Como plantar milho em casa – Passo a passo e dicas

Especialista da área:
atualizado em 25/06/2021

O milho é um daqueles alimentos que fazem parte da rotina do brasileiro, tanto que diversas cidades do país recebem edições de festas do milho a cada ano. Portanto é de se esperar que muitas pessoas querem aprender como plantar milho em casa.

  Continua Depois da Publicidade  

Dá para comer o cereal diretamente na espiga, mas ele também é o ingrediente principal da deliciosa pamonha. Além disso, o milho aparece em receitas de saladas, bolos doces e salgados, pudins, pizzas, tortas, cremes, sopas e até brigadeiros. 

Isso sem contar que ele dá origem à companheira mais fiel das sessões de cinema: a pipoca. No entanto, ser super útil e versátil na culinária não é o único dos benefícios do milho.

Quando seu consumo é de maneira saudável, o alimento também contribui com a nutrição. Afinal, o milho serve como fonte de carboidratos, proteínas, fibras, potássio, cálcio, fósforo, vitamina A, vitamina B3, vitamina B9 e vitamina E.

O que acha de aprender como plantar milho em casa?

Mesmo que você não seja lá muito chegado ao cultivo de plantas, nos escute: ter a própria pequena plantação de milho em casa torna o acesso a uma versão fresca e orgânica do alimento bem mais prática.

E, nunca se sabe, o cultivo do milho pode até se tornar um passatempo agradável para matar o tempo, combater o tédio ou servir de ocupação para quem precisa ou deseja passar menos tempo preso à tecnologia.

Mas então, como plantar milho em casa?

Grãos -  Como plantar milho

É o que você confere nas instruções a seguir:

  Continua Depois da Publicidade  

1. Preparar a terra para cultivar o milho por meio de uma mistura de terra orgânica com esterco bovino e adubo fertilizante orgânico.

2. Em um primeiro momento, você pode usar um copinho descartável. Fazer um corte pequeno em uma das laterais do recipiente.

3. Encher o copinho com a terra preparada para o cultivo do milho (do passo 1). Então, adicionar duas ou três sementes de milho verde para semear em uma profundidade de 1 cm na terra. Tampar as sementes com a terra preparada.

4. Regar diariamente. Em aproximadamente sete dias, elas terão germinado. Quando a planta atingir cerca de 10 cm, ela estará pronta para o transplante no vaso definitivo.

O transplante

5. Arranjar um vaso de 20 litros com furos no fundo e montar uma camada de drenagem. Por exemplo, você pode colocar pedriscos ou argila expandida no fundo do vaso e cobrir com uma manta de bidim. 

6. Então, completar até quase a borda do recipiente com a mesma terra preparada descrita no primeiro passo deste tutorial de como plantar milho em casa.

  Continua Depois da Publicidade  

7. Para retirar a mudinha do copinho descartável, cuidadosamente gire e aperte o recipiente até a muda sair nas mãos com facilidade. 

8. Logo após, fazer uma cova de 10 cm de profundidade na terra do vaso e colocar a mudinha nesse buraco para plantá-la, completando os espaços que sobraram ao redor dela com a terra do próprio vaso.

9. Regar e manter a irrigação diariamente. A recomendação é que a rega ocorra sempre pela manhã ou no final da tarde. Mas atenção: nada de encharcar a terra, o objetivo aqui é apenas mantê-la úmida.

Outras dicas e dados úteis sobre como plantar milho

  1. A plantação do milho deve ser realizada em um local bastante iluminado, que receba luz solar direta durante no mínimo seis horas por dia e tenha proteção contra ventos e seca.
  2. O vegetal tem uma adaptação boa e seu plantio pode ocorrer em todo o Brasil, desde que a temperatura mínima do local fique na casa dos 13º C. Portanto, atenção às épocas de plantio.
  3. Já o solo do plantio do milho precisa ser fértil, bem drenado, rico em matéria orgânica e apresentar um pH que pode variar entre 5,5 e 6,8.
  4. As regas na planta precisam ser regulares durante a fase de crescimento para que as raízes não sequem.
  5. Quando os milhos já estiverem maduros, a irrigação poderá ser menos frequente, assim como poderá haver uma redução na quantidade de água da rega.
  6. Entretanto, quanto mais quente e seco for o clima da região onde se cultiva o milho, mais cuidados serão necessários em relação à irrigação. Se isso não for feito, as raízes suspensas da planta começarão a secar, o que impede o transporte de nutrientes.

Proteção, adubação, polinização e colheita

Espigas - Como plantar milho
  • A cultura do milho recebe ataques perigosos de insetos e pragas que consomem toda a estrutura da planta, é necessário ficar bem atento à plantação. Principalmente às folhas, já que é nessa parte que os sintomas desses problemas começam a aparecer.
  • Por ser exigente em nutrientes, o cultivo de milho precisa receber adubações orgânicas/naturais ao longo do plantio. Quando as folhas jovens do vegetal estiverem perdendo o vigor da cor, será preciso realizar uma nova adubação.
  • Recomenda-se plantar no mínimo nove pés de milho, ainda que o cultivo de quatro pés – um em cada vaso – já sirva para obter uma boa polinização. 
  • Isso porque a polinização do vegetal é feita pelo vento e não por insetos. Quanto maior for a quantidade plantada de milho, maiores são as chances de que se tenha uma boa polinização.
  • Não se deve plantar o milho em linha reta, o ideal é plantá-lo formando um quadrado. Isso também serve para facilitar a polinização.
  • A colheita do milho pode ocorrer entre três a 10 meses.

Vídeo

Está preocupado com o ganho de peso? Então, entenda se o milho engorda ou emagrece com o vídeo da nossa nutricionista:

Você gosta de comer milho? Então, conte como usa o alimento no seu dia a dia!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário