Xarope de Hortelã – O Que é, Para Que Serve, Como Tomar e Como Fazer

Especialista:
atualizado em 20/05/2020

Veja o que é e para que serve o xarope de hortelã, além de conhecer como fazer o seu próprio e como tomar para os melhores resultados.

Quando uma pessoa adoece, não é incomum que alguém recomende o uso de um xarope para amenizar a situação. Vamos falar a respeito de um xarope em especial – o xarope de hortelã – e saber quais podem ser as suas serventias, além de aprender algumas maneiras de como prepará-lo.

Antes disso, que tal conhecer os benefícios da hortelã em si e também aprender como fazer chá de hortelã, uma outra receita interessante com essa erva.

O que é e para que serve o xarope de hortelã?

A hortelã é uma planta aromática conhecida por ser dotada de propriedades antioxidantes, além de possuir doses de nutrientes como ferro, cálcio fósforo, potássio, vitamina A, vitaminas do complexo B e vitamina C em sua composição.

A planta já foi associada a benefícios como efeito expectorante, auxílio à digestão e contribuição com a diminuição dos gases.

Por sua vez, o xarope de hortelã é uma receita que pode aparecer na companhia de ingredientes como limão, gengibre, alho, mel, guaco, cravo-da-índia e cenoura, por exemplo, em preparações caseiras que prometem auxiliar o tratamento da tosse e da gripe, por exemplo. Aproveite para conferir outras opções de remédio caseiro como esses chás para tosse.

Um documento da Biblioteca Virtual em Saúde da Atenção Primária em Saúde do Ministério da Saúde apontou que o xarope de hortelã pode promover benefícios como alívio da tosse, efeito anestésico para dores de cabeça e nas articulações, combate a resfriados e gripes e impedimento da formação de muco nas vias respiratórias.

Há ainda o xarope de hortelã-de-folha-grossa que, de acordo com o documento da Biblioteca Virtual em Saúde, é empregado para auxiliar o tratamento da rouquidão, da tosse e do broncoespasmo.

Entretanto, como o próprio nome já entrega, o fato de se tratarem de receitas caseiras não garante que elas darão certo para todo mundo e muito menos que serão a cura para todos os problemas citados. A ideia aqui é que elas simplesmente podem ajudar quem está enfrentando esses problemas.

Portanto, por questões de segurança, para saber se a receita não pode te fazer mal, e para assegurar que um xarope de hortelã realmente possa auxiliar o seu caso em particular, o ideal é que você consulte o médico antes de aderir à preparação em uma tentativa tentar amenizar os problemas citados.

Aproveite a conversa com o médico para questionar o profissional qual o modo indicado em que você deve tomar a preparação, tendo em vista as particularidades do seu caso e da sua saúde: em qual dosagem diária, em que horários e por qual período máximo de tempo.

Como fazer xarope de hortelã

Receita 1

Ingredientes:

  • Suco de 1 limão;
  • 1 colher de chá de casca de limão ralado;
  • 1 colher de chá de gengibre ralado;
  • 3 dentes de alho ralados;
  • Folhas de hortelã a gosto;
  • Mel a gosto.

Modo de preparo:

Lavar bem a casca do limão; Em um pote de vidro esterilizado misturar o suco de limão, a casca ralada da fruta, o gengibre, o alho, o mel e as folhas de hortelã por último. Quanto maior for a quantidade de mel escolhida, mais fraco o xarope ficará; Tampar o vidro e armazenar na geladeira.

Como tomar? A recomendação é consumir uma colher de sopa do xarope três vezes ao dia.

Receita 2

Ingredientes:

  • 2 ramos de hortelã;
  • 5 folhas de guaco;
  • 1 cenoura descascada, lavada e fatiada;
  • 1 colher de chá de mel.

Modo de preparo

Passar a hortelã, o guaco e a cenoura na centrífuga para misturar; Em seguida, coar a mistura obtida e adoçar com o mel. Transferir o xarope para um pote esterilizado de vidro e tampar. Armazenar na geladeira.

Como tomar? A orientação é consumir 20 ml do xarope várias vezes ao dia.

Receita 3

Ingredientes:

  • 10 folhas de hortelã;
  • Água fervente;
  • Açúcar;
  • Cravos-da-índia.

Modo de preparo:

Fazer uma infusão de hortelã: colocar as folhas em um recipiente, adicionar água fervente em cima delas e tampar; Deixar descansar por cinco minutos, coar e transferir para uma panela.

Levando em conta a quantidade de chá, adicionar a mesma quantidade de açúcar na panela, misturar e levar ao fogo para ferver, mexendo sempre. Enquanto dissolve o açúcar, acrescentar alguns cravos-da-índia para auxiliar a conserva;

Transferir o xarope de hortelã obtido para um pote de vidro esterilizado, tampar e armazenar na geladeira.

Como tomar: Aconselha-se consumir três ou mais colheres do xarope de hortelã por dia. A receit foi ensinada por um documento da Biblioteca Virtual em Saúde da Atenção Primária em Saúde do Ministério da Saúde.

Cuidados com o xarope de hortelã

De acordo com informações da Biblioteca Virtual em Saúde da Atenção Primária em Saúde do Ministério da Saúde, nenhum tipo de xarope caseiro pode ser administrado para crianças com menos de seis meses de idade.

Além disso, nenhum xarope composto por guaco e/ou mel (ingredientes que aparecem em receitas de xarope de hortelã) podem ser consumidos por crianças com menos de um ano de idade, devido ao potencial anticoagulante da substância cumarina presente nas folhas de guaco, cuja utilização prolongada pode provocar acidentes hemorrágicos, e por conta do risco de transmissão de botulismo por meio do mel.

Vale destacar ainda que a hortelã é contraindicada para mulheres grávidas, mulheres em fase do aleitamento, crianças com menos de cinco anos de idade e pessoas que sofrem com refluxo grave ou hérnia de hiato.

A hortelã pode provocar efeitos colaterais como alterações no ritmo intestinal, incluindo diarreia e prisão de ventre, e reações alérgicas como vermelhidão, coceira e urticária (erupção ou lesão na pele com manchas vermelhas e coceira).

Caso você ou alguém que você conhece passe mal depois de tomar o xarope de hortelã, apresentando algum desses sintomas ou ainda qualquer outro tipo de efeito colateral, procure rapidamente o auxílio médico, mesmo que não imagine se tratar de um problema tão grave assim.

Isso é necessário para verificar a real seriedade da reação adversa em questão, receber o tratamento apropriado e saber se deve continuar ou não a fazer uso da preparação em seu dia a dia.

Você já conhecia o xarope de hortelã e suas utilidades? Pretende aprender como fazer e experimentar? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário