20 remédios para prisão de ventre mais populares

Especialista da área:
atualizado em 22/04/2021

A prisão de ventre é um problema que vem atingindo cada vez mais pessoas, principalmente por conta do estilo de vida moderno, e por isso é importante conhecer os remédios mais populares para tratar o problema. 

  Continua Depois da Publicidade  

Por isso, a seguir iremos conhecer os 20 melhores remédios para tratar a prisão de ventre, além de entender melhor quais as causas do problema.

Mas, antes de iniciarmos, é importante lembrar que a prisão de ventre é um problema médico que pode se agravar, e que este artigo não substitui a avaliação nem a orientação de um profissional de saúde habilitado.

O que é prisão de ventre?

prisão de ventre

A prisão de ventre, também conhecida como intestino preso e constipação, é uma condição médica onde a pessoa não consegue evacuar, mesmo sentindo vontade de ir ao banheiro. 

As causas mais comuns de constipação incluem:

  • Alimentação pobre em fibras e particularmente rica em carne, leite ou queijo;
  • Baixa ingestão de água;
  • Sedentarismo;
  • Não ir ao banheiro quando tem vontade;
  • Viagens ou mudanças na rotina;
  • Alguns medicamentos, como antiácidos e analgésicos;
  • Gravidez;
  • Problemas de saúde, como hipotireoidismo, doenças neurológicas e intestinais.

Quais são os sintomas?

Não existe uma regra exata para definir como devem ser os movimentos intestinais, já que eles podem ser diferentes para cada um. 

No entanto, se você apresentar alguns sintomas abaixo, pode estar sim com prisão de ventre:

  • Menos de três evacuações por semana;
  • Fezes duras e secas;
  • Esforço ou dor durante a evacuação.

Como o diagnóstico é feito?

O diagnóstico da prisão de ventre normalmente é feito com base nos sintomas apresentados, que são:

  • Constipação por mais de três semanas;
  • Sangue nas fezes;
  • Dor abdominal;
  • Dor durante os movimentos intestinais;
  • Perda de peso;
  • Mudanças repentinas nos seus movimentos intestinais.

Além disso, durante a consulta, seu médico fará algumas perguntas sobre seus sintomas, histórico médico e qualquer medicação ou condições subjacentes, e pode solicitar a realização de alguns exames, para concluir o diagnóstico.

Quais são os remédios para prisão de ventre mais populares?

remédios para prisão de ventre

A prisão de ventre pode ser tratada com alguns medicamentos e suplementos de farmácia e remédios caseiros, que são muito fáceis de inserir na sua rotina e alimentação.

  Continua Depois da Publicidade  

A seguir separamos os 20 mais populares, que podem ser encontrados facilmente em sua cidade:

Laxantes de farmácia

Embora a sua prisão de ventre possa melhorar com remédios naturais, é importante conhecer todas as opções industrializadas, para que você possa tomar a melhor decisão.

Esses remédios tendem a ser mais convenientes, embora seu efeito seja sentido apenas no curto prazo e não traga nenhum outro benefício para a saúde. 

Os mais conhecidos são:

1. Laxantes para amolecer as fezes

Os laxantes que têm a função de amolecer as fezes contêm emolientes que ajudam a misturar óleo e água, e assim contribuem para a hidratação do bolo fecal. Mas o efeito costuma demorar mais para aparecer, e eles comumente são usados como forma de prevenção.

2. Laxante formador de volume 

Geralmente são os laxantes de farmácia mais seguros, e normalmente podem ser usados ​​por períodos mais longos. Seus ingredientes têm propriedades que se assemelham aos alimentos ricos em fibras, que ajudam a dar volume ao bolo fecal. 

3. Laxantes lubrificantes

Em vez de absorver água como um amaciante de fezes, os laxantes lubrificantes adicionam uma camada de lubrificação às paredes dos intestinos, o que ajuda as fezes a passarem com mais facilidade. 

Alguns desses laxantes podem ser usados por via oral, enquanto outros devem ser usados apenas por via retal.

  Continua Depois da Publicidade  

4. Laxante estimulante

O laxante estimulante, como o nome já diz, estimula os músculos intestinais a empurrar as fezes pelo cólon, além de favorecer a concentração de água no intestino. Mas o uso constante desses laxantes pode tornar seu intestino dependente do medicamento para funcionar, e por isso eles devem ser usados com cautela.

5. Laxantes salinos e osmóticos

Esses laxantes agem atraindo água para o trato digestivo, o que ajudará a estimular o movimento intestinal. Sua ação é rápida, e ele costuma agir entre 1 e 3 horas após o uso, o que pode proporcionar alívio instantâneo da constipação.

Além disso, os laxantes salinos são comumente usados ​​para limpar os intestinos antes de uma colonoscopia.

Laxantes naturais

Cáscara sagrada
Cáscara sagrada

Um remédio caseiro para prisão de ventre à base de ervas pode ser tão eficaz quanto os laxantes de farmácia, mas geralmente sem o custo e os efeitos colaterais, como veremos a seguir:

6. Cáscara sagrada

A cáscara sagrada é um forte laxante natural, que age irritando a parede do cólon para causar contração.

Além disso, a cáscara sagrada contém ácido crisofânico e emodina, que juntos ajudam a estimular os movimentos intestinais. 

Mas a cáscara sagrada não deve ser tomada regularmente, pelo risco de causar intoxicação.

7. Sene

Os compostos encontrados no sene aceleram os movimentos intestinais tornando-os mais regulares, e também ajudam a suavizar as fezes de modo que a passagem não seja tão desconfortável ou dolorosa.

8. Aloe vera

Esse é outro remédio caseiro para prisão de ventre usado há décadas, que ajuda a lubrificar o intestino e facilitar a passagem das fezes.

9. Carqueja

A carqueja é uma planta medicinal que, quando usada na forma de chá, ajuda a melhorar os movimentos intestinais, embora seu uso não deva ser constante.

10. Folhas de oliveira

Folhas de oliveira são ricas em fibras e em oleuropeína, e ajudam a aliviar o desconforto causado pela constipação, além de melhorar os movimentos intestinais.

11. Sementes de linhaça

As sementes de linhaça têm muitas propriedades laxativas e são perfeitas para curar a constipação leve a moderada. Isso se deve à sua grande quantidade de fibras e ácidos graxos ômega 3, que são os dois elementos importantes em um laxante à base de plantas.

óleo e sementes de linhaça

12. Olmo escorregadio

O olmo escorregadio funciona irritando o trato digestivo, de modo que ele produza mais muco, que facilitará a passagem das fezes. Além disso, ele é muito rico em fibras.

13. Ruibarbo de perú

O ruibarbo de peru é outro remédio natural que tem sido usado há centenas de anos no tratamento de problemas intestinais e estomacais, entre eles a prisão de ventre.

14.  Hortelã-pimenta

Hortelã-pimenta, assim como aloe vera, pode trazer muitos benefícios para a saúde. E um desses benefícios é o estímulo do funcionamento do sistema digestivo e da produção da bílis, que ajuda a manter o trânsito intestinal.

Suplementos

Alguns suplementos podem contribuir muito para a prevenção e o tratamento da prisão de ventre. Os mais conhecidos são:

15.  Óleo de linhaça

Apesar de não conter fibras, o óleo de semente de linhaça processado funciona como um lubrificante para o intestino, tornando a passagem das fezes mais suave e fácil.

16.  Psyllium

O psyllium é uma planta que tem como nome científico Plantago ovata e, por ser rica em fibras, é muito usada para o tratamento da constipação intestinal. 

17.  Óleo de fígado de bacalhau

É um remédio tradicional, usado geralmente ao acordar, que estimula os movimentos intestinais.

óleo de fígado de bacalhau em cápsulas
Óleo de fígado de bacalhau em cápsulas

18. Pectina

Maçãs e peras contêm um composto especial chamado pectina, uma fibra solúvel que não é digerida e ajuda a manter as fezes hidratadas. Assim a fibra contribui para a prevenção e o tratamento do ressecamento das fezes e da constipação.

19. Magnésio

O magnésio aumenta a frequência dos movimentos intestinais, tendo assim um efeito laxativo. Mas é preciso ter cuidado, pois este suplemento, quando usado em excesso, pode causar diarreia e outros problemas de saúde.

20. Probióticos 

Manter um trato intestinal saudável é fundamental para evitar problemas digestivos. Por isso, o uso suplemento probiótico pode contribuir para a manutenção da flora intestinal e assim ajudar o intestino a funcionar corretamente.

Dicas e cuidados

  • Manter uma boa hidratação é essencial para prevenir a constipação. Assim, tente beber ao menos dois litros de água por dia;
  • Outra forma de prevenir a prisão de ventre é a prática de atividades físicas, pois elas ajudam a manter o metabolismo e a motilidade intestinal;
  • Por fim, caso a constipação seja um problema frequente, o ideal é procurar um médico, para descobrir qual é a causa exata e a melhor forma de tratar.

Vídeo

Assista ao vídeo da nossa nutricionista e conheça 10 alimentos para melhorar a prisão de ventre.

Fontes e referências adicionais

Você já precisou tomar remédios para prisão de ventre? Quais deles você já usou? Teve bons resultados? E efeitos colaterais? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média 4,60)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário