10 Benefícios do Azeite no Cabelo

Apesar da associação clara entre azeite e comida, o seu uso não está restrito à cozinha. O azeite de oliva é um produto que pode ser muito benéfico para a beleza em geral, especificamente para aplicações no cabelo e na pele. Suas propriedades hidratantes tornam-no especialmente útil para tratar e cuidar das madeixas.

Depois de ler o que separamos abaixo, você com certeza vai reservar um pouquinho de azeite para deixar no banheiro. Vamos mostrar os diversos benefícios de utilizar o azeite no cabelo, que incluem hidratação, força, brilho e muito mais.

Azeite no cabelo

Aplicar azeite no cabelo é uma técnica que vem sendo utilizada há milhares de anos. Quem usa afirma que o azeite deixa o cabelo mais brilhante, volumoso, suave e resiliente. Isso se deve em partes pela composição do azeite, que apresenta compostos químicos como ácido oleico, ácido palmítico e esqualeno, que são substâncias emolientes que promovem suavidade aos fios.

De fato, diversos produtos para os cabelos como shampoos e condicionadores apresentam emolientes industriais em suas composições.

Tipos de cabelo

Alguns tipos de cabelo se beneficiam mais do que outros quanto às propriedades benéficas do azeite. Os cabelos com fios mais grossos e secos, por exemplo, beneficiam-se muito com o uso do azeite. Já os cabelos muito finos e oleosos são a única exceção sobre o uso de azeite, pois esse tipo de cabelo não precisa de nenhum tipo de óleo para o condicionamento e o seu uso, mesmo em pouca quantidade, pode resultar em um cabelo pesado. Vale a pena testar pouquíssimas quantidades e observar os resultados.

O azeite no cabelo cacheado é benéfico, já que pode ajudar a reter umidade e manter os fios mais fortes, ajudando na definição dos cachos.

O azeite no cabelo loiro também traz benefícios, já que esse tipo de cabelo, principalmente quando tingido, tende a ficar mais ressecado do que os fios mais escuros. Porém, sempre teste uma mecha antes de aplicar em todo o comprimento, pois em alguns casos pode deixar uma mancha esverdeada nos fios.

Embora não tenham muitas evidências científicas sobre o uso específico de azeite no cabelo, a aplicação regular parece trazer um efeito hidratante interessante, resultando em um cabelo mais saudável, mais forte e mais brilhante. Além disso, ele pode atuar como um condicionador hidratante ou ainda ser usado como um produto de acabamento para vários tipos de penteados. Os principais benefícios do uso de azeite no cabelo são descritos abaixo.

Benefícios do azeite no cabelo

1. Redução de caspas e piolhos

O azeite, principalmente se misturado ao suco de limão, pode ajudar no tratamento de caspa. Isso porque o suco do limão, por ser ácido, pode ajudar a soltar a caspa, enquanto que a vitamina E presente no azeite ajuda a reduzir a caspa e na hidratação da camada do couro cabeludo que foi ressecada ou esfoliada pelo limão.

O ideal é misturar quantidades iguais de azeite e suco de limão diluído em água. Algumas colheres de cada são o suficiente para bons resultados. Massageie a mistura no couro cabeludo úmido e deixe agir por cerca de 20 minutos. Em seguida, enxague e use normalmente o shampoo e condicionador de sua preferência (que pode ser o próprio azeite!).

Apesar de ser ótimo para caspa, esse tratamento só é indicado a cada 15 dias, já que pode ressecar e danificar o couro cabeludo. Além da caspa, o azeite também pode ser usado para ajudar na remoção de piolhos.

2. Diminuição das pontas duplas

O azeite de oliva pode ajudar a dar volume e aumentar a umidade do cabelo seco durante os meses de inverno, por exemplo. Durante épocas frias, o cabelo fica mais propenso a danos, como quebra, frizz e pontas duplas. Um pouco de azeite aplicado nas pontas dos cabelos pode ajudar a reduzir esses problemas.

O azeite é capaz de preencher as lacunas entre as células da cutícula do cabelo, impedindo que danos ocorram na região e reparando as pontas duplas. Basta passar um pouco de azeite nos dedos e aplicar diretamente nos cabelos, alisando por todo o seu comprimento. Isso ainda vai diminuir a aparência bagunçada e desarrumada que o cabelo adquire durante o inverno devido ao tempo seco e vento intenso.

3. Força e brilho

É possível substituir o seu condicionador por azeite no cabelo para ajudar a aumentar sua umidade, deixando-o mais saudável, forte e brilhante. Por ser rico em nutrientes como vitamina A, vitamina E e substâncias antioxidantes, o azeite de oliva ajuda a proteger a queratina do cabelo, retendo a umidade nos fios. A presença de ácidos graxos insaturados também ajuda a deixar o cabelo mais brilhante.

4. Cuidado e manuseio

Quando os cabelos estão secos e desnutridos, fica mais difícil pentear e cuidar dos fios. Através da aplicação de azeite de oliva, o cabelo fica mais bem nutrido e hidratado, facilitando todo e qualquer tipo de penteado. Uma dica que funciona é usar o azeite morno para aumentar sua capacidade de hidratação.

Cubra o cabelo com meia xícara de azeite e deixe agir por 30 minutos no cabelo. Após isso, seu cabelo ficará bem hidratado e muito mais fácil de pentear.

5. Suavidade

O azeite é capaz de ajudar a fortalecer as pontas frágeis e os cachos crespos. Ele ajuda a amaciar o cabelo, deixando-o mais maleável e suave. Adotar um tratamento de hidratação com azeite no cabelo uma vez por semana pode dar uma sensação de maciez e suavidade permanente.

