Novo Coronavírus é Especialmente Perigoso Para os Fumantes, Demonstra Estudo

Especialista:
atualizado em 16/04/2020

Quem tem o hábito de fumar já deve estar bastante ciente de como o cigarro pode fazer mal para a sua saúde. Pois agora, em meio à pandemia do novo coronavírus (SARS-CoV-2), surgiu uma nova e importante motivação para abandonar o vício pelo cigarro de uma vez por todas: uma pesquisa liderada pela respirologista Janice Leung apontou que os fumantes correm mais risco de vida com o novo coronavírus.

Para a pesquisadora, que trabalha no Hospital St. Paul em Vancouver, no Canadá, nunca houve um momento melhor para largar o cigarro do que aproveitar e ainda se proteger contra a COVID-19, a doença provocada pelo novo coronavírus – isso foram todos os benefícios de parar de fumar que já estamos cansados de saber.

O estudo, que foi publicado no European Respiratory Journal (Jornal Respiratório Europeu, traduçao livre) na segunda semana de abril, mostrou que nos fumantes e nas pessoas que sofrem com doenças pulmonares obstrutivas crônicas podem ser encontrados níveis elevados de uma enzima conhecida como ACE-2. Essa enzima ajuda o vírus a entrar nas células pulmonares, onde ele é replicado.

Foram retiradas amostras dos pulmões de 21 pacientes com doenças pulmonares obstrutivas crônicas e de 21 pacientes sem a condição. Então, foi detectada a presença de níveis elevados de ACE-2 tanto nos pacientes com doenças pulmonares obstrutivas crônicas quanto nos fumantes em exercício.

Inclusive, vale citar que, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, a doença pulmonar obstrutiva crônica é um dos problemas de saúde aos quais o hábito de fumar está associado.

Os pesquisadores também cruzaram referências das suas descobertas com dois grupos que incluíram mais objetos de estudo e chegaram à mesma conclusão. O estudo de Leung é de caráter observacional e baseou-se ainda em dados da China. No país, a taxa de mortalidade pela COVID-19 é maior nos homens do que nas mulheres – segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente metade dos homens fumava, enquanto o índice de fumantes entre as mulheres era de 2%.

Obesidade, diabetes, pressão alta e outros problemas de saúde também são condições pré-existentes que deixam as pessoas mais vulneráveis e dificultam o tratamento da COVID-19. Tanto que, ao lado dos idosos, os portadores dessas condições fazem parte do grupo de risco em relação ao novo coronavírus.

Acha que abandonar o cigarro é uma tarefa muito difícil para você? Ou tem medo de parar de fumar e engordar? Então, conheça as dicas de como parar de fumar naturalmente e aprenda como parar de fumar e não engordar.

Outros riscos à saúde provocados pelo vício em fumar

O hábito de fumar também está associado à diabetes, catarata, artrite reumatoide, doenças cardiovasculares, acidente vascular cerebral (AVC), câncer, artrite reumatoide, problemas de fertilidade e problemas nos dentes, gengivas e ossos.

Como se não bastasse, o hábito de fumar provoca inflamação, diminui a função imunológica e oferece uma série de riscos para uma gestação: parto prematuro, natimorto (feto que nasce morto), baixo peso do neném ao nascer, síndrome da morte súbita infantil, gravidez ectópica (gestação fora do útero) e fenda orofacial (lábio leporino) no neném. As informações são do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos.

Fontes e Referências Adicionais:

Você tem o hábitos de fumar e preocupou-se com os resultados da pesquisa para o novo coronavírus? Pretende largar o cigarro ainda mais agora? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...
Sobre Equipe Editorial MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas sabemos que o sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Além disso todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

Deixe um comentário