Suco de Inhame para Gripe – Como Fazer e Tomar?

Especialista:
atualizado em 16/04/2020

Aprenda como fazer e como tomar o suco de inhame para gripe e veja se essa pode ser realmente uma das utilidades e benefícios da bebida.

Embora saibamos que uma hora a gripe passa para a maioria das pessoas, enquanto os seus sintomas persistem, a situação é extremamente incômoda. Por isso, para dar uma aliviada, algumas pessoas podem recorrer a receitas caseiras como o suco de inhame para gripe. Mas será que a bebida realmente surte efeito?

Se você é daqueles que goste de experimentar receitas caseiras para gripe, com certeza também vai gostar de descobrir se fazer gemada para gripe funciona.

Sobre a gripe

A gripe é uma infecção de origem viral que atinge o sistema respiratório – o que envolve o nariz, a garganta e os pulmões. Inicialmente, os sintomas da condição são similares ao de um resfriado comum, incluindo nariz escorrendo, espirros e dor de garganta.

Entretanto, enquanto um resfriado se desenvolve lentamente, a gripe costuma aparecer de forma repentina e traz uma sensação bem pior do que o desconforto do resfriado. Veja em mais detalhes todas as diferenças entre gripe e resfriado.

Os principais sintomas de um quadro de gripe também podem incluir febre acima dos 38º C, dores musculares, calafrios, transpiração, tosse seca e persistente, fadiga, fraqueza e congestão nasal.

Para as pessoas mais novas e saudáveis, a gripe sazonal não costuma ser séria, mas para as crianças com menos de cinco anos (especialmente as menores de 12 meses), os adultos com mais de 65 anos, os moradores de asilo ou outras instituições de saúde, as gestantes e as mulheres no período de até duas semanas pós-parto, as pessoas com sistema imunológico enfraquecido, os pacientes com doenças crônicas e as pessoas muito obesas, com Índice de Massa Corporal (IMC) de 40 ou mais, os riscos de desenvolver as complicações da gripe são mais elevados.

Entre essas complicações, encontram-se: infecções no ouvido, bronquite, ataques de asma, problemas no coração e pneumonia – a última é a mais grave e pode ser fatal para os adultos mais velhos e as pessoas que sofrem com uma doença crônica.

E então, o suco de inhame para gripe é bom mesmo?

De acordo com especialistas, geralmente não se precisa de nada além de repouso e da ingestão de muito líquido para tratar uma gripe. Também podem ser usados medicamentos de venda livre para amenizar a dor.

Nos casos em que a infecção for severa ou que o paciente fizer parte do grupo para o qual há maior riscos de complicações da doença, o médico poderá prescrever um remédio antiviral para encurtar a doença e ajudar a prevenir que ocorram complicações graves. Conheça mais detalhadamente quais podem ser os medicamentos mais usados para gripe.

No entanto, existe uma receita de suco de inhame para gripe que pode ser preparada à base de um inhame, uma maçã, um limão, 500 ml de água de coco, uma colher de chá de pólen e 15 gotas de própolis.

Os ingredientes devem batidos ao longo de três a cinco minutos no liquidificador. O suco serve para auxiliar a aumentar a imunidade e prevenir doenças comuns dos períodos mais frios do ano. Entre essas condições, pode estar a gripe.

O problema é que embora acredite-se que bebida possa ter alguma utilidade em termos de prevenção, não dá para afirmar que tomar este suco de inhame para gripe vai curar a doença quando ela já estiver estabelecida no organismo de uma pessoa.

Como o suco de inhame pode ajudar a prevenir a gripe?

A nutrição do inhame pode ser a resposta por trás do motivo pelo qual algumas pessoas aderem ao suco à base do alimento para melhorar a imunidade e prevenir a gripe.

Segundo a nutricionista Cheri Bantilan, os inhames servem como fonte de ingredientes importantíssimos para o funcionamento apropriado do organismo humano como carboidratos, fibras, manganês, magnésio, cobre, potássio, vitamina B1, vitamina B5, vitamina B9 e vitamina C, e por isso existem tantos benefícios do inhame para a saúde e boa forma.

O tubérculo apresenta quantidades razoáveis da vitamina C, que é classificada como um poderoso antioxidante que pode estimular o sistema imunológico.

A Harvard Health Publishing (Publicação de Saúde de Harvard, tradução livre) também apresentou a vitamina C como um nutriente que o organismo humano necessita obter para a sua função imunológica. Entretanto, a publicação ressaltou que a vitamina C precisa ser consumida diariamente, não somente quando os sintomas de uma doença começam a aparecer.

O presidente do departamento de obstetrícia e ginecologia e saúde reprodutiva do Centro Médico Universitário de Hackensack, nos Estados Unidos, Manny Alvarez, afirma que quem apresenta níveis baixos de vitamina C e vitamina D pode ter como resultado um sistema imunológico enfraquecido, o que pode tornar a pessoa propensa a sofrer com infecções virais, como é o caso da gripe.

“Eu acredito nas vitaminas C e D como vitaminas essenciais que, em níveis saudáveis, podem retardar a progressão de uma infecção viral. Mas não existe uma indicação clara de que essas vitaminas são preventivas e, portanto, não podem ser equiparadas à vacina da gripe e à boa higiene”, ponderou Alvarez.

Os carotenoides

Os inhames também servem como fonte de carotenoides, um grupo de fitonutrientes encontrada na composição de frutas e vegetais com pigmentos amarelos, vermelhos e laranjas. Entre os benefícios atribuídos a essas substâncias, está justamente o estímulo ao sistema imunológico.

Com tudo isso em mente, o que podemos afirmar que não é apenas o consumo do inhame na forma de suco ou em qualquer outra receita que garante o fortalecimento da imunidade ou a prevenção contra a gripe.

Para manter o organismo saudável, forte e protegido contra doenças é fundamental certificar-se que toda a dieta seja bastante nutritiva, composta não somente pelos alimentos ricos em carotenoides ou por fontes ricas em vitamina C, mas também por comidas e bebidas que forneçam todos os outros minerais, vitaminas, fibras, antioxidantes, proteínas, carboidratos e gorduras que o corpo necessita para funcionar direitinho.

Cuidado: há um tipo de inhame que não pode ser consumido cru!

Um suco de inhame cru sempre deve ser preparado com o inhame do tipo cará e jamais com o inhame do tipo taro. Enquanto a variedade cará é o mais conhecida e pode ser consumida crua, a variedade taro jamais deve ser ingerida dessa crua porque desse modo pode ser bastante perigosa para a saúde.

Tanto o inhame cará quanto o inhame taro possuem uma substância conhecida pelo nome de ácido oxálico, que provoca sensação de coceira e formigamento nos lábios, gargantas e mãos. Entretanto, o inhame cará é composto por outras substâncias chamadas de fitatos e taninos que podem causar mais problemas como vômito, intoxicação alimentar, náuseas e diarreia.

Isso ocorre porque o corpo humano não dá conta de eliminar essas toxinas naturalmente, sobrecarregando órgãos como os rins. Para livrar-se dessas substâncias é necessário cozinhar o inhame taro.

Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar do uso de suco de inhame para gripe? Já experimentou? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário