Complexo B injetável

Complexo B Injetável – Para Que Serve e Como Aplicar

A maioria das pessoas consegue consumir a quantidade diária necessária de vitaminas do complexo B através de uma alimentação balanceada. Porém, idosos e pessoas com anemia, atletas, vegetarianos, veganos ou pessoas que consomem álcool em excesso podem apresentar deficiência nessas vitaminas e podem precisar de suplementos de complexo B.

O suplemento oral é bastante conhecido e usado pela maior parte da população, mas também existe o suplemento de complexo B injetável ou de vitamina B12 em particular.

Vamos mostrar abaixo para que serve o complexo B injetável e como aplicar o suplemento com segurança.

Complexo B

O complexo B é um conjunto de vitaminas essenciais que incluem a tiamina (vitamina B1), a riboflavina (vitamina B2), a niacina (vitamina B3), o ácido pantotênico (vitamina B5), a pirixidona (vitamina B6), a biotina (vitamina B7), o ácido fólico (vitamina B9) e a cianocobalamina (vitamina B12).

Importância

As vitaminas do complexo B são indispensáveis para o nosso organismo pois elas participam de diversos processos metabólicos, atuam na saúde da pele, em funções do sistema imunológico e do sistema nervoso, no tônus muscular e na prevenção da anemia.

Porém, por serem solúveis em água e não em gorduras, essas vitaminas não podem ser armazenadas pelo organismo. Por isso, é necessário ingerir fontes de vitamina B todos os dias para manter a saúde em dia.

Complexo B Injetável

O complexo B injetável é uma solução estéril usada para injeção intravenosa intramuscular composta por vitaminas do complexo B.

A bula da maioria dos ampolas informa que cada dose de 1 mL contém cerca de 100 miligramas de tiamina, 5 miligramas de riboflavina, 2 miligramas de piridoxina, 2 miligramas de ácido pantotênico e 100 miligramas de niacina.

Também é possível encontrar ampolas de vitamina C e complexo B injetável para casos em que os pacientes precisam repor ambas vitaminas.

Para que serve

A deficiência em vitaminas do complexo B pode resultar em sintomas como falta de energia, fraqueza muscular, fraqueza nas pernas, depressão, problemas com funções cognitivas como a memória e confusão mental. Para entender melhor, listamos abaixo as principais funções das vitaminas contidas no complexo B.

Funções das vitaminas do complexo B

  • Tiamina: A tiamina desempenha um papel essencial no metabolismo, ajudando na conversão de nutrientes em energia para o corpo. As fontes alimentares que mais contêm a vitamina B1 são carne de porco, sementes de girassol e gérmen de trigo.
  • Riboflavina: A riboflavina também atua na conversão de alimentos em fonte de energia. Além disso, a vitamina B2 atua como uma substância antioxidante potente. Os alimentos ricos em riboflavina incluem carnes animais de órgãos, como fígado e músculo, por exemplo e cogumelos.
  • Niacina: A niacina tem um papel muito importante em processos de sinalização celular, metabolismo e produção e reparação de DNA. As fontes mais ricas de vitamina B3 nos alimentos são frango, atum e lentilhas.
  • Ácido pantotênico: O ácido pantotênico ou vitamina B5 também atua na obtenção de energia através dos alimentos e participa de produção de hormônios e colesterol. As principais fontes dessa vitamina incluem fígado, peixe, iogurte e abacate.
  • Pirixidona: A pirixidona ou vitamina B6 participa do metabolismo de aminoácidos, da produção de glóbulos vermelhos e também na formação de neurotransmissores importantes para a saúde do cérebro. Os alimentos que contêm vitamina B6 em abundância são o grão-de-bico, o salmão e as batatas.
  • Biotina: A biotina é uma substância essencial para o metabolismo de macronutrientes como carboidratos e gorduras, além de regular a expressão gênica no organismo. Alimentos como levedura, ovos, salmão, queijo e fígado são as melhores fontes de vitamina B7.
  • Folato: O folato é uma vitamina necessária para processos de crescimento celular, metabolismo de aminoácidos e formação de glóbulos brancos e vermelhos, além de regular os processos de divisão celular. A vitamina B9 é encontrada em fontes como verduras, fígado e feijão.
  • Cianocobalamina: A cianocobalamina, conhecida também como cobalamina ou vitamina B12, é uma das vitaminas do complexo B mais populares e rica no mineral cobalto. Ela tem um papel vital no bom funcionamento do sistema neurológico, na produção de DNA e no desenvolvimento de glóbulos vermelhos. Ela pode ser encontrada em alimentos de origem animal como carnes, ovos, frutos do mar e produtos lácteos.

Para que serve o complexo B injetável?

Tendo listadas as funções das vitaminas do complexo B anteriormente, fica clara a importância desse complexo para a saúde do sistema neurológico, melhorando o humor, funções cognitivas e até aliviando sintomas depressivos, além de participar do metabolismo da glicose para gerar energia para as nossas céulas.

