5 benefícios da abiu – Para que serve e propriedades

Especialista da área:
atualizado em 13/05/2021

A abiu (Pouteria caimito) é uma fruta exótica originária da Amazônia Central e da Mata Atlântica Costeira. Podemos consumi-la ao natural ou utilizá-la em receitas de sucos, geleias, sorvetes ou compotas, por exemplo.

  Continua Depois da Publicidade  

Entretanto, ela só pode ser consumida quando está bem madura. Isso porque a casca da fruta pode liberar uma espécie de leite branco e viscoso que pode aderir à boca. Então, vamos conhecer um pouco mais sobre essa fruta?

Para que serve – 5 benefícios da abiu

1. As propriedades nutricionais da fruta

O alimento traz doses de nutrientes importantes para o funcionamento apropriado do organismo humano. Por exemplo, carboidratos, fibras, cálcio, fósforo, ferro, vitamina B2 e vitamina C.

2. Abiu é fonte de vitamina C

Vitamina C da abiu

100 gramas de abiu têm 10,3 mg de vitamina C. Conforme o Regulamento Técnico sobre a Ingestão Diária Recomendada (IDR) de Proteína, Vitaminas e Minerais de 2005 da Anvisa, um adulto deve consumir 45 mg do nutriente diariamente.

Ou seja, a fruta pode contribuir com parte do fornecimento da vitamina ao organismo. Isso é importante porque ela é necessária para o crescimento e a reparação de tecidos em todo o corpo.

O nutriente também forma uma proteína usada na produção dos tendões, ligamentos, pele e vasos sanguíneos.

Sem contar que a vitamina C atua no processo de cura de feridas e formação de tecido de cicatrização, auxilia a absorção de ferro e trabalha na manutenção dos ossos, cartilagem e dentes.

Além disso, a vitamina C é um antioxidante. Os antioxidantes bloqueiam parte do dano dos radicais livres, compostos possivelmente associados ao envelhecimento e ao favorecimento do desenvolvimento de câncer, doença no coração e artrite.

Gestantes, mulheres que amamentam, fumantes, vítimas de queimaduras e pacientes em período de recuperação de cirurgia podem precisar ingerir quantidades a mais do nutriente.

3. Fruta é fonte de vitamina B2

O Regulamento Técnico sobre a Ingestão Diária Recomendada (IDR) de Proteína, Vitaminas e Minerais de 2005 da Anvisa informa que um adulto precisa consumir 1,2 mg de riboflavina por dia.

  Continua Depois da Publicidade  

Enquanto isso, uma porção de 100 gramas da fruta abiu é composta por 0,04 mg de vitamina B2. É aí que você pode se perguntar: o que uma coisa tem a ver com a outra?

Bem, é que riboflavina é outro nome pelo qual se chama a vitamina B2. Portanto, a abiu ajuda a fornecer nutriente ao organismo.

Isso merece aparecer na lista de benefícios do alimento porque a vitamina B2 está envolvida em uma série de processos no organismo e é necessária para a função e o crescimento celular adequado.

A riboflavina também trabalha no crescimento corporal e na produção de glóbulos vermelhos, além de contribuir com a liberação da energia das proteínas.

4. As fibras na abiu

Você provavelmente já escutou falar que as frutas, legumes e verduras costumam servir como fonte de fibras, não é mesmo? Com a abiu isso não é diferente: uma porção de 100 gramas da fruta apresenta 1,7 gramas do nutriente.

A ingestão diária recomendada de fibras para um adulto fica entre 25 gramas a 35 gramas.

Embora pareça que a quantia de fibras da abiu não é tão significativa em comparação a todo o teor diário necessário do nutriente, não podemos negar que ela dá uma ajuda no fornecimento de fibras ao organismo.

É importante incluir alimentos com fibras nas refeições porque o nutriente auxilia a digestão, contribui com a prevenção da prisão de ventre e ajuda a dar sensação de saciedade do corpo, o que é útil para o controle do peso.

  Continua Depois da Publicidade  

Há quem acredite e defenda que a abiu pode ser utilizada no tratamento da anemia, malária, infecções no ouvido e problemas respiratórios.

Alguns extraem o óleo das sementes da abiu e aplicam em uma região inflamada do corpo para tratar o problema, como se fossem anti-inflamatórios.

Mas, precisamos lembrar que quando usamos o termo medicina popular, estamos nos referindo a uma prática sem embasamento científico, fruto de experiências práticas.

Portanto, mesmo que ela tenha funcionado sem problemas para uma pessoa, não existem garantias de que não possa ser ineficiente e até fazer mal para outras.

Cuidados e precauções

Conversa com o médico sobre a abiu

Portanto, antes de utilizar qualquer parte da abiu para tratar qualquer problema de saúde, é fundamental que você procure o médico.

Confirme com o profissional se ela mesmo pode ajudar sem provocar maiores problemas para a sua saúde e pergunte em que dosagem, frequência de uso e por quanto você pode usar a fruta para a finalidade em questão com segurança.

Além disso, nada de usá-la como substituta de qualquer tratamento já prescrito pelo médico, porque isso pode ser bastante perigoso para a saúde.

É necessário ter em mente que mesmo os produtos naturais podem ter contraindicações, provocar efeitos colaterais, interagir com medicamentos e fazer mal com o uso prolongado.

Vídeo

Sua preocupação é com a boa forma? Então, conheça as dicas da nossa nutricionista sobre as frutas que ajudam a emagrecer:

Fontes e Referências Adicionais

Você já comeu abiu ou alguma outra fruta exótica? Então, nos conte abaixo nos comentários:

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário