Dramin engorda? Faz mal? Para que serve?

Especialista:
atualizado em 18/11/2020

Veja a seguir se é verdade que o Dramin engorda, confira para que serve o medicamento e se ele faz mal em determinadas circunstâncias ou para certas pessoas.

Além de ser indicado para prevenir e tratar tonturas, enjoos e vômitos provocados por movimentos em viagens de avião, barco, ônibus, automóvel e outras vias, o remédio pode ser usado na prevenção e no tratamento desses sintomas de maneira geral.

  Continua Depois da Publicidade  

Isso inclui situações como a gestação, o pré e o pós-operatório e o período que sucede a radioterapia, por exemplo.

Além disso, o medicamento pode ser utilizado ainda para prevenir e tratar as labirintites e vertigens em geral. O seu uso é oral e a sua comercialização requer a apresentação da receita médica.

Mas será que é verdade que Dramin engorda? Confira também se Dramin dá sono mesmo e veja outros exemplos de remédio para enjoo mais usados.

Será que Dramin engorda?

Agora que vimos para que o medicamento serve, você já ouviu falar que Dramin engorda? Será que isso realmente pode acontecer ou não passa de um mito?

Pois bem, a bula de Dramin em comprimidos, disponibilizadas pela Anvisa, não relatam a existência de uma possibilidade do medicamento provocar algum efeito colateral que possa estar associado a alterações no peso.

Em outras palavras, não temos base então para afirmar que Dramin engorda. Portanto, se você perceber que ganhou peso depois que começou a tomar o remédio, vale a pena procurar o médico para tentar descobrir o que pode ter provocado essa elevação do peso corporal.

Vale lembrar que diversos fatores podem estimular uma pessoa a engordar, como uma vida sedentária associada a uma má alimentação, o hábito de dormir pouco, o abuso da ingestão de bebidas alcoólicas ou até o uso de outros medicamentos, por exemplo.

Dramin faz mal?

O medicamento faz mal para os grupos de pessoas para quem ele é contraindicado. Conforme a bula do remédio na versão comprimidos, disponibilizada pela Anvisa, são eles:

  Continua Depois da Publicidade  

  • Que possuem alergia aos componentes da fórmula;
  • Que sofrem com a porfiria – distúrbio caracterizado por quantidades excessivas dos pigmentos porfirinas no sangue e na urina.

Além disso, Dramin faz mal quando é ingerido em dosagens elevadas.

De acordo com a bula, a superdosagem do medicamento pode provocar sonolência intensa, aumento dos batimentos cardíacos, batimentos irregulares, dificuldade para respirar, espessamento no escarro, confusão, alucinações, convulsões, podendo chegar a insuficiência respiratória e coma.

A recomendação do documento para quando o paciente consumir o remédio em excesso é procurar imediatamente a assistência médica e não tomar nenhuma decisão sem antes consultar o profissional.

Uma vez com o médico, o usuário deve relatar o medicamento que utilizou, a quantidade e os sintomas que estiver apresentando, completa a bula.

Efeitos colaterais e outros cuidados

Para conhecer os efeitos colaterais que o medicamento pode provocar, assim como os cuidados que o tratamento com o remédio exige, acesse e leia toda a bula de Dramin disponibilizada no bulário da Anvisa.

Você já tinha ouvido falar que Dramin engorda? Costuma tomar esse medicamento para alguma indicação? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (3 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dr. Marcos Marinho

Dr. Marcos Marinho é especialista em Gastroenterologia, Endoscopia Digestiva e Ultrassonografia - CRM 52.104130-4. Formou-se em Medicina pela Universidade do Grande Rio (Unigranrio) e é pós-graduado em Gastroenterologia pelo IPEMED. Realizou cursos de ultrassonografia geral e intervencionista pela Unisom, ultrassonografia musculoesquelética e Doppler pelo CETRUS. Atualmente, é pós-graduando de Endoscopia Digestiva pela Faculdade Suprema de Juiz de Fora-MG. No momento, atua em vários municípios do estado do Rio de Janeiro como na capital, Niterói, Magé e Araruama. Dr. Marcos Marinho tem experiência em setores variados de sua especialização e continua em constante aprendizado e evolução para ser uma referência da área. Para mais informações, entre em contato através de seu Instagram oficial @drmarcosmarinho

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário