Venlafaxina

Venlafaxina Engorda ou Emagrece?

Algumas pessoas buscam alternativas múltiplas na luta para emagrecer. Fazem tudo o que lhe é indicado, deixando, muitas vezes, a saúde de lado. O excesso de peso não é saudável para ninguém, porém, dietas malucas também não.

Há quem tome, por conta própria, laxantes, diuréticos, inibidores de apetite, antidepressivos, etc. Um dos antidepressivos que algumas pessoas tomam tentando perder peso é Venlafaxina, mas há boatos de que a Venlafaxina engorda também. Vamos confirmar o que é verdade?

O que é Venlafaxina?

Venlafaxina é um antidepressivo indicado para o tratamento de ansiedade, transtorno do pânico e quadros de depressão variados.

Esse medicamento age nas substâncias químicas do cérebro (serotonina e noradrenalina), que quando estão em desequilíbrio, causam a depressão.

Venlafaxina engorda ou emagrece?

Não se pode dizer que Venlafaxina engorda, mesmo porque, em alguns casos, Venlafaxina emagrece.

Em ensaios clínicos, 3% dos participantes relataram alterações no peso. Alguns deles ganharam peso, enquanto outros, perderam.

Vamos entender melhor:

  • Venlafaxina emagrece quando uma das causas do ganho de peso advém da ansiedade, que provoca uma busca descontrolada por comida, principalmente doces. Nesse caso, o medicamento ajuda a controlar o transtorno de ansiedade, diminuindo a compulsão por alimento, e permitindo que a pessoa consiga seguir uma dieta.
  • Outro fator desencadeante da perda de peso diz respeito à recuperação da autoestima, proveniente da restauração do equilíbrio dos níveis de serotonina, que ao longo do tratamento, os antidepressivos promovem. Ao recuperar a autoestima, a pessoa já não sente no alimento a sua única fonte de prazer.
  • Há relatos de que um efeito colateral é que a Venlafaxina engorda, mas isso foi relatado em menos de 1% dos casos. Esse ganho de peso pode não ser devido ao medicamento, mas sim à depressão que o paciente está buscando curar. Podendo estar ainda numa fase de implantação do medicamento no organismo, o paciente ainda mantém o comportamento depressivo.
  • Dificilmente um antidepressivo apresentará resultados antes de 4 semanas de tratamento, podendo esse prazo se estender, dependendo do estado emocional do paciente. Portanto, seria leviano afirmar que Venlafaxina engorda.
  • Também temos que considerar que pessoas deprimidas dificilmente sentem disposição para atividades físicas, caminhadas ao ar livre e etc, o que também colabora para o ganho de peso.
  • Outro dado é que 70% das pessoas que tomam antidepressivos são mulheres, que já tem muito mais propensão a engordar, devido às suas variações hormonais.

Fome x Compulsão alimentar

Vamos entender a diferença, para termos melhor noção:

– Fome

Entende-se por fome a resposta do organismo, que durante um período muito prolongado, esteja carente de alimentos que lhe forneçam os nutrientes indispensáveis à sua manutenção e saúde. Quando isso ocorre, o cérebro manda o aviso de que é preciso repor as energias, e aí então sentimos fome.

– Compulsão alimentar

É uma situação onde o indivíduo come quantidades exageradas de alimentos, muito além do necessário, incontáveis vezes durante o dia. Esses alimentos geralmente são hipercalóricos, cheios de açúcares, gorduras e sal. Não há investimento em qualidade alimentar, somente quantidade. Algumas pessoas compulsivas comem até se sentirem mal.

Geralmente, após essa crise compulsiva, o indivíduo sente culpa, o que acaba levando a pessoa a ingerir mais alimentos, criando-se assim um ciclo vicioso.

A compulsão alimentar é uma das principais causas do ganho de peso. Nos quadros depressivos acompanhados de transtornos de ansiedade, muitas vezes, algumas pessoas ganham peso, por atribuir à comida sua única fonte de prazer e alegria.

A compulsão alimentar está atrelada à ansiedade, que desencadeia essa busca frenética por alimentos em algumas pessoas.

Efeitos colaterais

Em alguns ensaios clínicos, foram observados alguns efeitos colaterais relacionados à Venlafaxina.

Alguns pacientes relataram efeitos comuns como insônia, tontura, náuseas, dores de cabeça, visão turva e sonolência. Em outros pacientes foram observados problemas de falta de libido, mudanças de apetite, desconforto gastrointestinal e ansiedade.

Os efeitos colaterais indesejados e considerados severos atribuídos à Venlafaxina estão ligados ao aumento da pressão arterial, dores no peito, elevação do colesterol e confusão mental.

Alguns relatos esporádicos de zumbidos nos ouvidos, dificuldade em urinar e edemas.

Possíveis ocorrências de indisposição gástrica podem ter origem na forma equivocada de tomar o medicamento, que não deve ser ingerido quando o estômago estiver vazio.

Efeito colateral bom 

A maioria das pessoas vive buscando eliminar gorduras e peso, porém, algumas estão na outra ponta da história, vivendo uma situação totalmente contrária, ou seja, há pessoas que ao entrarem em depressão emagrecem abruptamente, e encontram sérias dificuldades em recuperar o peso perdido.

Para esses casos, o ganho de peso como efeito colateral após o início do tratamento com antidepressivos é um sinal de melhora do paciente, que conseguiu recuperar o apetite, passando a se alimentar normalmente.

Nesses casos, quando a Venlafaxina engorda o paciente, é um bom sinal!

Quem não deve tomar Venlafaxina

  • Pacientes com glaucoma;
  • Pessoas com propensão a pensamentos suicidas;
  • Crianças;
  • Gravidez e lactação.

Considerações finais

Obviamente, esse artigo tem caráter meramente informativo. Tomar ou deixar de tomar Venlafaxina é uma decisão que deve ser discutida com um profissional da área.

Todo medicamento antidepressivo deve ser prescrito por um psiquiatra, que após uma consulta e exames clínicos, chegará à conclusão sobre o tipo de medicamento necessário a cada pessoa, bem como a dosagem.

Tomar Venlafaxina, única e exclusivamente, com o intuito de emagrecer, foge aos propósitos do medicamento, mesmo porque, há outros fatores que levam a pessoa a engordar, como por exemplo, disfunções hormonais, endócrinos, genética, etc.

Você conhece alguém que tenha tomado Venlafaxina com o intuito de emagrecer ou engordar? Já tomou este medicamento alguma vez? Comente abaixo.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (300 votos, média: 3,89 de 5)
Loading...
Revisão Geral pela Dra. Patrícia Leite - (no G+)


ARTIGOS RELACIONADOS

128 comentários

  1. oi comecei a tomar venfalexina a quatro dias, sinto tontura e muito lesada, fico com o corpo mole o dia todo, e eu dirijo então gostaria de saber se alguem sentiu esses sintomas horriveis, gostaria de saber se alguem toma no periodo da noite ao inves do dia, ate estou pensando em parar

  2. Eu já tomei velafaxina e engorda sim! Pedi para meu médico mudar o medicamento pois além de deprimida ter que ficar gorda era o fim!

  3. Ola se o Efexor xr 75mg, engorda eu ainda n sei. Mais se o remedio é exatamente pra tirar toda a ansiedade, como que engorda. Faz 3 dias que estou tomando, e me sinto bem mal. N como direito.. acabou minha fome… e outra o meu remedio n é nenhum generico….entao me digam como ele engorda?

  4. Comecei dia 17/01 com a venlafaxina , me tirou da crise pior . Porem me sinto tonteada , mole , sonolenta , cabeça pesada . levantei a noite para comer bolachas recheadas , coisas q eu nunca fiz na vida , acho q deu ansiedade . Vou tentar mais um pouco ate acabar a caixa . Espero não engordar .

  5. Eu ja tomo a mais de um ano ,os primeiros dias sao terriveis as sencacoes mas depois passa me recuperei mt bem sa depressao ate parei de tomar ricotril p dormi
    Perdi peso bem mas poremm perdi a vintade de sexo e sou recem casada c um rapaz de 23 anos eu tenho 40.

  6. Eu tomo a mais de um ano e parei por conta e nos dias recentes que parei tive palpitação,ansiedade, dor de cabeça, enjoo, vista turva,cansaço, falta de ar, sonhos confusos , sem sono e quando dormiria tinha uma sensação ruim de querer acordar e não conseguir! Horrível

  7. Maria Rosibete lopes

    Boa tarde comecei a tomar velafaxina de 37,5 Estou no oitavo comprimido, não tive muitos efeitos colaterais. Estou no começo, espero que de tudo certo. Estou tomando para depressão.

  8. Comecei a tomar o essence tem 2 meses,minha médica mudou para esse pois o sertralina estava me fazendo muito mal,mas não vi melhoras….ele me deixa sem ânimo,quero dormir o dia todo além de me sentir muito inchada e estar engordando muito….minha vontade é parar por contra própria mas tenho medo.No meu caso ele engorda sim.

  9. Meu médico receitou hoje 24 de maio venlafaxina 75 g
    Mas depois de tantos relatados negativos sobre o medicamentos, fiquei com medo da reação que ele pode me dar.

  10. Nanci Xavier da Silva

    Já tomo a 8 meses ventilif já perdi 9 kg já tive todos os sintomas inclusive sudorese e até pesadelos RS s vou verificar com minha médica pois não quero perder mais peso. Atualmente 62 mas continuo ansiosa e faço três coisas ao mesmo tempo. Gostaria que ela substituice

  11. Monica De Matos Durci Garcia

    Oi meu médico me receitou venlafaxina, ainda nem come-se a tomar, mas vendo tantos comentários ruins sobre o remédio, nem sei se vou tomar, pq na verdd eu na quero emagrecer mais do qe já sou magra

  12. Eu tomava fluexotina e mudei pra Venlafaxina decentemente. Comecei com 75gr que me dava vontade de comer doces, porém depois do aumento da dose pra 150mg minha fome sumiuuuu. Tenho que me esforçar pra comer. O médico disse que é normal, já que a partir da dosagem de 150 mg esse medicamento começa a atuar de outra forma. Portanto não deixem de tomar por isso, logo mais o médico aumenta a dose, concuindo assim o tratamento.

  13. Pois é comigo está acontecendo o mesmo, eu tenho que me esforçar pra comer e perdi bastante peso. Daqui a pouco vou sumir!!!! Mas é um ótimo remédio, para mim estabilizou.

  14. Roseli de oliveira fascine

    Tomo venlafaxina há 6 meses me sinto bem engordei 8 quilos mais tomo outros medicamentos também como por ex… quetiapina e lamitor

  15. Celeste Marcondes Machado

    Comecei a tomar há mais de 30 dias e estou gostando muito, nenhuma reação, excelente medicamento.

  16. Eu estou engordando não quero mais tomar minha depressão vem junto com transtorno alimentar ainda engordando é o fim

  17. Maria das graças moreira lopes

    Eu estou tomando há 4 meses mas engordei e o pior de tudo me tirou totalmente a libido. Eu sou casada e tinha uma vida sexual ativa. Agora não tenho desejo algum.

  18. Beatriz Silva Da Costa Lima Gonçalves

    Eu engordei com Desve de 50mg… Estou chateada com isso….

  19. Desculpe, mas acho que esse parte de engordar ou não depende mais da dieta alimentar de casa Um. É um antidepressivo e ano ansiedade, não um reecuador alimentar.

