Jejum intermitente 12h ou 24 horas – Diferenças e como fazer

Especialista da área:
atualizado em 03/09/2021

Já pensou ficar 12 horas completas ou até mesmo 24 horas sem comer nada? Se para alguns isso parece totalmente impensável, para outros isso funciona como uma técnica de dieta. O método consiste em alternar períodos de jejum e alimentação regular com a finalidade de fazer o corpo utilizar os estoques de massa gorda para produzir energia. Essa prática é conhecida como jejum intermitente.

  Continua Depois da Publicidade  

O jejum intermitente ajuda na redução dos níveis de açúcar e insulina no sangue, favorecendo o emagrecimento e a prevenção de doenças, como a diabetes. Além do mais, essa estratégia nutricional possibilita o aumento da produção de hormônio do crescimento, que é essencial para a manutenção e o ganho da massa magra.

Esta técnica de dieta ainda ajuda a otimizar o metabolismo, a prevenir a flacidez e o envelhecimento precoce, além de permitir a desintoxicação do organismo. Atua ainda no combate às doenças cardiovasculares e na redução do colesterol e dos triglicerídeos. Durante a prática do jejum intermitente também é possível sentir uma melhora no humor e na disposição, ter melhoras na memória, apresentando uma sensação geral de bem estar.

Entretanto, antes de falar sobre as diferenças entre o jejum intermitente de 12h e o de 24h e como fazê-los, é importante que você saiba que o método é contraindicado para mulheres que estejam grávidas ou amamentando, crianças, adolescentes e pessoas diagnosticadas com doenças crônicas como diabetes e hipertensão.

As diferenças entre o jejum intermitente 12h e o de 24h e como fazer ambos

jejum intermitente

De maneira resumida, a proposta do jejum intermitente de 24 horas, que também é conhecido pelo nome de Coma-Pare-Coma (Eat-Stop-Eat, em inglês), é realmente ficar um dia todo sem comer. Se a última refeição da pessoa foi às 20h da segunda-feira, a sua próxima refeição só pode ocorrer às 20h da terça-feira. Esse processo pode acontecer de uma a três vezes a cada semana, sendo que duas vezes por semana é a frequência mais adotada.

Uma das vantagens do método é o déficit de calorias que ele promove, afinal, se a pessoa fica sem comer ao longo de todo um dia, vai deixar de consumir uma boa quantidade de calorias. Por outro lado, algumas pessoas podem apresentar problemas quando ficam sem comer por longos períodos de tempo, em particular aquelas que sofrem com baixos níveis de açúcar no sangue, condição que também é chamada de hipoglicemia.

Apesar de não ser permitido o consumo de alimentos sólidos, a pessoa pode ingerir água, café e chá sem açúcar ou adoçante durante o período do jejum.

  Continua Depois da Publicidade  

Ainda que o objetivo seja emagrecer, a pessoa precisa tomar cuidado com a alimentação dos dias em que não estiver de jejum, recomendação que cabe tanto para o jejum intermitente 12h quanto para o de 24 horas.

Nos períodos de alimentação é importante consumir alimentos que aumentem a saciedade e reponham os nutrientes. Ou seja, alimentos como vegetais, legumes, frutas, sementes, oleaginosas e proteínas magras precisam fazer parte do cardápio pós jejum, já que ao ficar tanto tempo sem se alimentar a pessoa pode ficar mais tentada a comer além da conta no dia seguinte, o que prejudica o metabolismo.

Além disso, comer muito nestes períodos de janela de alimentação pode fazer com que a pessoa corra o risco de não conseguir emagrecer conforme o esperado e ainda pode recuperar em 1 dia as calorias que foram economizadas no outro.

O jejum intermitente 12h

prato com relógio indicando jejum

Esta versão do jejum intermitente pode ser considerada mais leve, pois o período que a pessoa passa dormindo também é contabilizado. É o tipo mais comum do método e pode-se facilmente ingerir as três principais refeições ao longo do dia. O indivíduo pode, por exemplo, parar de comer às 20h de um sábado e voltar a alimentar-se às 8h da manhã do domingo.

Isso é interessante para quem não está habituado a passar longos períodos sem comer e sabe que terá dificuldades para passar pelo jejum. Isso porque, se descontarmos as oito horas de sono, o praticante do método passará somente quatro horas sem comer.

Uma vantagem de ficar menos tempo privado de se alimentar é que a pessoa pode conseguir se controlar melhor o consumo de alimentos após o período de jejum, do que seria capaz após ficar um dia inteiro sem comer absolutamente nada.

  Continua Depois da Publicidade  

Se o indivíduo perceber que consegue ficar mais tempo em jejum, ele pode ir aumentando gradativamente as horas sem se alimentar até atingir períodos maiores, como o de 24h.

Cuidados com o jejum intermitente 12h e 24h 

O primeiro passo que cabe para ambos os métodos é consultar um médico para saber se a pessoa realmente pode aderir ao jejum intermitente e contar com o acompanhamento deste profissional durante o processo.

Isso é importante porque o indivíduo ficará um bom período sem fornecer nutrientes e energia ao organismo, e é necessário saber quais as precauções precisam ser tomadas para evitar que a saúde seja prejudicada.

Quando o jejum intermitente acontece sem a orientação de um profissional de saúde ou é mal executado, pode provocar problemas como desnutrição, desidratação, hipoglicemia, fraqueza muscular e dificuldades de concentração, principalmente nos casos em que o indivíduo fizer parte do grupo de pessoas para as quais o método é contraindicado.

Algumas pessoas também podem experimentar problemas como dor de cabeça, fadiga, ansiedade e irritação ao jejuarem por muito tempo. Outro ponto importante é que a pessoa não deve praticar atividades físicas intensas enquanto estiver em jejum porque o corpo não poderá utilizar a energia da maneira devida.

Entretanto exercícios físicos leves são recomendados por alguns especialistas, como uma forma de se aproveitar do processo de cetose, que é a utilização da gordura armazenada para o fornecimento de energia ao corpo.

  Continua Depois da Publicidade  

Vídeos

Você já experimentou fazer o jejum intermitente 12h ou 24 horas alguma vez? Como foram seus resultados? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (146 votos, média 3,71)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition.

Deixe um comentário

54 comentários em “Jejum intermitente 12h ou 24 horas – Diferenças e como fazer”

  1. Parabéns pelo conteúdo. Comecei fazendo o Ji de 12hrs e pretendo avançar para 14hrs uma semana dps. Minha alimentação e as 8,12,16 e 20hrs. Sendo q acordo às 6 e faço meia hr de corrida em jejum e dps umas meia hr de barra, paralela,ABS e flexão,estou com 100kg,25 anos e 1,75. Sabe se tem algum problema da forma q estou fazendo ?

    Responder
  2. Boa tarde. Faço o jejum de 12h com muita facilidade, de modo que, normalmente, acabo fazendo o de 16h. No meu caso, me ajuda a manter as taxas de glicose sob controle sem remédios, em conjunto com uma dieta de restrição de carboidratos. Vale muito a pena. Aliás, quero aproveitar para dizer que as receitas low cabr que vcs postam são as melhores da web. Estou sempre por aqui, buscando novidades. Parabéns pelo sucesso e obrigada!

    Responder
  3. Tenho feito jejum intermitente há 5 meses, faço o de 12 horas ou seja apòs as 18h ñ me alimento sò tomo água até o outro dia geralmente tomo café da manhã as 7 ou 8 horas tem dias que tento ficar mais que doze horas, também faço esteira em casa mesmo, pelo menos três vezes na semana, enfim também evito alimentos com carboidratos e no entanto emagreci neste período 22 kg, tem dias que me alimento com alguma bobeira mas tento ao máximo evitar mas também ñ sou de ferro rsrs. Espero ter ajudado alguém com meu depoimento. Boa noite a todos.

    Responder
    • Oi boa tarde alguem pode me explicar como fazer esse jejum intermitente de 16 hrs quero fazer mais não sei como.
      Tipo oq comer e que horas comer.

      Responder
    • Gostei do seu depoimento vou começar a fazer também tenho uma bicicleta em casa vamos ver mais Obrigado pela sua dicas

      Responder
      • Fiz o jejum de 24 horas e meamo assim fazia academia, gangei massa magra e perdi peso. Devido uma depressão profunda pela perda do meu pai, abandonei td. Estou voltando hj ao jejum e aos exercícios, começarei os exercícios com baixa intensidade, porém, volto à academia no começo do mês. Estou pesando 66,850kg, quero perder no mínimo 7 kg. Vou postando meu progresso aqui.
        Até a próxima!

        Responder
  4. O jejum de 12 horas também dá resultado?
    Gostaria de parar de comer as 22:00 e retornar no outro dia as 10:30 da manhã.

    Responder
  5. Eu comecei a fazer exercícios físicos junto com jejum tem 3 dias, e já vi resultados, estou me alimentando a cada 24h (cerca de 300 calorias) e bebendo cha de gengibre com canela o dia todo. Estava com 78kg antes de começar e hoje me pesei estou com 75,5
    Não sei se perdi gordura ou somente liquido, mas vou seguir em frente até conquistar meu objetivo.

    Responder
  6. Iniciei um jejum intermitente de 16 horas em Novembro do ano passado e 3 meses depois havia perdido 10kg e venho mantendo este peso. 179, 83kg. No fim de semana saio numa noite, faço uso se alcool, no sábado tomo café de manhã, refeição que pulo durante a semana, e todo o domingo meto o peh na jaca e como aquela feijoada gordurosa. Portanto n se assuste. Vc n vai morrer. Porém de seg a sex, ninguem me faz ser indisciplinado, nestes dias eu apenas almoço e janto. E pelo menos uma vez Na semana, apenas almoço. Pela manhã, apenas café preto e água morna com limão no caminho pra o trabalho. O grande segredo, creio que seja a ingestão de muita água, evitar ao máximo sal e açúcar, beirando o zero, e esquecer carboidrato nos dias do jejum. Excluir as palavras, macarrão, arroz e pão. Esses são os demônios que me atormentam, mas aprendi a lidar com eles. Como disse, meu único café da manhã eh no sábado e meu único exagero no almoço eh no domingo. No mais, carne, frango, salada a vontade e para dar um gosto, aquela pitada de um molho que se gosta, mas não exagerar. Melhor evitar. Alem disso, malho seis dias na semana, e isso ajuda manter o metabolismo acelerado. N tem segredo, eh lógica. Para ter eficácia, eh necessário gastar mais do que se consome. E pronto. N sou especialista, obviamente, mas pra mim funciona maravilhosamente. Eu era grande, aquele embaçado, agora m sinto leve e tenho muito mais energia. Repito, n sou especialista e creio que o melhor pra quem vai iniciar eh procurar alguém que possa avaliar suas possibilidades. Sobre minha rotina, 71992054330 zap. Abraço

    Responder
  7. Ola! Gostaria de uma orientacao. Queri iniciar o jejum de 16h mas fiquei na duvida se ao fazer o jejum de manha, poderia continuar consumindo um limao espremido logo de manha quando acordo. Faco isso pelos beneficios do limao em jejum (corpo mais alcalino) e fiquei com duvida se teria que parar com essa pratica durante o periodo que fizer a dietA.

    Obrigada

    Responder
    • A água com limão é óeima para limpar o organismo , respondendo sua pergunta.
      Durante o jejum tome água, chá e café sem adoçante e sem açúcar e para quebrar o jejum coma uma proteina. Se quebrar o jejum comendo outra coisa seu jejum foi para o espaço.
      Importante é beber líquidos durante o dia para auxiliar na perda de peso.
      Calcule seu peso x0.35 e vc vai saber a quantidade de líquidos para beber por dia.
      Boa Sorte!

      Responder
  8. Estou fazendo o jejum 24h mas s tomo agua café chás e suco sem açúcar faço uma semana e a outra me alimento com alimentos nutritivos isso é correto pois passo 24 ingerindo só líquido?

    Responder
  9. Já tem 5 semanas que estou fazendo jejum de 24 horas e também dieta da proteína. Ou seja todo dia eu apenas janto e apenas carne, alguns dias alguma salada junto (brócolis, alface e tomate, palmito). Não pratico esportes e trabalho o dia inteiro sem nenhum efeito negativo. Já perdi 10KG e pretendo perder mais 10 nas próximas 5 semanas!!! Durante o dia só café sem açúcar e água.

    Responder
    • E a cara envelheceu quantos anos nessas 5 semanas? Deve estar só a caveira, rosto chupado igual todos que fazem dieta drástica (tipo daquele Leandro Hassum). 10kg por mês? E ainda restringindo os macronutrientes? Lamentável. Marque já um psicólogo.

      Responder
      • Leandro, tome cuidado com as informações que vc passa. Em primeiro lugar, cada corpo tem uma resposta diferente a uma dieta ou a um estilo de vida.
        Falar aqui ou em qualquer site da boca pra fora ou pq ouviu fulano dizer, ou mesmo pq ainda se acredita nesse mito que a alimentação deva ser de 3 em 3 horas é completamente falho.
        Segundo, jejum intermitente nao é modinha de dieta, é um estilo de vida a se seguir.

        Pesquise no google academico, onde vai ter acesso a inumeros estudos baseados ai sim em evidencias científicas desmistificando mtos e mtos mitos que nos são passados a anos

        Responder
  10. Ontem pela primeira vez fiz o jejum de 24h depois de ter passado por um período de adaptação fazendo jejum de 16h, não foi tão difícil quanto achei, tomei muita água e isso ajudou bastante, fiquei com medo de depois vim à compulsão, mas não veio, acho que estou conseguindo seguir bem o jejum. Sobre peso ainda não sei quanto perdi, pois não me pesei, no entanto, já sinto o resultado.
    Mais uma coisa: jejum de 24h não deve ser praticado por tantos dias seguidos, deve ser feito apenas umas 2 vezes na semana, isso pode causa problemas sérios e o principal é transtorno alimentar, então cuidado!

    Responder
  11. Eu faço o jejum há um mês e alguns dias… comecei com o de 16 hrs e logo vi resultados, depois de uma semana tinha perdido 2.900 kls.
    Não estava acreditando no q estava vendo na balança, depois mudei para o 18 e 20 horas fiquei perdendo 0.900 gramas por semana durante um mês, tudo isso sem fazer nenhum tipo de exercício.
    Mas chegou um certo momento em q peço não queria mais diminuir só com o jejum, aí eu baixei um aplicativo com exercícios para fazer em casa… E já vi a diferença meu peço já abaixou….. MT feliz
    Obs: sempre bebendo MT água.
    E super indico.

    Responder
    • Kélen bom dia!
      Você parou de perder peso porque seu corpo diminuiu o metabolismo pela pouca quantidade de alimento que você estava ingerindo é como uma defesa do corpo, funciona meio que ele entende que está ingerindo pouco alimento e deve usar pouco desse alimento diminuindo o metabolismo. Você deve mais ou menos uma vez no mês ingerir tudo aquilo que você gosta de comer alimento com alta taxa de carboidratos, gordura e açucares, com isso seu corpo antederá que deve aumentar a taxa de metabolismo do corpo voltando a aumentar a taxa metabólica e consequentemente quando voltar para o jejum intermitente voltará a perder peso.

      Responder
      • Oii boa tarde, fiz o que vc me falou deu certo…. MT obrigada.
        Mas estou em uma fase q estou achando mais lenta a minha perda de peço, mesmo fazendo low carb.
        O q devo fazer?

        Responder
        • Oi pessoal. Minha dúvida é na fase da menopausa, será que o jejum intermitente é algo que vai me ajudar a perder peso com saúde?

          Responder
  12. Eu faço o jejum há um mês e alguns dias… comecei com o de 16 hrs e logo vi resultados, depois de uma semana tinha perdido 2.900 kls.
    Não estava acreditando no q estava vendo na balança, depois fiquei perdendo 0.900 gramas por semana durante um mês, tudo isso sem fazer nenhum tipo de exercício.
    Mas chegou um certo momento em q peço não queria mais diminuir só com o jejum, aí eu baixei um aplicativo com exercícios para fazer em casa… E já vi a diferença meu peço já abaixou….. MT feliz
    E super indico.

    Responder
  13. Eu comecei ontem com o Jejum intermitente 24h. Quero e gostaria de fazer durante 2 ou 3 meses, porque estou a tentar emagrecer ha bastante tempo e nao consigo… estou com 18 kg a cima do peso… Tambem quero fazer todos os dias sem alternar.

    Responder
  14. André de Souza, se você faz 24 de jejum todos os dias, você não come nada nunca!! Como ainda está vivo???

    Responder
    • Wal Moreira, acho que ele come a cada 24 horas. Por exemplo, ele almoça hoje às 12:30, somente amanhã às 12:30 ele come novamente.

      Responder
    • Também faço jejum de 24 horas todos os dias faz 3 meses já emagreci 14 kg. Vou seguir fazendo por muito tempo. Me sinto ótimo! Estava com 151 kg… Minha meta chegar nos 100 kg tenho 1,90 alt.

      Responder
  15. Pratico o jejum de 24 horas todos os dias há alguns meses. Minha adaptação foi rápida mas varia de pessoa pra pessoa. É importante que em sua única refeição sejam garantidos todos os macro e micronutrientes que seu corpo necessita levando em consideração seu gasto diário de energia e etc. Enfim, sua alimentação deve ser baseada em alimentos de verdade, quanto mais perto de serem naturais, melhor.
    Quando aderi ao estilo alimentar estava com 92 kg, hoje mantenho 68 kg. (perdi essa quantidade de massa em aproximadamente 4 meses). Tenho 1,79 m.
    Super recomendo. Sua saúde agradecerá e muito.

    Responder
    • Jejum intermitente não é para fazer todo dia. Você deve estar saropênico, deficiências nutricionais, com metabolismo lento e sem energia para esportes. Não passe mais privações, dieta drástica mas ficar com problemas emocionais e estéticos não é algo a ser recomendado. Cuide -se!

      Responder
    • Jejum de 24 h todos os dias? Não é bem assim que funciona.
      O correto são, no máximo 3 X por semana. Eu pratic o de 12h.

      Responder