Benefícios da Cana-do-Brejo – Como Usar e Como Fazer o Chá!

Especialista:
atualizado em 23/07/2020

Efeito diurético, alívio de dores e desintoxicação: confira os benefícios da cana-do-brejo, para que serve e como preparar o seu chá!

A cana-do-brejo é uma planta medicinal nativa do Brasil que tem um efeito anti-inflamatório responsável pela maioria dos seus benefícios. Algumas dessas propriedades podem fazer com que a cana-do-brejo ajude a emagrecer.

Conhecida cientificamente pelo nome de Costus spicatus, a cana-do-brejo também é popularmente chamada de cana-de-macaco, caatinga, cana-roxa, cana-do-mato e jacuacanga.

Na medicina tradicional, a planta é usada principalmente devido a suas propriedades antissépticas, diuréticas e anti-inflamatórias. A cana-do-brejo é geralmente consumida na forma de chá para aliviar dores e reduzir a retenção de líquidos que muitas vezes é a responsável por aquela saliência na barriga. Confira também outros chás emagrecedores que ajudam a perder barriga.

Benefícios da cana-do-brejo

1. Perda de peso e efeito diurético

Apesar de não ser comprovado pela ciência, a cana-do-brejo pode ajudar a emagrecer de uma forma indireta. Isso porque a ação diurética da planta reduz a retenção de fluidos, diminuindo assim o inchaço e fazendo ir embora alguns gramas ou até quilos.

2. Alívio de dores

As propriedades anti-inflamatórias e analgésicas da cana-do-brejo permitem que ela seja usada para promover o alívio de dores. Povos nativos geralmente usam o chá de cana-do-brejo para tratar cólicas menstruais fortes e dores no corpo.

A planta também contribui para a redução do inchaço causado por lesões ou traumas além de apresentar um efeito antipirético que diminui a febre em casos de infecções.

3. Tratamento de problemas urinários

Inflamações que afetam órgãos que compõem o sistema urinário como os rins, a bexiga e a uretra podem ser tratadas com o auxílio da cana-do-brejo.

O efeito diurético da cana-do-mato ajuda no tratamento de infecções urinarias e de pedras nos rins. O aumento da micção faz com que as bactérias responsáveis pela infecção deixem o corpo através da urina com mais facilidade, assim como acontece em casos de pedras nos rins ou na bexiga que ainda são capazes de sair junto com a urina.

4. Desintoxicação

Junto com a ação diurética, um dos benefícios da cana-do-brejo é o efeito depurativo que ajuda a eliminar toxinas do organismo. A produção aumentada de urina acaba limpando o corpo e eliminando compostos potencialmente nocivos para a saúde.

5. Tratamento da diabetes

Em países como a Republica Dominicana e os Estados Unidos, algumas pessoas usam a cana-do-brejo para tratar a diabetes, no entanto, um estudo publicado em 2010 no Journal of Ethnopharmacology sobre o efeito de um chá de Costus spicatus em camundongos diabéticos do tipo 2 não verificou diferença estatisticamente significativa entre os que usaram o chá e os que não tomaram a bebida. Isso significa que nesse estudo a cana-do-brejo não foi capaz de auxiliar ratos diabéticos a controlar a diabetes.

Porém, um estudo posterior publicado em 2016 no International Journal of Advanced Research in Biological Sciences sugere que o extrato aquoso de Costus spicatus tem um efeito hipoglicêmico relacionado à presença de compostos na cana-do-brejo que otimizam a absorção de açúcar pelo fígado, reduzindo assim os níveis de açúcar no sangue. Os resultados são promissores, mas ainda são necessárias mais pesquisas para estudar mais a fundo as propriedades e os benefícios da cana-do-brejo neste sentido.

Contraindicação e efeitos colaterais

Crianças, grávidas e mulheres amamentando devem evitar o uso da cana-do-brejo sem antes consultar um especialista.

Também é prudente consumir o chá da planta com moderação pois a sua ação diurética e a presença de ácido oxálico podem prejudicar órgãos como os rins a médio e longo prazo, especialmente em pessoas que já sofrem de problemas renais. Se esse é seu caso, vale a pena conferir dicas de uma dieta saudável para insuficiência renal.

Apesar dessas ressalvas, não há relatos de efeitos colaterais relacionados à cana-do-brejo.

Como usar: aproveite os benefícios da cana-do-brejo!

No preparo do chá, é indicado usar entre 5 e 10 gramas de folhas e/ou hastes de cana-do-brejo para cada 200 mililitros de água. Depois de separar os ingredientes, coloque tudo em um recipiente que possa ir ao fogo e deixe a mistura ferver por até 10 minutos. Após isso, coe e o chá de cana-do-brejo estará pronto para ser tomado várias vezes ao dia.

Também é possível usar as hastes da cana-do-brejo para preparar um suco.

As partes secas da planta – como folhas, flores, hastes e raízes – também podem ser encontradas em algumas lojas de produtos naturais, mas o mais comum é usar as folhas ou as hastes para fins terapêuticos.

Por ainda ser pouco estudada, ainda há muito o que descobrir sobre as propriedades benéficas da cana-do-brejo, as até agora não foi descoberto nenhum tipo de toxicidade da planta, o que permite que ela seja usada sem riscos à saúde.

Fontes e Referências Adicionais:

Você já tinha ouvido falar dos benefícios da cana-do-brejo para a saúde e boa forma? Pretende incluir na sua dieta o consumo? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (2 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário