Melancia é remosa? Provoca alergia?

Especialista da área:
atualizado em 30/03/2021

Ela é rica em sabor, refrescante, docinha, colorida e bonita. Isso sem contar todos os benefícios da melancia para a saúde. No entanto, alguns se perguntam se consumir melancia não pode fazer mal. Por exemplo, você já ouviu falar que a melancia é remosa?

  Continua Depois da Publicidade  

Antes de tudo: o que são alimentos remosos?

É importante conhecer a definição de alimentos remosos para que possamos entender se a melancia é remosa ou não.

De acordo com o dicionário, a expressão remoso significa “capaz de prejudicar a saúde, que faz mal à saúde, especialmente ao sangue […]”. O termo ainda pode sofrer uma pequena variação e ser chamado de reimoso.

O termo reimoso não é uma classificação científica. É uma expressão antiga, da sabedoria popular, que também pode definir os alimentos que podem provocar inflamação na pele, devido a uma reação alérgica.

Chama-se popularmente de reima algo que pode ser considerado um alergênico e que causa reações como coceira, diarreia e intoxicações mais sérias em algumas pessoas.

Os remosos ou reimosos também são chamados de “alimentos carregados” e essas comidas costumam apresentar quantidades altas de proteína e gordura animal.

Além disso, alguns especialistas defendem os alimentos remosos ou reimosos também podem interferir no processo de cicatrização.

Então, será que a melancia é remosa?

Comer melancia é remoso?

A melancia é uma fruta que costuma figurar na lista de alimentos reimosos ou remosos. Ao mesmo tempo, ela já foi classificada como um dos alimentos que atrapalham a cicatrização.

Entretanto, não é todo mundo que defende essa tese que a melancia é remosa. Aliás, isso pode ter a ver com o alto teor de água encontrado na melancia.

Há especialistas que defendem que os alimentos ricos em água como melancia, laranja, pepino e sopas de maneira geral podem contribuir com um processo de cicatrização porque auxiliam a hidratação.

  Continua Depois da Publicidade  

A justificativa é que para melhorar a cicatrização é importante manter o corpo bem hidratado, pois assim a pele fica mais elástica e a cicatriz fica melhor.

Além disso, a melancia já foi apontada como um dos alimentos vermelhos que apresentam potencial anti-inflamatório e devem ter o seu consumo estimulado. Outros integrantes desse mesmo grupo são o morango, o tomate, a cereja e a goiaba.

Adicionalmente, a melancia é composta pela substância cucurbitacina E, que apresenta propriedades anti-inflamatórias e contribui com a cicatrização ou recuperação de lesões.

A questão da alergia

É outro ponto importante quando discutimos se melancia é remosa. Embora seja raro, é possível desenvolver uma alergia à melancia. O problema geralmente surge durante a infância, mas também pode aparecer na idade adulta.

Os sintomas são parecidos com os sinais de outras alergias alimentares, surgem poucos minutos depois do contato com a fruta e podem incluir:

Já uma reação alérgica severa pode resultar na anafilaxia, que pode ser fatal e envolve dificuldade para respirar ou engolir; inchaço da garganta, rosto ou língua; náusea; dor abdominal; vômito; chiado; sensação de tontura e choque.

Ao experimentar qualquer um desses sintomas ou algum outro tipo de reação alérgica depois que entrar em contato com a melancia, é fundamental procurar o auxílio médico.

Assim, você poderá receber os cuidados necessários, verificar se realmente é alérgico à fruta ou se a alergia pode ser de outro alimento e saber como proceder caso a condição se confirme.

  Continua Depois da Publicidade  

Uma pessoa que tem alergia à melancia pode precisar evitar frutas e vegetais similares como melão, melão cantalupo e pepinos.

Outros alimentos que podem provocar reações parecidas são: kiwi, aipo, pêssego, banana, laranja, abacate, abobrinha, tomate e mamão papaia.

Por outro lado: as vantagens nutricionais da melancia

Nutrientes - Melancia é remoso?

Agora que já discutimos se a melancia é remosa, vale a pena conhecer as suas vantagens para a dieta. Por exemplo, uma das principais é que a fruta apresenta 92% de teor de água.

Além disso, uma xícara (154 gramas) de melancia contém doses de potássio, magnésio, cobre, vitamina A, vitaminas do complexo B (B1, B5 e B6) e vitamina C. O alimento também é fonte de licopeno, uma substância que tem propriedades antioxidantes.

Vídeo

Quer saber mais sobre a melancia? Então, não perca o vídeo a seguir, em que a nossa nutricionista explica se a melanica engorda ou emagrece.

Fontes e Referências Adicionais

Você gosta de comer melancia? Como consome a fruta? Conte abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média 5,00)
Loading...
Sobre Dra. Patricia Leite

Dra. Patricia é Nutricionista - CRN-RJ 0510146-5. Ela é uma das mais conceituadas profissionais do país, sendo uma referência profissional em sua área e autora de artigos e vídeos de grande sucesso e reconhecimento. Tem pós-graduação em Nutrição pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, é especialista em Nutrição Esportiva pela Universidad Miguel de Cervantes (España) e é também membro da International Society of Sports Nutrition. É ainda a nutricionista com mais inscritos no YouTube em português. Dra. Patricia Leite é a revisora geral de todo conteúdo desenvolvido pela equipe de redatores especializados do Mundo Boa Forma.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário