Como fazer óleo de alecrim caseiro

Especialista da área:
atualizado em 12/01/2022

Além do sabor, o alecrim tem um aroma bem característico. Por isso, muita gente procura o óleo de alecrim e a boa notícia é que é possível fazer esse óleo em casa.

  Continua Depois da Publicidade  

O alecrim é uma erva aromática muito usada na culinária para temperar diversos pratos, incluindo carnes, sopas e tortas. Além disso, ele é rico em nutrientes como as vitaminas A, B, C e K e apresenta propriedades antioxidantes e anti-inflamatórias úteis para a prevenção e tratamento de doenças.

Quando inalado ou aplicado na pele, o óleo de alecrim também traz benefícios para a saúde, incluindo a redução do estresse, a hidratação da pele, a nutrição dos cabelos, o alívio de dores musculares e a melhora da circulação sanguínea. Além disso, o óleo de alecrim tem ação repelente contra alguns insetos.

Confira então como fazer e usar o óleo de alecrim no seu dia a dia. Mas antes, assista ao vídeo abaixo para conhecer os benefícios dessa erva.

Como fazer óleo de alecrim caseiro

Para fazer o óleo de alecrim é preciso que você tenha os seguintes ingredientes e utensílios:

Ingredientes

  • 2 ramos secos de alecrim (ou frescos)
  • 1 xícara (240 mL) de óleo vegetal, como o óleo de coco, o óleo de amêndoas ou o azeite de oliva
  • 2 potes de vidro com tampa para armazenar o óleo

Modo de preparo

  Continua Depois da Publicidade  

Primeiramente, coloque os ramos secos de alecrim em um pote de vidro limpo e seco. Em seguida, adicione o óleo vegetal, tampe bem e agite o pote.

Então, guarde o frasco de vidro em um local escuro e quente por pelo menos duas semanas. Depois desse tempo, coe o óleo e transfira o conteúdo para um novo pote.

Por fim, é só fechar bem o recipiente e guardar o óleo de alecrim caseiro em um local protegido da luz.

Outra alternativa é usar os ramos frescos de alecrim. Nesse caso, é preciso levar os ramos frescos junto com o óleo vegetal de sua preferência para cozinhar em uma panela durante 2 horas. Depois disso, deixe esfriar um pouco antes de coar e guarde em um recipiente com tampa. Para durar mais, você pode armazená-lo na geladeira por até 6 meses.

Óleo de alecrim
Além dos ramos de alecrim, você vai precisar de outro óleo vegetal

Como usar

O óleo de alecrim pode ser usado de várias maneiras: em um difusor de ambientes, diretamente sobre a pele ou no couro cabeludo.

No difusor, basta aplicar algumas gotas de óleo de alecrim no equipamento, completar com água e inalar o aroma.

  Continua Depois da Publicidade  

Na pele ou nos cabelos, é recomendado usar 1 colher de sopa e espalhar bem fazendo movimentos circulares e suaves com as mãos. Além de isso servir para uma bela massagem, sua pele e seus cabelos vão ficar bem hidratados.

Aliás, muitas pessoas usam o óleo de alecrim junto com o shampoo na hora do banho para nutrir e promover o crescimento dos fios.

Cuidados com o óleo de alecrim

Óleo de alecrim
Mesmo com tantos benefícios, existem alguns cuidados com o óleo de alecrim

Apesar da facilidade de preparo, vale lembrar que o óleo de alecrim caseiro preparado a partir dos ramos secos deve ser usado em até uma semana. Pois depois desse tempo, o óleo pode ficar rançoso. Assim, se você pretende usar o óleo de alecrim por bastante tempo, prepare a versão com ramos frescos.

Se você pretende usar o óleo essencial de alecrim puro, é sempre importante mistura-lo com um óleo vegetal. Além de prevenir irritações e queimaduras na pele, diluir o óleo essencial de alecrim em um óleo carreador, como o óleo de coco, evita que as substâncias ativas evaporem muito rapidamente.

Óleo carreador é um óleo vegetal utilizado para diluir os óleos essenciais, para que eles possam ser utilizados na pele sem causar irritação.

Para fazer a diluição correta, a recomendação é usar 3 gotas de óleo essencial de alecrim puro para cada 1 colher de chá do óleo carreador.

  Continua Depois da Publicidade  

Em hipótese alguma, ingira o óleo caseiro de alecrim. E se notar alguma reação alérgica na pele ou no couro cabeludo, suspenda o uso do produto e procure um dermatologista para avaliação.

Fontes e referências adicionais

Você pretende fazer óleo de alecrim em casa? Qual das formas de fazer o óleo de alecrim acima mais te agradou? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário