Comer Alface Dá Sono Mesmo?

Especialista:
atualizado em 24/12/2019

Uma mostra de que a alface pode ser um ingrediente democrático é o fato da folha poder aparecer tanto em receitas leves, como uma saladinha refrescante, quanto em pratos mais pesados, como um lanche tipo x-tudo, por exemplo.

Além de versátil, o alimento é pobre em calorias – contém somente oito calorias em uma xícara com suas folhas desfiadas ou cortadas – e serve de fonte de nutrientes necessários para o organismo humano funcionar corretamente, como fibras, potássio, ferro, cálcio, vitamina A e vitamina C, além de magnésio e ácido fólico (vitamina B9) na alface romana.

Será que comer alface dá sono? 

De fato, vale a pena incluir a alface nas refeições do nosso dia a dia – já que ela é pouco calórica ao mesmo tempo em que fornece nutrientes. Mas será que é verdade essa história de que comer alface dá sono?

De acordo com o que a médica Pamela Peeke, a alface é dotada de propriedades sedativas que afetam o cérebro de uma maneira parecida com os opioides. Segundo a Universidade Federal de São Paulo, os opioides são remédios que provocam a diminuição da dor e causam o sono.

A substância sedativa da alface é conhecida pelo nome de lactucina e pesquisas realizadas com ratos já mostram que o composto apresenta um efeito tranquilizante.

Uma reportagem publicada no Fox News também concordou com a história de que comer alface dá sono.

A nutricionista holística e autora dos livros You Are What You Eat (Você é o que Come, tradução livre) e Food Bible: How to Use Food to Cure What Ails You (Bíblia Alimentar: Como Usar a Comida para Curar o que te Aflige), Gillian McKeith, confirmou que é justamente a lactucina da alface que induz o sono e o relaxamento.

Para a nutricionista holística, consumir o alimento no período noturno pode ajudar a pessoa a ter uma noite de sono melhor.

Nutrientes potentes para pegar no sono 

Verduras como a alface romana – além de outros alimentos como o espinafre e a couve – são ricos em nutrientes como cálcio, magnésio e ácido fólico, que também é conhecido como a vitamina B9.

A deficiência de ácido fólico no organismo tem sido associado à insônia e uma dieta rica no nutriente pode contribuir com o combate da síndrome da fadiga crônica. Além disso, o cálcio e o magnésio também são considerados substâncias potentes em relação ao sono.

Outras considerações sobre a relação da alface com o sono

Essas confirmações de que comer alface dá sono nos levam a concluir que, para quem sofre com dificuldades para dormir, incluir o alimento na refeição noturna pode ser uma boa ideia para ajudar a acabar com o problema.

Uma dica de receita com a alface retirada do livro Stealth Health (Saúde Escondida, tradução livre) pode ser consumida antes de dormir para auxiliar a noite de sono. Ela deve ser feita da seguinte maneira:

Cozinhar em fogo brando de três a quatro folhas de alface em uma medida de uma xícara de chá durante 15 minutos, remover do fogo, adicionar dois raminhos de hortelã e tomar logo antes de ir para a cama.

Porém, não estamos dizendo que a alface é a cura para insônia, somente que os relatos acima indicam que ele pode colaborar com o combate ao problema. Se você não consegue dormir direito, procure a ajuda do médico para saber como lidar com a condição, principalmente se você já for afetado por ela há bastante tempo.

Por outro lado, se você costuma sentir muito sono durante o dia, comer a alface de dia pode agravar a situação, te deixando mais cansado. Assim, vale a pena deixar a verdura para as refeições mais próximas da hora de dormir e procurar um médico para descobrir qual o motivo de sentir tanto sono e o que fazer para lidar com o problema.

Benefícios atribuídos à alface

A alface já foi associada a uma série de benefícios para a saúde do organismo humano como: contribuição com o processo de emagrecimento, auxílio à saúde do coração e a colaboração com a eliminação de toxinas do corpo.

Além disso, acredita-se também que o alimento possa contribuir com o equilíbrio ácido/alcalino do organismo, fator que beneficia uma série de aspectos como a melhoria da energia, a clareza de pensamento, o sono profundo e repousante e a jovialidade da pele.

Você já tinha ouvido falar que a alface dá sono? Acredita que a verdura possa mesmo ajudar nesse sentido e pretende experimentar seu consumo à noite? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (4 votos, média: 4,50 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário