Óleo de romã

10 Benefícios do Óleo de Romã – Para Que Serve e Como Fazer Caseiro

A romã é uma fruta que já era apreciada pelos antigos egípcios e que é composta em seu interior por  camadas de tecidos esponjosos e amargos de pequenas sementes, que são cheias de antioxidantes e ácidos graxos.

E é justamente a partir das sementes da fruta que é obtido o chamado óleo de romã. Vamos conhecer alguns benefícios do óleo de romã para a beleza e saúde em geral?

Para que serve – 10 benefícios do óleo de romã

1. Elasticidade e regeneração da pele

A médica naturopata e professora universitária Shavon Jackson-Michel relatou que segundo o banco de dados do Mountain Rose Herb, o óleo das sementes de romã é utilizado na indústria de cosméticos.

De acordo com Jackson-Michel, um dos benefícios do óleo de romã é que ele melhora a elasticidade da pele, além de fazer com que as células velhas da pele sejam descamadas de maneira mais rápida.

Se essas células velhas – também conhecidas como queratinócitos – permanecem na pele, podem colaborar com a opacidade e o espessamento da pele. Já quando são eliminadas apropriadamente, dão espaço para a regeneração das células e para a criação de novas células.

2. Alívio da irritação na pele 

O Beverly Hills MD Cosmeceuticals recomendou esfregar gentilmente algumas gotinhas de óleo de romã para amenizar a irritação na pele. O produto possui qualidades anti-inflamatórias potentes, graças à presença de flavonoides e do ácido punícico em sua composição.

3. Ajuda a desacelerar da formação de rugas

Outro dos benefícios do óleo de romã é poder auxiliar a tornar mais lento o processo de formação de rugas, que é atribuído ao fato do produto servir como fonte de antioxidantes.

Vale lembrar que os antioxidantes são conhecidos por combaterem os chamados radicais livres, substâncias prejudicais ao organismo e associadas ao envelhecimento precoce.

4. Hidratação

Aconselha-se também pingar umas gotinhas de óleo de romã no hidratante convencional para ajudar a combater o ressecamento da pele.

O óleo de romã apresenta qualidades hidratantes que servem tanto para a pele seca quanto para a pele oleosa. O produto não deixa uma película gordurosa ou obstrui os poros, porém, penetra profundamente, resultando em uma hidratação duradoura.

5. Auxílio à prevenção de espinhas

Os antioxidantes encontrados na composição do óleo de romã podem contribuir com o controle da produção de sebo (óleo) na pele, diminuindo assim o potencial do surgimento de espinhas.

Além disso, por conta das propriedades anti-inflamatórias do produto, ele pode colaborar com a redução da inflamação de uma espinha, uma vez que um surto já tiver iniciado.

6. Ajuda ao processo de cura de féridas

O ácido punícico traz mais benefícios do óleo de romã, como acelerar o processo de cura de feridas e promover a síntese de proteínas e do colágeno, elementos necessários para a regeneração da pele.

As feridas tratadas com o óleo das sementes de romã têm uma propensão menor de ficarem inflamadas, graças aos flavonoides presentes no produto.

7. Combate ao câncer de mama

Um estudo divulgado no ano de 2010 e realizado por um pesquisador da Universidade de Minnesota nos Estados Unidos, ao lado de seus colegas, indicou que o ácido punícico do óleo das sementes de romã mostrou atuar na inibição a proliferação do câncer de mama.

Obviamente, não dizemos aqui que a cura da doença é um dos benefícios do óleo de romã, apenas reportamos o indício que foi apresentado na pesquisa. Se você tem câncer de mama, converse com o seu médico a respeito da utilização do produto.

8. Auxílio à redução da inflamação

O óleo das sementes de romã possui algumas propriedades anti-inflamatórias que podem ajudar a diminuir o inchaço e a dor associadas a condições como artrite, distúrbios da articulação, dores de cabeça e hemorroidas.

Entretanto, consulte o seu médico antes de utilizar o produto para auxiliar o tratamento de qualquer uma dessas condições.

9. Memória 

Substâncias conhecidas como polifenóis são encontradas nas sementes de romã (que dão origem ao óleo) e no suco dessas sementes.

Um estudo divulgado na publicação Evidence-Based Complementary and Alternative Medicine (Medicina Alternativa e Complementar Baseada em Evidências, tradução livre) sugeriu que os polifenóis podem oferecer benefícios do óleo de romã como a proteção de longa duração contra o déficit de retenção da memória induzido pela cirurgia no coração.

10. Colaboração com a diminuição dos níveis de triglicerídeos

Níveis elevados de triglicerídeos estão associados a problemas como obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares.

Um experimento apontou que a administração de dosagens de 400 mg do óleo de romã duas vezes ao dia ao longo de quatro semanas trouxe a diminuição da concentração de triglicerídeos no sangue.

Entretanto, antes de começar a usar o óleo de romã para o seu caso de triglicerídeos altos, você precisa consultar o médico e checar com ele se essa dosagem pode ser utilizada por você e que não poderá te trazer nenhum tipo de problema.

Receita de óleo de romã – Como fazer caseiro

Ingredientes: 

  • 30 g de sementes de romã;
  • 4 xícaras de óleo de jojoba;
  • Panela tipo crock-pot;
  • Jarra;
  • Morim (pano leve e fino de algodão);
  • Tira elástica.

Modo de preparo:

  1. Colocar o óleo de jojoba dentro da panela crock-pot;
  2. Misturas as sementes de romã, selecionar a panela crock-pot no baixo e deixar cozinhar durante seis horas;
  3. Passado esse período, desligar a panela e deixar o óleo esfriar por 15 a 20 minutos;
  4. Tampar a jarra com o morim e prendê-lo com a tira elástica;
  5. Passar o óleo para a jarra por cima do morim para coar as sementes e deixar o óleo dentro da jarra;
  6. Armazenar o óleo de romã no refrigerador em um espaço frio e escuro por até seis meses. 

Cuidados

Antes de experimentar um dos benefícios do óleo de romã para qualquer condição de saúde, é fundamental conversar com o médico para saber se o produto realmente pode ajudar, como deve ser utilizado e se não poderá trazer algum prejuízo à condição e/ou à saúde de maneira geral.

Além disso, é importante perguntar ao médico se o produto não pode interagir negativamente com algum medicamento ou suplemento que você esteja utilizando. A romã pode diminuir a pressão arterial, o que exige cuidado por parte de quem já toma remédios para baixar a pressão.

Aconselha-se também a consultar o médico em relação ao consumo de produtos à base de romã antes ou depois da realização de uma cirurgia.

O que você achou dos benefícios do óleo de romã que separamos acima? Pretende aprender como fazer caseiro para aproveitá-los? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (5 votos, média: 4,20 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)




ARTIGOS RELACIONADOS

Um comentário

  1. Excelente fruta e propriedades…. Curei meu filho de uma Colite ulcerativa com o uso do suco do romã …

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*