Como preparar o corpo para uma gravidez saudável

Especialista da área:
atualizado em 15/04/2021

Pensando em engravidar com saúde? Então, veja aqui como preparar o corpo para uma gravidez saudável.

  Continua Depois da Publicidade  

Se você pretende planejar uma gravidez, vale a pena preparar o seu corpo para uma gestação bem sucedida. Isso porque quanto mais saudável você estiver, maiores são as chances de ter uma gravidez tranquila.

Tudo começa com uma alimentação saudável. Por isso, aproveite e confira quais são os super alimentos para engravidar.

De fato, além de preparar o corpo para a gestação, cuidar da saúde ajuda a proteger o bebê contra doenças. Portanto, confira agora algumas dicas de como preparar o seu corpo para esse momento tão especial.

Como preparar o corpo para a gravidez saudável

O preparo do corpo para uma gravidez saudável começa bem antes da concepção.

Mesmo antes de parar de tomar o anticoncepcional ou outro método contraceptivo, é importante iniciar os cuidados especiais com a sua saúde.

Visitar um médico

O primeiro passo é ir ao ginecologista fazer uma avaliação de rotina. A visita pode contar com exames ginecológicos além de exames de sangue e de mama.

Colocar as vacinas em dia

O segundo passo é verificar se a sua carteirinha de vacinação está em dia. De fato, tomar as vacinas que faltam é muito importante para proteger sua saúde e a saúde do feto que está por vir.

Ter uma alimentação adequada

Cuidar da alimentação é essencial em qualquer etapa da vida, mas principalmente ao se preparar para uma gravidez.

Então, capriche na ingestão de alimentos ricos em nutrientes – como grãos integrais, verduras, frutas e legumes.

  Continua Depois da Publicidade  

Tomar vitaminas

Mesmo planejando uma gravidez, você não pode ter certeza de quando ficará grávida. Por isso, muitos médicos recomendam o uso de multivitamínicos e de suplementos de ácido fólico assim que você iniciar as tentativas de engravidar – ou até mesmo 3 meses antes disso.

Se você quiser, seu ginecologista pode até recomendar uma vitamina pré-natal para prevenir deficiências nutricionais que podem prejudicar o desenvolvimento inicial do bebê.

Isso é importante para garantir a boa saúde do feto nos primeiros 3 meses de vida e prevenir defeitos no tubo neural que são mais comuns nessa fase do desenvolvimento.

De acordo com o U.S. Department of Health & Human Services, é preciso tomar ácido fólico diariamente durante o início da gestação em doses de 400 a 800 microgramas.

Fazer exercícios

Praticar uma atividade física na maioria dos dias da semana também é fundamental para uma gestação saudável.

Se possível, inclua também exercícios para a região pélvica. De fato, uma região pélvica fortalecida ajuda a ter uma gravidez menos desgastante fisicamente e também a ter um parto e um pós-parto mais tranquilo.

Porém, se você tiver alguma restrição para exercícios físicos, o seu médico vai te orientar sobre exercícios seguros ou indicar o repouso.

Perder peso, se necessário

Se você estiver acima do peso ideal, pode ser uma boa ideia perder peso antes de engravidar.

  Continua Depois da Publicidade  

Todo mundo sabe que junto com a gravidez vêm alguns quilinhos extras. Se você já estiver acima do peso, isso pode representar um risco para a sua saúde. Por isso, o ideal é se antecipar e buscar perder peso antes da gestação.

Verificar os remédios que você toma

Converse com seu ginecologista sobre os remédios que você toma, pois alguns deles não são seguros durante a gestação. Descobrir quais são eles antes de engravidar te dá tempo para ajustar a dose ou trocar de remédio.

Além disso, as consultas médicas antes de engravidar são essenciais se você sofre de alguma doença crônica. Dessa forma, o médico poderá te orientar sobre cuidados específicos durante a gravidez.

Evitar o álcool e outras substâncias ruins

Por fim, suspenda o uso de bebidas alcoólicas ou qualquer outro hábito nocivo como o fumo, por exemplo. Essas substâncias, principalmente em excesso, podem prejudicar a saúde do bebê.

Aliás, as substâncias presentes no cigarro podem interferir no fluxo sanguíneo para o bebê e causar prato prematuro. Outros riscos associados ao uso de substâncias tóxicas incluem:

  • Aborto;
  • Defeitos de nascença;
  • Natimorto.

Mais dicas para uma gravidez saudável

mulher com teste de gravidez

Quando realmente chegar a hora, é bom saber quando é o seu período fértil, pois isso vai aumentar as chances de concepção e te ajudar a engravidar mais rapidamente.

Uma vez que você receber o resultado positivo, comemore bastante e preste atenção no uso de alguns produtos na pele ou nos cabelos.

Certos tratamentos de beleza devem ser suspensos devido ao uso de substâncias potencialmente tóxicas para o bebê. É o caso de produtos alisantes ou tintas para cabelo, por exemplo.

Sendo assim, sempre pergunte ao seu médico se é seguro fazer esse tipo de procedimento durante a gestação.

Se você é apaixonada por um cafezinho, pode ser preciso reduzir um pouco a sua ingestão diária. Embora um pouco de café não faça mal, é importante não exagerar na dose durante a gravidez. Veja também se cafeína na gravidez faz mal e qual é a dose segura.

Por fim, não se esqueça de visitar o dentista. Pouca gente se lembra dessa etapa, mas cuidar bem da saúde bucal é importante durante a gestação.

Isso porque as mudanças hormonais desse período podem afetar a gengiva e os dentes, aumentando o risco de doenças bucais como a cárie e a gengivite, por exemplo. Assim, é bom fazer uma avaliação no dentista para garantir que está tudo bem.

Depois de fazer todo esse check up, com certeza o seu corpo vai estar preparado para uma gravidez super tranquila, agradável e saudável.

Fontes e Referências Adicionais

E aí, você já sabe como preparar seu corpo para uma gravidez saudável? Pretende engravidar em breve? Comente aqui!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dr. Lucio Pacheco

Dr. Lucio Pacheco é Cirurgião do aparelho digestivo, Cirurgião geral - CRM 597798 RJ/ CBCD. Formou-se em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1994. Em 1996 fez um curso de aperfeiçoamento no Hospital Paul Brousse, da Universidade de Paris-Sud, um dos mais especializados na área de transplantes na Europa. Concluiu o mestrado em Medicina (Cirurgia Geral) em 2000 e o Doutorado em Medicina (Clinica Médica) pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em 2010. Dr. Lucio Pacheco é um profundo estudioso na área de doença hepática e escreveu dezenas de livros e artigos sobre transplante de fígado. Atualmente é médico-cirurgião, chefe da equipe de transplante hepático do Hospital Copa Star, Hospital Quinta D´Or e do Hospital Copa D´Or. Além disso é diretor médico do Instituto de Transplantes. Suas áreas de atuação principais são: cirurgia geral, oncologia cirúrgica, hepatologia, e transplante de fígado. Dr. Lucio é uma referência profissional em sua área e autor de artigos científicos e diversos. Para mais informações, entre em contato com ele.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário