Síndrome do intestino irritável – O que comer?

Especialista da área:
atualizado em 17/02/2021

Além das doenças cardiovasculares, especialistas apontam que a síndrome do intestino irritável é uma das doenças intestinais que cada vez mais tem atingido a população.

  Continua Depois da Publicidade  

Pesquisas apontam que os níveis de estresse e os maus hábitos alimentares, que são cada vez mais comuns ao redor do mundo, são os principais responsáveis pelo aumento dos índices destas doenças.

Sendo assim, neste artigo vamos conhecer o que é a síndrome do intestino irritável, saber quais são os principais sintomas e entender o que podemos comer para ter uma dieta que ajude a controlar a doença.

O que é a síndrome do intestino irritável?

A síndrome do intestino irritável (sii), também conhecida como síndrome do cólon irritável, cólon espástico ou doença intestinal funcional, é uma doença crônica do intestino grosso que apresenta alterações no movimento, na sensibilidade e também nas secreções do intestino.

Esta doença pode gerar enorme desconforto e transtorno, sendo considerada uma das queixas mais comuns nas consultas ao gastroenterologista e que exige cuidados ao longo da vida dos pacientes.

Os alimentos quando são ingeridos passam por diversas etapas no sistema digestivo. Uma dessas etapas, consiste na transferência do alimento do estômago para o reto através de um movimento, o qual é gerado a partir da contração e relaxamento dos músculos do intestino.  

No entanto, os pacientes que possuem a síndrome do intestino irritável podem sentir estas contrações intestinais mais fortes e por mais tempo do que o normal. A partir disso, surgem alguns sintomas característicos da doença, entre eles as dores, o acúmulo de gases, a diarreia e a flatulência.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, esta síndrome também pode gerar a redução do tempo das contrações, atrasando a passagem dos alimentos e deixando as fezes mais duras.

Diagnóstico

A realização do diagnóstico se dá, basicamente, através de exame clínico do paciente que normalmente apresenta dor e desconforto abdominal. Entretanto, o diagnóstico também inclui outros fatores, como um histórico de mudanças nos hábitos intestinais e nas características das fezes.

Através do exame clínico identifica-se a presença de dor durante a palpação profunda do abdômen e também uma possível distensão. No entanto, a realização de exame de sangue também é importante, pois há a possibilidade de confundir os sintomas com outras doenças gastrointestinais.

As causas da síndrome do cólon irritável não são totalmente conhecidas, porém, entre alguns dos possíveis motivos destacam-se:

  • Intolerâncias alimentares e alergias
  • Aumento do estresse
  • Mudanças hormonais em mulheres
  • Desenvolvimento excessivo de bactérias específicas no intestino
  • Problemas no sistema nervoso
  • Alguns tipos de infecções
  • Entre outras doenças relacionadas ao intestino

Quais são os principais sintomas?

mulher com dor abdominal

A maioria dos sintomas provocados pela síndrome do intestino irritável inclui:

  • Dor abdominal
  • Cólicas
  • Sangramento no reto
  • Desidratação severa
  • Constipação ou diarreia
  • Acúmulo de gases
  • Perda de peso involuntária
  • Náuseas
  • Abdômen estufado
  • Letargia
  • Deficiência de ferro e anemia
  • Vômitos
  • Entre outros.

Estes mesmos sintomas podem estar associados a outras doenças e devem persistir por pelo menos seis meses para que seja considerado crônico, sendo importante a avaliação adequada de um médico para realização do diagnóstico.

  Continua Depois da Publicidade  

A maioria das pessoas com a síndrome do intestino irritável consegue aliviar os sintomas com algumas mudanças na dieta e no estilo de vida. No entanto, alguns pacientes podem apresentar sintomas mais severos.

Assim, quando os sintomas são mais graves, pode ser necessária a intervenção médica e o tratamento com remédios específicos. Esta doença basicamente se apresenta em três tipos:

1. Com constipação

É quando o paciente elimina as fezes mais duras e em pequena quantidade, e há a sensação de eliminação incompleta. Neste caso, as pessoas precisam realizar um esforço maior e sofrem com dores abdominais constantes e distensão abdominal, além da sensação de acúmulo de gases.

2. Com diarreia 

Caracteriza-se por várias evacuações ao longo do dia que geralmente acontecem após as refeições, com volume pequeno. As fezes apresentam característica líquida ou amolecida, podendo ter a presença de muco ou até mesmo de sangue.

A dor abdominal geralmente é aliviada após a evacuação e a pessoa pode apresentar intestino desregulado e com caráter de urgência.

  Continua Depois da Publicidade  

3. Alternante ou misto 

A pessoa com o tipo alternante ou misto pode apresentar os dois tipos anteriores da síndrome do intestino irritável, alternando entre momentos com presença dos sintomas do tipo com diarreia e momentos com sintomas do tipo com constipação.

Sendo assim, é possível que ocorra mudanças no estado do paciente e também na consistência das fezes.

Como tratar a síndrome de intestino irritável?

O tratamento consiste em reduzir os sintomas e melhorar a qualidade de vida, já que muitas vezes se desconhece as causas.

Dessa forma, consultar um médico para iniciar corretamente o uso de medicamentos que ajudem a prevenir as crises torna-se importante. Além disso, é importante adotar uma dieta específica para intestino irritável, incluindo alimentos que o paciente possa consumir.

Também recomenda-se a eliminação de alguns alimentos que podem agravar os sintomas, como bebidas gaseificadas, alimentos gordurosos, cafeína, álcool, produtos lácteos e o glúten.

  Continua Depois da Publicidade  

Além disso, o aumento da ingestão de água também é fundamental para auxiliar na hidratação e na recuperação da doença, principalmente para os casos em que há desidratação severa.

Contudo, durante o tratamento também é importante que o paciente faça mudanças no estilo de vida, incluindo a prática de exercícios físicos regulares, a melhoria dos hábitos de sono, além da redução do estresse e da ansiedade.

Em casos em que os sintomas são mais graves, recomenda-se utilizar medicamentos que podem incluir remédios antiespasmódicos, anticolinérgicos, remédios para tratar a diarreia e medicamentos antidepressivos, que tratam os desequilíbrios de serotonina causados pela síndrome.

No entanto, é importante lembrar que, o paciente só deve utilizar medicamentos ou interromper o tratamento quando houver orientação médica.

O que comer e como montar uma dieta?

mulher fit comendo salada

Uma dieta para intestino irritável deve incluir alimentos que não provoquem irritação e a retirada dos alimentos que podem agravar os sintomas da síndrome.

Portanto, os alimentos estimulantes que contêm cafeína, entre eles o café, o chá preto, chá-mate, chá verde e o chocolate, não podem fazer parte da dieta.

Da mesma forma, alimentos com muito açúcar ou gorduras podem aumentar a irritação do intestino, portanto, não são recomendados. Também deve-se evitar bebidas alcoólicas e condimentos.

Além disso, a dieta deve ser preferencialmente dividida em pequenas refeições ao longo do dia, evitando grandes quantidades de comida de uma só vez, facilitando a digestão.

Alguns alimentos possuem propriedades calmantes e ajudam a prevenir as crises da doença. Sendo assim, é possível incluir chás como o de camomila, hortelã ou cidreira, frutas não cítricas como a maçã, a pera, a manga, mamão, uva, ameixa, abacate, entre outros

Do mesmo modo, legumes como a cenoura, a abóbora, o repolho, pepino, chuchu e alface também são boas opções para a dieta. Já em relação as proteínas, é possível incluir as carnes brancas de frango ou de peru, assim como os peixes, às refeições.

Além disso, alimentos probióticos como o iogurte ou o kefir são excelentes para auxiliar no equilíbrio da flora intestinal. Estes alimentos contêm microrganismos vivos que podem melhorar a qualidade da flora microbiana no intestino, que fica prejudicada em função dos sintomas de diarreia e desidratação.