6. Estímulo ao crescimento

Diversas pessoas usam o azeite no cabelo com o intuito de fazê-lo crescer. O azeite ajuda a eliminar o acúmulo de sebo nos folículos capilares. Isso tem um impacto no crescimento do cabelo já que muitas vezes o cabelo deixa de crescer porque os folículos estão obstruídos por sebo. Além disso, o cabelo precisa estar bem nutrido para crescer e o azeite apresenta diversos nutrientes que ajudam a promover o crescimento saudável dos fios.

7. Hidratação de cabelos tratados quimicamente

Pessoas que costumam submeter os cabelos a processos químicos intensos como escovas progressivas podem se beneficiar com o uso do azeite no cabelo. Isso porque ele ajuda a reter a umidade e promover a hidratação dos fios. A única regra é esperar ao menos 72 horas após o tratamento com algum tipo de relaxante ou escova permanente antes de aplicar o azeite para evitar danos.

8. Retenção de umidade

Estudos científicos indicam que o uso de óleos como o azeite no cabelo ajuda a reter a umidade natural dos fios. Isso ocorre devido à presença de vitamina E, que é uma substância antioxidante e protetora lipídica, mantendo os fios sempre hidratados, protegidos e saudáveis.

9. Redução da queda de cabelo

O aumento da força dos fios promovido pelo uso de azeite reduz a queda. Além disso, estudos indicam que a vitamina E ajuda a diminuir a queda dos fios. Há estudos que indicam também que o ácido azeláico desempenha um importante papel na redução da queda de cabelo através da inibição da atividade da enzima 5-alfa-redutase, que atua na conversão de testosterona no hormônio di-hidrotestosterona (DHT).

O DHT está relacionado com o estreitamento dos folículos capilares, que podem fazer com que o cabelo fique mais fino e sem força, resultando em queda e até mesmo em problemas como calvície. Dessa forma, a inibição dessa enzima pelo ácido azeláico presente no azeite pode fazer com que seu cabelo pare de cair.

É possível usar o azeite em combinação com outros produtos como mel ou gema de ovo para potencializar os efeitos contra a queda de cabelo.

10. Supressão de infecções

O azeite apresenta propriedades antioxidantes, anti-inflamatórias e antimicrobianas que podem ajudar na luta contra diversas infecções no couro cabeludo. Além disso, os ácidos graxos insaturados presentes em sua composição ajudam a proteger o cabelo e evitar que micro-organismos indesejados penetrem no couro cabeludo.

Antes e depois

As imagens a seguir mostram fotos de antes e depois de pessoas que testaram o azeite de oliva no cabelo para promover o crescimento e/ou obter benefícios como hidratação, maciez e brilho.

Dicas e cuidados

Se você for usar o azeite como um condicionador ou hidratante, separamos um passo a passo de como aplicá-lo nos cabelos.

  1. Use a quantidade adequada: Em primeiro lugar, meça a quantidade adequada para o tamanho do seu cabelo. Se você nunca usou antes, comece com uma ou duas colheres de sopa. Se colocar azeite demais, o cabelo ficará seboso e com um aspecto feio.
  2. Massageie a região: Em seguida, massageia o azeite no couro cabeludo por alguns minutos se tiver o couro cabeludo seco. Se seu cabelo for oleoso, massageie apenas no comprimento e evite passar o produto na raiz. Para que o efeito condicionador seja mais eficaz, envolva o cabelo em uma touca de banho e deixa o azeite agir por pelo menos 15 minutos.
  3. Enxague bem: Por fim, enxague bastante o cabelo para remover todos os resquícios do azeite, lave com shampoo e seque as madeixas.

Quantas vezes usar?

A menos que seu cabelo esteja muito danificado, o tratamento com azeite uma vez por semana parece trazer ótimos resultados.

Além da frequência, o tempo de aplicação depende do tipo de dano. Quanto mais seco estiver o cabelo, mais tempo o óleo deverá ficar no cabelo para trazer um bom resultado. É possível deixar o azeite agir por até uma noite inteira. Uma dica é aplicar o produto antes de dormir, envolver com uma touca e lavar os fios apenas pela manhã seguinte.

Outra dúvida que surge é se o azeite pode ser aplicado nos fios secos ou molhados. O produto pode ser aplicado das duas formas descritas abaixo.

– Aplicação no cabelo molhado

Para aplicar o azeite no cabelo molhado, umedeça o cabelo e lave bem os fios com shampoo. Depois disso, passe o condicionador de sua preferência e enxague bem o cabelo. Depois de pentear os cabelos, passe o azeite por todo o comprimento, massageando bem com os dedos e deixe agir por cerca de 15 a 30 minutos ou por quanto tempo desejar para uma hidratação mais profunda. Depois, enxague o cabelo novamente e lave e seque como de costume.

– Aplicação no cabelo seco

Para aplicar o azeite no cabelo seco, penteie bem os fios. Em seguida, use a quantidade desejada de azeite, espalhe na palma da mão e comece a aplicação nas pontas do cabelo. Vá espalhando o azeite por todo o comprimento. Depois disso, pegue um secador de cabelo e aplique um jato quente médio a uma distância de 20 cm de distância para não “fritar” o cabelo. Mantenha o calor nos fios por cerca de 2 a 3 minutos para facilitar a penetração do óleo nos fios.

Nunca use aparelhos como secador com ar muito quente ou chapinha nos cabelos com azeite, pois isso pode resultar em quebra e danos permanentes aos fios.

Tomando esses cuidados, é possível ter um cabelo muito mais bonito e saudável com o uso de um produto tão simples encontrado em qualquer cozinha.

Referências adicionais:

Você já sabia que existe a possibilidade de aplicar azeite no cabelo e tantos benefícios associados a isso? Tem vontade de experimentar agora? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (28 votos, média: 4,14 de 5)
Loading...

Deixe um comentário