  20. Olá tomo efexor(venlafaxina) a 2 meses tenho 58 anos e estou me sentindo ótima,estava pra baixo antes desse medicamento agora sou outra pessoa. quanto ao peso não engordei nem emagreci.agora quanto a libido, nem quando tinha 20 anos tinha tanto desejo sexual,esse medicamento renovou meu casamento.minha libido desde que entrei na menopausa era zero.pra mim efexor que e o original,e ótimo.

  21. já tomo a 6 meses para regular os calores da menopausa, pois não posso fazer reposição hormonal. não tive nenhum efeito colateral e acabaram os meus calores, então para mim foi maravilhoso

  22. Iniciei com 150 mg
    Acabou comigo , fiquei pior
    Muita dor de cabeça , tonturas , fraqueza
    Sensações horríveis , tomei uns 20 dias e parei por conta.
    Me sinto melhor e tenho medo de retomar .
    Tenho uma quantidade grande , caso alguém precise eu faço doação pois não irei usar.

  23. Venlafaxina é um Excelente medicamentos . No começo da uns efeito colaterais mais depois passa tomo pra ansiedade e depressão.

  24. Ozana 23 de outubro 2018 eu esto tomando a mais de um ano me sinto muito bem mais estou engordado não sei o que fazer. Bom dia

  25. 23 de outubro 2018 Eu estou tomando a mais de um ano me sinto muito bem désvelafaxina 50 mg so que estou engordado nao sei o que fazer o apetite e o mesmo.

  26. Olá…alguém está tomando este medicamento para enxaqueca? Meu neurologista indicou para enxaqueca, achei estranho, porque não tenho nenhum problema emocional e pelo que vi nos comentários, parece que este medicamento trata exclusivamente de situações emocionais….

    • Oi eu comecei a tomar me deu falta apetite,insônia e muita diarréia

    • Meu neurologista indicou para enxaqueca também, na dose de 37,5mg. Mas estou com receio com todos esses comentários. Alguém já tomou para enxaqueca e está funcionando?

      • Meu neurologista tb me receitou para enxaqueca e estou com medo de tomar. Já tomo sertralina para ansiedade. Se alguém puder compartilhar se toma o venlafaxina para enxaqueca se melhorou.

        • Oii Jeane, então eu que comentei em cima. Comecei a tomar e eu tomo junto com o topiramato.
          Meu neuro havia dividido a minha dose de topiramato em dois, mas assim eu continuei com crises. Por mim mesma juntei a dose e to tomando a venlafaxina, que até então só tem me dado muiiiiiito sono. Fora isso não vi nada de diferente.
          Eu não tenho depressão, muito pelo contrário, eu tenho transtorno de ansiedade e não entendi ainda onde o antidepressivo poderia me ajudar. Mas to no pensamento positivo de que ainda deve levar um tempo para a adaptação total e estou vendo como funciona.
          Mas assim que retornar ao meu médico pretendo buscar outra solução ou tirar ele, pq não vejo necessidade. Pelo menos para o meu caso. Eu senti mesmo foi sono e um aumento considerável do meu bruxismo e tensão no pescoço, o que não tem me ajudado de forma nenhuma. 🙂 espero ter ajudado.
          Quanto a fome, não reparei diferença. Até pq o topiramato é um medicamento que tira muito a minha fome e preciso cuidar isso.

          • Até agora não entendi pq o ginecologista me passou esse medicamento dizendo que é p evitar as dores da endometriose.

        • No meu caso reduziu muito as dores de cabeça, até mesmo as dores no corpo, começo deu sono, depois foi aliviando, meu caso é ansiedade, então estou me sentindo bem, uso genérico, succinato de desvenlafaxina monoidratado.