O complexo B injetável é indicado em casos em que a pessoa não é capaz de ingerir as recomendações diárias dessas vitaminas. Esse é o caso de indivíduos com condições temporárias de saúde, doenças ou deficiências graves que exigem a administração intravenosa das vitaminas. Exemplos incluem:

  • Tratamento pré e pós-operatório;
  • Febre muito alta;
  • Queimaduras graves;
  • Gravidez;
  • Distúrbios gastrointestinais que afetam a ingestão ou absorção de vitaminas;
  • Alcoolismo;
  • Doença celíaca;
  • Câncer;
  • Doença de Crohn;
  • Hipotireoidismo;
  • Distúrbios genéticos;
  • Uso de certos medicamentos como inibidores de ácido estomacal, remédios para diabetes e alguns anticoncepcionais;
  • Distúrbios alimentares como anorexia.

Além disso, quem segue uma dieta vegana ou vegetariana pode ter maiores dificuldades de ingerir as quantidades necessárias de vitaminas do complexo B, principalmente da vitamina B12, que é encontrada em alimentos de origem animal. Nesses casos, a suplementação também é indicada. Existem inclusive injeções apenas desta vitamina para quem tem deficiência de vitamina B12.

Mulheres grávidas ou amamentando também devem ficar atentas aos níveis de vitaminas do complexo B pois a deficiência desses nutrientes pode causar danos neurológicos ou defeitos congênitos no feto ou no bebê.

Idosos também podem apresentar maior dificuldade para absorver as vitaminas do complexo B devido à redução da produção de ácido no estômago, que é essencial para a digestão e absorção dessas vitaminas, e podem precisar do suplemento.

Ao usar complexo B injetável, essas pessoas podem ser beneficiadas com:

  • Redução do estresse;
  • Melhoria do humor;
  • Redução da fadiga;
  • Disposição e energia;
  • Melhoria de funções cognitivas;
  • Prevenção e tratamento de doenças mentais como ansiedade e depressão.

A mistura de vitamina C e complexo B injetável é interessante em casos de anemia profunda, em que a vitamina C tem um papel de fortalecer o sistema imunológico e auxiliar na absorção de ferro. Além disso, a vitamina C traz diversos benefícios para a saúde da pele e prevenção de doenças.

Por que optar pela injeção?

Se existem formas mais fáceis de tomar a vitamina, como a partir de alimentos e suplementos vitamínicos orais, por que usar a injeção do complexo multivitamínico?

Quando as vitaminas do complexo B são ingeridas por via oral, os ácidos estomacais e as enzimas do sistema digestivo atacam a estrutura das moléculas das vitaminas. Ao usar injeções, as vitaminas não precisam passar pelo sistema digestivo e caem direto na corrente sanguínea, o que aumenta a taxa de absorção e a retenção dos nutrientes.

Isso é muito importante em casos graves de deficiência em que a pessoa precisa de absorção rápida e eficaz.

Como aplicar

Além de suplementos orais líquidos e em cápsulas, o complexo B está disponível em ampolas para administração intravenosa.

A ingestão recomendada dessas vitaminas varia de acordo com fatores como idade, demanda de nutrientes, sexo e condições de saúde.

A dosagem pode variar de acordo com recomendação médica, mas geralmente são administradas doses de 0,25 a 2 mL do composto. O ideal é ler a bula e consultar um profissional da saúde para estabelecer a melhor dosagem para o seu caso.

Geralmente é indicada a aplicação de uma ou duas ampolas a cada dois dias. É necessário a presença de um profissional para aplicar a injeção da maneira adequada.

Efeitos colaterais

O complexo B em si, quando usado em excesso, pode causar efeitos colaterais como vômitos, alto nível de açúcar no sangue, rubor na pele, alteração da cor na urina e danos no fígado.

Através da administração de complexo B injetável intravenosa, é possível a ocorrência de alguns efeitos adversos, tais como: diarreia transitória leve, trombose vascular periférica, sensação de inchaço no corpo, dor intramuscular e prurido. Em casos mais graves, a pessoa pode sofrer um choque anafilático se for alérgico a algum componente da injeção.

Esclarecimentos sobre vitamina B12 e perda de peso

Diversos sites na internet indicam o uso de vitamina B12 injetável para emagrecer e inclusive vendem ampolas próprias para esse fim afirmando que seu uso acelera o metabolismo e te dá mais energia, levando à perda de peso.

Porém, de acordo com a Mayo Clinic, uma organização sem fins lucrativos sobre prática clínica, educação e pesquisa, não há evidências científicas sólidas de que injeções de vitamina B12 ajudem no emagrecimento.

Considerações Finais

Dessa forma, seja cauteloso e só use complexo B injetável sob orientação médica e em casos de necessidade real e em nenhuma hipótese use essas injeções com o intuito de emagrecer. Lembre-se de que em um processo de emagrecimento, uma substância não será a única responsável pela perda de peso. É preciso aliar qualquer tipo de suplemento com uma alimentação balanceada e com atividades físicas adequadas.

Além disso, antes de buscar um suplemento vitamínico, é importante saber que a melhor fonte de vitaminas sempre são os alimentos, que são capazes de fornecer diversos outros tipos de nutrientes para o nosso organismo.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Referências Adicionais:

Você já precisou aplicar o complexo B injetável por algum motivo como deficiência de nutrientes? Como funcionou e os resultados obtidos? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (15 votos, média: 4,13 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite


ARTIGOS RELACIONADOS

2 comentários

  1. Sim por conta de crise de ansiedade

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*