Pipoca Faz Mal Para Gastrite?

Especialista:
atualizado em 20/12/2019

Simples e geralmente rápida de ser preparada, a pipoca pode ser companheira em diversos momentos do dia a dia. Tem gente que come enquanto assiste a um filme no cinema, por exemplo. Também existem aqueles que a escolhem como aperitivo para torcer por seu time de futebol enquanto acompanha a partida pela televisão.

Ela também pode servir de lanchinho para quem passeia na praça ou para as crianças depois de uma sessão de brincadeiras com os colegas.

Mas será que há algum problema em ingerir a pipoca? Quais são os efeitos do alimento? Por exemplo, será que comer pipoca faz mal para gastrite?

A gastrite

Entretanto, antes de sabermos se a pipoca faz mal para gastrite, vamos dar uma contextualizada e conhecer melhor do que se trata a condição. Pois bem, a doença é caracterizada pela inflamação ou infecção da parede do estômago.

Sua origem pode ter diversas fontes – uma bactéria chamada Helicobacter pylori, vírus, parasitas, fungos ou o refluxo da bile para dentro do estômago. Além disso, existem duas formas de gastrite: a aguda – que tem uma duração de pouco tempo – e a gastrite crônica – cujo período de duração pode ser de meses e, inclusive, anos.

Quando uma pessoa tem gastrite, a mucosa que protege a sua parede estomacal enfraquece. Com isso, os sucos digestivos produzidos pelo estômago danificam o tecido de revestimento do órgão.

Entre os sintomas da condição, estão: azia, perturbação estomacal, indigestão, dor abdominal, diminuição do apetite, náusea, soluço, fezes escuras e vômito, que possivelmente vem acompanhado de sangue ou substâncias que se assemelham com borras de café. As informações são do Centro Médico da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos.

Pipoca faz mal para gastrite? 

Parte do tratamento da gastrite inclui evitar alimentos que causem uma irritação ainda maior ao estômago como é o caso das comidas ricas em gorduras e das bebidas ácidas.

No entanto, onde é que a pipoca entra nisso tudo? De acordo com o site do médico especialista em cirurgia do aparelho digestivo, Carlos Sabbag, o aperitivo entra na categoria dos alimentos que não são recomendados para as pessoas diagnosticadas com a gastrite.

Na página, o médico não especifica por que a pipoca faz mal para gastrite. Entretanto, um dos motivos que podemos levantar para isso é o fato de algumas versões da pipoca poderem ser cheias de gorduras.

Por exemplo, uma porção de 50 g de pipoca de micro-ondas pode carregar 16,5 g de gorduras. Enquanto isso, a mesma quantidade de pipoca com manteiga feita no óleo pode trazer quase 19 g de gorduras e 50 g da pipoca feita somente com o óleo podem apresentar pouco mais que 14 g de gorduras.

Por outro lado…

Uma pergunta publicada no Health Tap, que conecta indagações de internautas a respeito da saúde com médicos que dão as respostas a esses questionamentos, uma pessoa perguntou se alguém diagnosticado com gastrite pode consumir ou não a pipoca.

Quem respondeu foi o médico americano Jonah Essers, que é especialista em pediatria e gastroenterologia. O profissional alegou que se o médico que cuida do caso em particular não colocou restrições em relação ao uso da pipoca, o indivíduo pode tentar comer o alimento para saber como se sente.

Além disso, comer alimentos ricos em fibras ao mesmo tempo em que evita fontes não saudáveis de gordura pode contribuir com a prevenção ou minimização dos sintomas da gastrite.

A pipoca é um desses alimentos que servem como fonte de fibras – para exemplificar, uma porção de 50 g de pipoca em óleo é composta por 5 g do nutriente.

Para combater o excesso de gorduras que uma pipoca pode carregar, uma alternativa é preparar o alimento de maneira natural – nada de pacotinho no micro-ondas – e sem óleo ou manteiga. Estamos falando aqui da pipoca com água, cuja receita você confere a seguir:

Ingredientes: 

  • Papel filme;
  • 1 colher de sopa de água para cada 1 colher de sopa de milho;
  • 1 pitada de sal.

Modo de preparo:

  1.  Colocar a pipoca e a água em um recipiente alto que possa ir ao micro-ondas;
  2. Misturar e cobrir com o papel filme. Fazer furinhos com um palitinho para que o vapor possa sair da tigela e levar ao micro-ondas durante aproximadamente cinco minutos. O tempo pode variar de acordo com a potência do aparelho, portanto, fique de olho no barulho – um sinal de que a pipoca está pronta é o fato de intervalo entre um estouro e outro ser de cerca de quatro minutos.

Atenção: isso não é um diagnóstico 

Quem realmente pode determinar se pipoca faz mal para gastrite ou não e o que uma pessoa diagnosticada com gastrite pode comer é o médico que identificou que ela tem a condição e/ou que é responsável por seu tratamento.

Portanto, se você possui a doença, sente com o seu médico de confiança e converse com ele para saber se o alimento está liberado para você, mesmo nos casos em que é preparado sem óleo ou manteiga.

O que registramos aqui serve como informação, porém não pode e nem deve, de maneira alguma, substituir as orientações de um médico.

Vídeo:

Gostou das dicas?

Você já tinha ouvido falar se a pipoca faz mal para gastrite ou não? Já foi diagnosticado com essa condição e precisa de uma dieta especial por conta disso? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (16 votos, média: 4,44 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário

5 comentários em “Pipoca Faz Mal Para Gastrite?”

  1. Eu também estou passando por isto oe não sei o que comer no lanche sinto faulta da pipoca na a do microonda fala um poco sobre pipoca e se pode prepara ela no azeite beijos obrigada

  2. Parei de comer pipoca,sempre que comia sentia dores horríveis poucas horas após a ingestão, nunca associava pipoca com dor,Mas um dia resolvi fazer um teste e comi pipoca e as dores vieram, A pipoca é de dificdifícil digestão para algumas pessoas que tenham algum problema estomacal assim como eu tenho gastrite nervosa, fica a dica.

  3. Tenho problemas de refluxo e gastrite crônica e comer pipoca me faz muito mal. E olha que nao uso gordura.

  4. Pipoca faz mal sim para a gastrite, mas não por suas substâncias. A pipoca é de difícil digestão, forçando o estômago a trabalhar de forma mais intensa, piorando os sintomas da doença. Por isso, assim como a pipoca, todo alimento de difícil digestão deve ser cortado até a recuperação total do órgão.