Conclusão

A síndrome do intestino irritável é uma doença do intestino grosso que causa alterações no movimento, na sensibilidade e nas secreções do intestino.

Portanto, inúmeros sintomas desta doença podem gerar grande desconforto na vida das pessoas, incluindo vômitos, náuseas, constipação, diarreia, deficiência de ferro e anemia, letargia, acúmulo de gases, entre muitos outros.

O tratamento pode ser feito com pequenas mudanças na dieta e no estilo de vida, sendo importante saber o que comer e podendo ser feita a utilização de medicamentos em casos mais graves, quando orientado por um profissional da saúde.

Fontes e Referências Adicionais

Você já foi diagnosticado com a síndrome do intestino irritável? De que tipo? Que diretrizes de dieta o médico lhe receitou? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (9 votos, média 4,78)
Loading...
Sobre Equipe MundoBoaForma

Quando se trata de saúde, é muito importante poder contar com uma fonte confiável de informações. Afinal de contas, sabemos que a sua qualidade de vida e bem-estar devem estar em primeiro lugar para você. Por isso, contamos com uma equipe profissional diversificada, com redatores e editores que desenvolvem um conteúdo de qualidade, adaptando-o a uma linguagem de fácil compreensão para o público em geral, tendo por base as mais confiáveis fontes de informação. Depois disso, todo artigo é revisado por profissional especialista da área, para garantir que as informações são verídicas, e só então ele é publicado no site. Tudo isso para que você tenha confiança no MundoBoaForma e faça daqui sua fonte preferencial de consulta para assuntos relacionados a saúde, boa forma e qualidade de vida. Conheça mais sobre os profissionais que contribuem para a qualidade editorial do portal.

  Continua Depois da Publicidade  

Deixe um comentário

8 comentários em “Síndrome do intestino irritável – O que comer?”

    • Tenho colon irritavel à quarenta anos fiz de tudo que eram exames medicamentos variáveis nada ajudou até hoje contínuo no especialista g astrologia e não tenho melhoras tenho todos os dias sintomas desagradáveis tudo o que como me faz mal tenho tentado de tudo me sinto muito desiludida e com medo de comer. Tens algum concelho para me ajudarem agradeço

      Responder
      • ana me escute , eu só respondi seu comentário porque é recente

        Não de ouvidos a médicos , eles só querem o seu dinheiro
        tire 1 hora do seu dia , para correr , repito correr não caminhar ate você nâo aguentar mais .
        evite comer nada que nao seja a natureza que produz , ou seja evite algo que veio de uma fabrica de alimentos .
        procure assistir algo na televisão ou internet que te faça feliz , evite programa estressantes.

        faça tudo isto você ira se curar

        Responder
      • Ana tenho o mesmo problema! É muito ruim! Você tem que procurar um nutricionista especialista em síndrome do intestino irritavel

        Responder
  1. Tenho esse problema e sofri por bastante tempo. Os médicos queriam passar medicamentos caros, comprei alguns, mas não ajudou e um deles comentou que era por tempo indeterminado. Parei. Me ajudou consultar uma nutricionista. Me passou uns suplementos para eu poder fazer uma dieta de 15 dias só com ovos e legumes. Ficou claro que era alimentação mesmo. Não tinha intolerância a lactose, e a principio tb ao glúten. Mas percebi que café com leite, pão, sorvetes, churrasco e principalmente cerveja me fazem passar muito mal. Suco de cenoura (1) com cenoura (2) e gengibre me ajudou mt!

    Responder
    • Tenho intestino irritado a sete anos faço tratamento,o médico fica testando remédios em mim quase não vale nada,faço uma dieta forte,fiquei um mês direto com diarréia,até que ele passou o remédio lonium emaleato de trimebutina foi o que melhorou hoje estou de retorno ao gastro,fiz a consulta mês passado e estou retornando hoje

      Responder