Faz Mal Comer Manga à Noite?

Especialista:
atualizado em 01/06/2020

Saborosa e popular no Brasil, a manga fornece diversos nutrientes que o nosso organismo necessita para o seu funcionamento adequado. Entre eles, encontram-se: carboidratos, fibras, cobre, potássio, cálcio, ferro, magnésio, vitamina A, vitamina B6, vitamina B9 (folato), vitamina E e vitamina K.

O alimento também é fonte de antioxidantes e associado a benefícios para a saúde do corpo como o auxílio ao controle da pressão arterial, à saúde cerebral, à saúde dos ossos, à diminuição do risco de desenvolvimento de doença no coração, ao combate ao envelhecimento e ao aumento da imunidade.

Ou seja, incluir porções de manga nas refeições é uma boa ideia para a saúde. Mas será que podemos consumir a fruta em qualquer hora do dia?

Ou será que faz mal comer manga à noite?

Enquanto alguns especialistas defendem que comer no período noturno causa o aumento de peso e prejudica o sono, outros argumentam que a prática pode ser benéfica.

Entretanto, para quem realmente precisa de um lanchinho antes de ir dormir, é mais vantajoso comer um pedaço de fruta como a manga, que vem com vitaminas, fibras e minerais, do que um doce ou uma guloseima repleta de açúcar (e pobre em nutrientes).

Além disso, normalmente não faz mal comer manga à noite porque a fruta trata-se de um alimento de fácil digestão. Por outro lado, consumir uma grande quantidade de manga muito perto da hora de dormir pode provocar azia, má digestão e refluxo.

Para não exagerar, não correr esse risco e não exceder as calorias com as mangas, o jeito é comer uma quantidade pequena do alimento, como uma porção de 100 g, que apresenta 65 calorias, ou uma xícara de manga fatiada com 107 calorias.

O lanchinho noturno não deve extrapolar as 200 calorias para que não se transforme em uma grande refeição noturna e para que não se tenha problemas para pegar no sono e continuar dormindo durante toda a noite.

Mantenha o lanchinho noturno saudável, evitando frutas enlatadas ou ingredientes cheios de açúcar. O ideal é comer a manga sem nenhum acompanhamento, mas se você decidir combiná-la com alguma coisa, deixe de lado os alimentos ricos em gorduras porque eles podem perturbar o sono.

Também vale a pena excluir os acompanhamentos calóricos para não exceder o limite diário. Alguns complementos sugeridos interessantes o leite desnatado e o iogurte grego.

Lanchinho noturno para quem deseja emagrecer: uma mistura de fibras e proteínas

Já parou para pensar se faz mal comer manga à noite para quem deseja e/ou precisa emagrecer? Ainda que não seja exatamente errado comer algo antes de ir dormir, existe a preocupação de que os lanchinhos feitos tarde da noite levem a escolhas não saudáveis de alimentos e ao excesso no consumo de calorias.

Por outro lado, se planejado, esse lanchinho noturno pode contribuir com o emagrecimento, prevenindo que a pessoa faça mais lanches descontrolados tarde da noite ou coma em excesso no café da manhã do dia seguinte.

O lanche noturno deve ter, no máximo, 200 calorias e ser composto por fibras e proteínas, que auxiliam a controlar a fome. As fibras desaceleram a digestão, fazendo com que o corpo permaneça satisfeito por mais tempo.

Em relação às proteínas, um artigo de 2005 publicado no American Journal of Clinical Nutrition (Jornal Americano de Nutrição Clínica, tradução livre) afirmou que o nutriente afeta os hormônios que regulam a fome.

Aí você pergunta: o que a manga tem a ver com isso? Pois bem: ela serve como fonte de fibras, como vimos acima. Existem 1,8 g de fibras em 100 g de manga e 3 g de fibras em uma xícara de manga fatiada.

Já para suprir as fontes de proteínas, você pode escolher, por exemplo, o iogurte desnatado como acompanhamento da manga. É possível encontrar 8,5 g de proteínas e 84 calorias em um potinho de 180 g do iogurte desnatado.

Se juntarmos a xícara de manga fatiada com o potinho de 180 g de iogurte desnatado, temos um lanche de 191 calorias, já se o mesmo potinho for juntando com as 100 g de manga, o lanche terá um total de 149 calorias.

Fazer uma refeição leve durante a noite, antes de dormir, é importante para quem está em processo de perda de peso porque a refeição mais pesada pode prejudicar o sono, como já vimos aqui. Uma noite mal dormida atrapalha os hormônios que controlam o apetite, o que pode deixar a pessoa mais faminta.

Entretanto, para quem sente fome à noite, ir dormir com o estômago roncando não é necessariamente a saída, pois isso também pode prejudicar a noite de sono.

Ou seja, a palavra é equilíbrio: nem se empanturrar de comida, nem morrer de fome, mas fazer uma refeição leve, na qual a manga pode estar incluída como fonte de fibras.

Problemas digestivos 

A afirmação que diz que faz mal comer manga à noite pode ser verdadeira para pessoas que sofrem com um problema digestivo como a doença de Chron, com a síndrome do intestino irritável e com a má absorção de frutose (que é um tipo de açúcar encontrado na composição das frutas).

Para quem sofre com essas condições, comer uma porção de fruta antes de dormir pode provocar perturbação estomacal e interromper o sono, fazendo com que a pessoa não descanse direito e acorde cansada no dia seguinte.

Frutas muito ácidas como a laranja e o abacaxi costumam ser problemáticas para aqueles que sofrem com o refluxo ácido e, portanto, devem ser evitadas. O pH da manga fica entre 3,69 e 4,34.

Os alimentos com um nível de pH abaixo de 7 são considerados ácidos, e quanto menor é o pH de um alimento, maior é o seu nível de acidez.

Além disso, o pH é a escala que determina a acidez dos alimentos e vai de 0 a 14 – sendo que 0 indica a maior acidez e 14 representa o valor mais alcalino. Para você ter uma ideia, o pH da água, que é 7, é considerado neutro.

Para quem sofre com todas as condições mencionadas neste tópico é fundamental conversar com o médico a respeito de como deve funcionar a alimentação apropriada tanto no período do dia quanto na parte da noite para beneficiar o tratamento da doença em questão.

Você conhece alguém que afirme que faz mal comer manga à noite? Já experimentou comer manga como o lanchinho noturno e sentiu algum problema? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é uma das nutricionistas mais conceituadas do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

Deixe um comentário