Dieta japonesa – Como funciona, cardápio e dicas

Especialista:
atualizado em 16/11/2020

Criada para estimular a perda rápida de peso, a dieta japonesa promete reduzir de 6 kg a 8 kg em uma semana de dieta.

Entretanto, a redução de peso varia de pessoa para pessoa, conforme seu estado de saúde, peso, hábitos de vida e produção hormonal, por exemplo.

Como funciona

dieta japonesa

O cardápio não é baseado nos pratos típicos da cultura japonesa com os quais estamos acostumados. Inclusive, por falar nisso, você gostará de saber se a comida japonesa que estamos acostumados a consumir engorda.

As refeições da dieta japonesa contam com frutas, legumes e verduras. Mas é difícil manter a dieta, pois ela permite fazer só três refeições diárias e com pouca comida. Além disso ela restringe os carboidratos e até proteínas de origem animal.

Em geral, a dieta japonesa se baseia no consumo de pequenos pratos, com ingredientes simples, frescos e sazonais, que devem ser minimamente processados.

Além disso o consumo de chás e cafés é permitido, e uma dica importante é a de beber bastante água ao longo do dia para desintoxicar o corpo e ajudar a controlar a fome. A água tem um efeito diurético natural que ajuda a eliminar os fluidos retidos no corpo, junto com as toxinas.

As fibras presentes nos vegetais ingeridos na dieta também precisam de água para adicionar volume às fezes, facilitando assim o fluxo intestinal. Entenda melhor como a água ajuda a perda de peso.

Veja abaixo o vídeo da nossa nutricionista falando sobre o motivo dos japoneses serem magros, ou continue a leitura mais abaixo, para ver o cardápio, dicas e cuidados da dieta japonesa.

Vídeo: Porque os japoneses são magros

Dieta barata

A dieta japonesa não é difícil de fazer. Os alimentos utilizados são de fácil acesso e de custo baixo.

Os alimentos básicos da dieta japonesa são uma boa fonte de proteína, que pode ser o frango ou os ovos, por exemplo, além de frutas e vegetais. Todos são alimentos bastante acessíveis e baratos.

Em algumas versões da dieta, o arroz cozido no vapor e o macarrão também estão liberados, mas nesse caso trata-se mais de uma reeducação alimentar do que de uma dieta para emagrecimento rápido.

Dicas

  • Motivação: A dieta japonesa pode proporcionar momentos de desânimo e grande ansiedade. Se você quiser realmente seguir esta dieta, deve lembrar dos resultados que está buscando;
  • Não pule refeições: Seu corpo já estará deficiente em relação à uma alimentação normal, então não pule refeições, já que você só terá 3 ao dia;
  • Exercícios físicos: Lembre-se que carboidratos são fundamentais para quem pratica atividades físicas intensas, então mantenha o corpo em movimento durante a dieta, mas de forma moderada;
  • Estilo de vida: Os japoneses estão entre as pessoas mais saudáveis do mundo. Eles têm a maior expectativa de vida, além de ter a menor taxa de obesidade. Adote esse novo estilo de vida. Confira por que a dieta japonesa faz as pessoas viverem mais.

Cardápio da dieta japonesa

A seguir, você verá o cardápio da dieta japonesa durante os 7 dias da semana.

Segunda-feira:

  • Café da manhã: Café ou chá com adoçante;
  • Almoço: Dois ovos cozidos com sal e verduras;
  • Jantar: Um bife grande com salada de pepino e alface.

Terça-feira:

  • Café da manhã: Café ou chá com adoçante e um biscoito água e sal;
  • Almoço: Verduras e frutas, e um bife grande;
  • Jantar: Apenas presunto à vontade.

Quarta-feira:

  • Café da manhã: Café ou chá com adoçante, e um biscoito água e sal;
  • Almoço: Dois ovos cozidos, salada e tomate à vontade;
  • Jantar: Salada de repolho, cenoura e chuchu à vontade.

Quinta-feira:

  • Café da manhã: Café ou chá com adoçante, e um biscoito água e sal;
  • Almoço: Um ovo cozido, cenoura crua ou cozida à vontade, e uma fatia de queijo muçarela;
  • Jantar: Salada de fruta à vontade e um iogurte natural.

Sexta-feira:

  • Café da manhã: Café ou chá com biscoito água e sal;
  • Almoço: Tomate à vontade, e filé de peixe frito;
  • Jantar: Bife e salada de frutas à vontade.

Sábado:

  • Café da manhã: Café ou chá com biscoito água e sal;
  • Almoço: Frango assado a vontade;
  • Jantar: Dois ovos cozidos com sal.

Domingo:

  • Café da manhã: Café ou chá com biscoito água e sal;
  • Almoço: Um bife grande e frutas à vontade;
  • Jantar: Comer o que quiser, restrito aos alimentos já consumidos anteriormente nesta dieta.

Os perigos da dieta japonesa

Dietas restritivas como a dieta japonesa podem provocar grande perda de massa muscular e mal estar. Dessa maneira, a ideia é seguir a dieta por apenas sete dias e depois adotar uma alimentação saudável, não tão restritiva, pois o seu corpo poderá reagir negativamente à carência de carboidratos, proteínas, vitaminas e minerais imposta pela dieta.

Dessa maneira, mostra-se mais saudável investir em uma reeducação alimentar a longo prazo do que em uma dieta restritiva como esta

É importante que você priorize o seu bem-estar e analise suas reações. Então se tiver tonturas, fraquezas e outras reações adversas, você deverá procurar rapidamente ajuda médica. Para evitar esse tipo de problema, só inicie a dieta japonesa após consultar o médico e o mesmo autorizar.

Conte ainda com o acompanhamento de um nutricionista durante todo o processo. O profissional poderá adaptar a dieta japonesa de modo que ela não seja tão restritiva e não prejudique tanto o seu organismo, privando-o dos nutrientes e da energia que ele precisa para funcionar adequadamente.

Aproveite para conferir vídeos da nossa nutricionista analisando se a comida japonesa engorda.

Vídeo: Comida japonesa engorda? Dicas e cuidados.

Gostou das dicas?

Você já tinha ouvido falar na dieta japonesa, diferente da culinária japonesa? Acha que seria capaz de segui-la pelo tempo determinado? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (164 votos, média: 3,91 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

94 comentários em “Dieta japonesa – Como funciona, cardápio e dicas”

  1. Eu amei a dieta japonesa perdi 52 quilos a 20 anos atrás pois eu pensava 103.fiquei 6 anos sem ganhar uma grama.e agora tive um filho fiquei pensando 88.fiz novamente. Esses dias. Em 7 dias perdi 5 quilos estou satisfeita mais preciso perde mais 15. Vou continuar por mais 2 semanas ?essa foi a melhor dieta q já fiz pq consegui o q nenhuma outra consegue foi difícil mais o resultado foi maravilhoso.agora vou fazer e vou também entra em uma academia.pra ajuda a perder mais rápido.e fica em forma.

  2. Olá, essa dieta é maravilhosa ela funciona mesmo, além de ser fácil, eu estava pesando 75k fiz a dieta na primeira semana e perdi 6k, fiz novamente na outra semana e agora estou com 60k, é maravilhosa, estou começando de novo pois quero ficar com 50k.

  3. Realizei a dieta na semana passada, emagreci 5kg em 7 dias. Sem qualquer atividade física, até mesmo porque me sentia muito fraca durante a dieta.
    Em 2003 engordei mais de 20kg na gestação do meu primeiro filho, foi quando conheci a dieta japonesa e me comprometi a realizá-la em duas semanas, não consecuctivas, na época emagreci 12kg.
    Desta vez estou recomeçando a dieta para emagrecer mais 5 kg, mas pretendo agora adicionar caminhadas.
    Obrigada ao mundo boa forma pela disponibilização desta dieta de curto prazo e, principalmente, pelas dicas de rotina de vida para emagrecimento saudável!!!

  4. Estou começando a dieta hoje 12/11 com 72 kg! Vou fazer ela por 14 dias, assim que acabar volto aqui pra dá noticias boas ?

  5. Começando hoje, 13/10/18. Daqui a uma semana volto pra contar. Sei que não vai ser fácil, mas tudo que eé reapllmente desejado vem do esforço.

  6. Olá!Nunca fiz dieta,mas gostei muito dessa e estou muito animada para fazer!Estou pesando 74.500 kl,vou começar a dieta logo!

  7. Olá bom dia tenho 24 anos tenho 1 filho peso 98kilos isso me deixa muito triste, mas quando penso que ainda tem solução fico muito feliz, QUERO começar essa dieta desde já como eu nunca fiz dieta se alguém puder me ajudar, me tirar algumas dúvidas pessoalmente… ficarei muito grata pois não sei o tipo de chá que devo usar, eu não suporto café ainda mais sem açúcar, me deem soluções preciso de AJUDA URGENTE pfvr 21987950380.

  8. Ola,tenho 48 anos e 89 kg ,achei hj essa dieta e fiquei super animada com os comentarios,nao vou deixar pra segunda vou começar amanha..Dps dos 7 dias volto a fala como estou..FOCO…

  9. Fiz essa dieta muito tempo. E po acaso achei ela novamente eu perdir 30 quilos na epoca e mantive meu peso 5 anos depois voltei a engordar vou comecar ela de novo mesmo q nao seja o resultado daquela epoca temosqie mudar abitos e ter vida mais saudavel. Muito obrigado quem fez essa dieta

  10. Olá,

    Fiz essa dieta por 2 semanas e perdi 10 kg. Como sou viciado em café, ao longo desses dias tomei muito café com adoçante ou sem açúcar. E também tomava suco de cenoura, com couve, laranja e limão sem adoçante. Teve vez que a fome era grande comia um biscoito água e sal ou ovo. Essa fome sempre ocorria durante a noite. Estou indo para terceira semana, espero que consiga eliminar mais 4 kg ou mais.

    Ela funciona mesmo. Basta seguir o que ela diz

  11. Comecei hoje estou com 72 kg, realmente a falta do açúcar dá um desânimo, mas vou continuar firme.
    Depois conto pra vocês como foi e quanto emagreci

  12. Vou começa hoje essa dieta , tenho 1,68 e peso 105kg . Depois eu volto para falar como foi ! Com esses comentários me motivou muito