Pasta de Amendoim Engorda?

Hoje nós vamos falar sobre um ingrediente bem popular nos Estados Unidos, a pasta de amendoim (peanut butter) – ou manteiga de amendoim, como também é chamada. Ela é produzida a partir de amendoins torrados, cozidos ou moídos e utilizada como acompanhamento de pães em sanduíches ou torradas e em receitas de cookies e bolos.

Quem se preocupa com o corpo, com a manutenção da boa forma e não quer, de maneira alguma, ganhar quilos em excesso, pode ficar um pouco ressabiado ao pensar sobre um ingrediente como esse. Apesar de saborosa, será que pasta de amendoim engorda?

Esse pensamento é normal, mas antes de bater o martelo e definir com toda a certeza se a pasta de amendoim engorda ou não, é importante que façamos uma análise mais abrangente sobre o ingrediente. Então, vamos lá?

As calorias e a composição da pasta de amendoim 

Não tem como ignorar, quando a gente tenta identificar se uma comida tem potencial para engordar ou não algo que não podemos ignorar é a quantidade de calorias que ela carrega. No caso da pasta de amendoim, esse número não é baixo: são 94 calorias em uma colher de sopa ou 588 em uma porção equivalente a 100 g.

Ao olharmos exclusivamente para as calorias poderíamos nos precipitar e já sair afirmando que a pasta de amendoim engorda e não faz nada bem para quem deseja manter a boa forma ou emagrecer. Entretanto, algo que não podemos deixar passar batido é a sua composição nutricional.

Diferente do que se poderia imaginar, a peanut butter – como é chamada pelos americanos – pode ser considerada nutritiva, tendo em vista que possui elementos como proteínas, fibras, vitaminas E e do complexo B, magnésio, zinco, potássio, manganês e cobre.

Além das calorias, outro fator que poderia nos afastar da pasta de amendoim é o seu teor de gorduras: são 16 g a cada duas colheres de sopa. Porém, ao contrário do que muita gente imagina não é todo tipo de gordura que prejudica à saúde e a boa forma.

81% das gorduras encontradas na manteiga de amendoim correspondem às insaturadas, um tipo que contribui com a saúde. Para quem está seguindo uma dieta de emagrecimento, a recomendação do Instituto de Medicina, dos Estados Unidos, é o consumo de 20 a 35% de gorduras diariamente, das quais a maior parte deve ser de gorduras insaturadas, para regular os hormônios e permitir que as vitaminas sejam absorvidas.

Desse modo, consumir uma porção comedida de manteiga de amendoim uma vez ou outra não afetará tanto a dieta e trará benefícios à saúde e boa forma. Ainda vale lembrar que é bem melhor optar por uma versão mais light e natural do ingrediente – se possível caseira – do que as industrializadas, que podem vir cheias de açúcar e conservantes. Vale ressaltar que algumas versões light industrializadas são piores do que as tradicionais, porque para compensar a redução de gordura os fabricantes adicionam açúcar para ressaltar o sabor.

No final do artigo, você poderá conferir uma receita de como fazer a sua própria pasta de amendoim em casa.

Sensação de saciedade

Já vimos aqui que mesmo com um número maior de calorias, não é uma atitude muito sábia determinar que a pasta de amendoim engorda e querer excluí-la completamente da dieta. Agora vamos apresentar mais um motivo para isso: uma pesquisa científica já mostrou que esse ingrediente pode ajudar no controle do peso, por possuir propriedades que contribuem com a promoção de saciedade ao organismo.

Esse efeito é possível devido à presença de fibras, gorduras saudáveis e proteínas no ingrediente. Há ainda que se destacar que estudos já mostraram que pessoas que têm o hábito de comer nozes, grupo onde o amendoim está incluído, possuem a tendência de apresentar um Índice de Massa Corporal (IMC) mais baixo.

Outra pesquisa, divulgada em setembro do ano de 2008 no Journal of Nutrition (Jornal da Nutrição, tradução livre) teve conclusões parecidas. Os cientistas perceberam que comer regularmente nozes, como os amendoins, faz justamente com que o corpo fique satisfeito. Isso também faz com que haja uma compensação no que se refere à quantidade de calorias consumidas, já que come-se menos durante o dia. Assim, nenhuma mudança significativa em relação ao peso é observada.

Além disso, ao consumir nozes é possível obter uma leve aceleração no metabolismo e há a chance de que nem todas as suas calorias sejam absorvidas. E o mais interessante em relação à manteiga de amendoim é que o processo pelo qual os amendoins passam para dar origem à receita final não altera os efeitos desses benefícios, como determinou um estudo publicado em agosto de 2010 no British Journal of Nutrition (Jornal Britânico de Nutrição, tradução livre).

Boa alternativa para quem faz treinamentos físicos

A pasta de amendoim também se mostra uma boa alternativa de alimento a ser consumido para o pessoal que faz treinamentos físicos na academia com o objetivo de ganhar massa muscular. Em primeiro lugar porque ela é rica em proteínas – é possível encontrar 27 gramas do nutriente a cada 100 gramas de amendoim.

As proteínas exercem um importante papel em relação ao processo de construção muscular, tendo em vista que são responsáveis pela construção e reparação dos músculos.

O amendoim presente na receita também colabora no sentido de fortalecer e proporcionar maior resistência aos músculos.

Mas não é só isso. Na manteiga de amendoim também existe a presença de carboidratos de baixo índice glicêmico, que fornecem energia para o praticante ao longo do treinamento, sem provocar um aumento muito rápido dos níveis de açúcar no sangue e atuam no sentido de reduzir o acúmulo de gordura localizada.

Outros benefícios da pasta de amendoim 

Como nós já vimos aqui, a pasta de amendoim é uma fonte de gorduras saudáveis. E esse tipo de gordura traz benefícios para a saúde do coração. Além disso, incluir amendoins e alimentos feitos a partir dele na dieta auxiliam a baixar os níveis totais de colesterol no organismo.

O ingrediente principal da pasta, o amendoim, ainda previne o envelhecimento, fortalece as unhas e o cabelo e combate o mau humor e o estresse.

Pode soar contraditório, mas quem sofre com a falta de peso e precisa engordar também pode se beneficiar com a manteiga de amendoim. É que tudo depende da quantidade do ingrediente que é consumida, e de uma forma saudável, para quem necessita, a pasta de amendoim engorda.

Assim, quem precisa aumentar os quilos, recebe a recomendação de comer porções maiores para obter um ganho calórico maior. E é bem mais saudável recuperar o peso que falta consumindo alimentos calóricos com alto valor nutritivo, como é o caso da pasta de amendoim, do que ingerir itens ricos em calorias mas pobres em nutrientes, como é o caso das comidas fast-food, por exemplo. 

Receita de pasta de amendoim light caseira

Como prometemos nos parágrafos anteriores, segue agora uma receita de pasta de amendoim que você pode fazer em casa:

Ingredientes:

  • 1 xícara de amendoim torrado, sem pele e sem sal;
  • 1 colher (chá) de adoçante, mel ou açúcar mascavo.

Modo de preparo:

  1. Leve o amendoim em fogo baixo durante cinco minutos. Apenas aqueça-o e não deixe torrar;
  2. Bata no liquidificador até que obtenha uma pasta;
  3. Por fim, acrescente o adoçante, mel ou açúcar. Sirva-se e bom apetite!

Vídeos:

E aí, gostou das dicas?

Você tem o costume de comer pasta de amendoim? Como a utiliza em seus lanches e refeições? Já experimentou essa receita caseira? Comente abaixo!

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (48 votos, média: 3,90 de 5)
Loading...

6 comentários em “Pasta de Amendoim Engorda?”

  1. Gente foi mal eu não estava falando que o site é uma bosta é que quando eu enviava não dava aí eu fiquei nervosa e coloquei qualquer coisa e funcionou pelo visto

  2. Não entendo. Vocês escrevem um excelente artigo sobre o amendoim em todos os seus aspectos positivos, e no final apresentam uma receita com mel ou açúcar, de alto índice glicêmico. Não precisava. O amendoim é naturalmente gostoso. E não tem sentido apresentarem um artigo falando dos benefícios dele, especificamente pelo baixo índice glicêmico, se apresentam uma receita com açúcar ou mel no final. Pensem sobre isso.

  3. Bom dia!
    Gostaria de saber se essa receita pode ir para geladeira. E quanto tempo é ideal para consumi-la.
    Obrigada!

Deixe um comentário