  27. Novembro 2017, além de acompanhamento com psicólogo e psiquiátrico comecei a tomar Citalopran, atarax e imovane, para tratamento da depressão, ansiedade generalizada e muitos problemas com insônia e mais. Depois de alguns meses de tratamento, como o quadro da ansiedade e insônia não estava melhorando, passei a tomar em junho o Venlafaxina 37,5. Tive uma melhora da depressão e da ansiedade, mas fui ficando mais apática, tal ponto que cheguei a não ter interesse algum por um vida social. Mas o maior efeito colateral que o Venlafaxina me deu foi uma sonolência enorme, não queria sair da cama. O resultado foi que em setembro aumentaram a minha dose, então passei a tomar o Venlafaxina 75, essa dose melhorou a minha depressão e ansiedade, mas por outro lado, perdi por quase completamente o interesse sexual, cheguei a pensar q era por causa da minha idade “52 anos”. Hoje, dez 2018 estou entrando no período de abstenção desse medicamento. Voltei para dose 37,5 g, e com ela voltou a sonolência, mas uma coisa q percebi, foi uma certa melhora no interesse sexual e meu problema de vista melhorou também” uso óculos progressivos e lentes de contato também. Estava tendo mais problemas para ler de perto e achava q era por causas naturais. Ainda bem, que minha médica diminuiu a dose, logo que em minha família tem alguns casos de glaucoma. Eu não estou aqui para dizer q este remédio seja ruim ou bom, pois cada caso é um caso. A gente sabe que problemas psicológicos não se brincam e é normal que os médicos alterem, tanto as doses como os medicamentos até que encontre o melhor tratamento para você. Seja o seu próprio fiscal e tenha o seu médico como seu melhor amigo que se pode confiar.

  28. Novembro 2017, além de acompanhamento com psicólogo e psiquiátrico comecei a tomar Citalopran, atarax e imovane, para tratamento da depressão, ansiedade generalizada e muitos problemas com insônia e mais. Depois de alguns meses de tratamento, como o quadro da ansiedade e insônia não estava melhorando, passei a tomar em junho o Venlafaxina 37,5. Tive uma melhora da depressão e da ansiedade, mas fui ficando mais apática, tal ponto que cheguei a não ter interesse algum por um vida social. Mas o maior efeito colateral que o Venlafaxina me deu foi uma sonolência enorme, não queria sair da cama. O resultado foi que em setembro aumentaram a minha dose, então passei a tomar o Venlafaxina 75, essa dose melhorou a minha depressão e ansiedade, mas por outro lado, perdi por quase completamente o interesse sexual, cheguei a pensar q era por causa da minha idade “52 anos” e também tive um aumento de peso. Hoje, dez 2018 estou entrando no período de abstenção desse medicamento. Voltei para dose 37,5 g, e com ela voltou a sonolência, diminuição no peso, uma certa melhora no interesse sexual, e o meu problema de vista melhorou também” uso óculos progressivos e lentes de contato. Estava tendo mais problemas para ler de perto e achava q era por causas naturais. Ainda bem, que minha médica diminuiu a dose, logo que em minha família tem alguns casos de glaucoma. Eu não estou aqui para dizer q este remédio seja ruim ou bom, pois cada caso é um caso. A gente sabe que problemas psicológicos não se brincam e é normal que os médicos alterem, tanto as doses como os medicamentos até que encontre o melhor tratamento para você. Seja o seu próprio fiscal e tenha o seu médico como seu melhor amigo que se pode confiar. O seu corpo é o espelho de sua saúde!

  29. Estou tomando para ansiedade. Estou no sétimo comprimido e o remédio tirou meu apetite. Não tenho fome, não consigo comer.

  30. EU TOMO VENLAFAXINA DE 75 E 150 MG,POIS ESTIVE COM UM QUADRO DEPRESSIVO,PARA MIM ENGORDEI E MUITO,MAS NAO DEIXO DE TOMAR,POIS MELHORA MUITO MEU HUMOR,COISA QUE SEM ELE EU VIVIA CHORANDO,NAO POSSO FICAR SEM ELE.EU GOSTEI MUITO DELE!!

  31. Me
    Tirem uma dúvida: eu tava tomando uma amostra grátis por 10 dias e troquei hoje para o da eurofarma. Achei q to mais com sono e mais mau estar. Vcs sabem se tem diferença de marca?

Deixe uma resposta

Seu email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*