar um lanche pós-treino contendo um mix de carboidratos e proteínas para evitar a perda muscular quando o corpo está sem ou com pouca energia. Esse lanche pode ser, por exemplo, um shake contendo uma porção de whey protein, 1 xícara de leite, 2 colheres de sopa de pasta de amendoim e uma banana grande batidos juntos com um mixer um liquidificador.
    Consumir a pasta de amendoim para hipertrofia logo após o treino promove uma boa fonte de proteínas e gorduras saudáveis que vão te ajudar a repor as calorias e a facilitar a recuperação muscular após o treino.

Dicas

A pasta de amendoim costuma combinar com praticamente qualquer coisa. Sendo assim, use sua criatividade na cozinha sem deixar de lado uma dieta equilibrada e com nutrientes suficientes para uma boa saúde.

Tome cuidado, pois as pastas de amendoim encontradas no mercado podem ser um risco. Isso porque algumas marcas podem adicionar açúcar e gorduras trans em sua composição para melhorar o sabor, e isso pode ser extremamente prejudicial à saúde. Existem também diversas versões da pasta de amendoim que contêm canela, chocolate, banana, entre outras combinações. Isso ajuda o produto a ficar mais saboroso, porém o teor de carboidratos, gorduras e açúcares pode aumentar muito e prejudicar a sua dieta. Dessa forma, opte pelas versões mais tradicionais possíveis.

Se preferir, também é possível fazer a sua própria pasta de amendoim em casa. Essa prática garante um produto saudável com a certeza de que não foram adicionados conservantes ou açúcares adicionais na produção do alimento.

Como fazer pasta de amendoim em casa

Preparar sua própria pasta de amendoim é mais fácil do que você pode imaginar. Você vai precisar de 500 gramas de amendoim cru sem a pele, 1 colher de sopa de óleo de amendoim (de preferência), meia colher de chá de sal ou sal a gosto e 1 colher de sopa de mel ou mel a gosto.

Após separar os ingredientes, pré-aqueça o forno a 180ºC. Espalhe o amendoim cru em uma assadeira e leve ao forno para assar de 10 a 20 minutos, até ficar totalmente dourado. Após esse tempo, espere o amendoim esfriar e o coloque em um processador de alimentos ou liquidificador potente e comece a bater apenas o amendoim. Ainda com o motor ligado, vá adicionando o óleo de amendoim batendo o quanto for necessário para obter uma textura bem cremosa. Por último, adicione o sal e o mel e bata novamente.

Sua pasta de amendoim está pronta e pode ser conservada na geladeira por até 3 meses. Porém, para conservar a textura cremosa, o ideal é deixar uma menor porção do produto conservado a temperatura ambiente para consumo mais frequente.

Risco de reação alérgica

Tome cuidado com possíveis reações alérgicas ao produto. A alergia ao amendoim é um dos principais riscos relacionados ao consumo da pasta de amendoim. Os sintomas de uma reação alérgica costumam incluir vômito, diarreia, dor abdominal, anafilaxia, asma e angioedema. Ao sentir qualquer um desses sintomas, procure ajuda médica imediatamente.

Se você nunca apresentou nenhum tipo de reação alérgica a produtos como nozes e amendoim, é muito pouco provável que tenha algum tipo de reação com o consumo da pasta de amendoim. Assim, aproveite os benefícios desse alimento tão delicioso, inclusive se estiver em uma dieta e plano de exercícios para hipertrofia muscular.

Referências adicionais:

Você costuma consumir a pasta de amendoim para hipertrofia e aproveitar os benefícios do alimento? Como você o inclui na dieta? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 4,67 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*